Marte em Gêmeos ♊

Marte em Gêmeos é um posicionamento que podemos considerar
como bom se levarmos em conta a região do zodíaco em que gêmeos se situa: O
Signo anterior é detrimento de marte, e o posterior é a queda. Assim Gêmeos é
como um oásis feito de lógica, velocidade e agilidade em meio a inércia e o
melindre dos signos lunares. Além disso, as estrelas fixas que incidem
atualmente sobre o signo de gêmeos (sendo as principais Aldebaran 10°, Rigel 16°,
Bellatrix 21° e Betelgeuze 28°) tem todas afinidade com o planeta vermelho. O
segundo decanato de Gêmeos é regido por Marte e a região que vai dos 17° aos
23° de Gêmeos correspondem aos termos de Marte, região em que marte é inclusive
considerado fortalecido.
A principal marca dos nativos de Marte em Gêmeos é a pressa.
Podem ser ansiosos e se marte for aflito até desenvolver problemas relacionados
a isso. De modo geral gostam de velocidade e tem agilidade pra acompanhar a
velocidade do mundo que os cerca. O problema é que isso pode fazer com que suas
ações – e aí entra também sua força de trabalho – sejam rasas e superficiais.
Por pressa, marte em gêmeos pode deixar diversos detalhes pra trás e acabar
tendo desempenhos medíocres. Se irritam profundamente com a lentidão nos mais
diversos sentidos, seja a física , seja a mental. Tem dificuldade pra respeita
o rítmo alheio e aí reside um desafio pra vida: Aprender a controlar essa
irritação pra conviver em harmonia com os outros. De modo geral costumam ser
ativos, antenados com as novidades, práticos, objetivos e versáteis.  
Aquela máxima, “perguntar não ofende” com Marte em
Gêmeos pode se revelar falsa. Perguntar ofende sim, e quem tem esse marte se
irrita bastante com fofoqueiros, bisbilhoteiros e “entrevistadores”
de plantão. Eles mesmos podem ter o dom de usar perguntas como alfinetadas. A
agressividade de Marte em Gêmeos é dissimulada, disfarçada na forma de
brincadeirinhas sonsas e numa ingenuidade simulada. Tendem a ser profundamente
curiosos, não descansando enquanto não se interam dos fatos, tendo habilidade
pra extrair informações dos outros ou pra pressionar as pessoas a falar o que
eles gostariam de ouvir. Podem usar a disseminação de informações de forma
muito útil, sendo excelentes pra se promover e vender o seu peixe. Mas usam
dessa mesma habilidade pro ataque quando ofendidos, usando esse aspecto
disseminador como arma. O confronto direto com marte em Gêmeos dá vantagem a
eles porque sabem se expressar bem, são bons oradores, sustentam seus
argumentos com firmeza e tem capacidade pra intimidar quando as coisas estão
apenas no nível intelectual sempre se valendo das contradições do adversário.
Apesar disso, são facilmente intimidáveis por quem sabe se impor e não costumam
ser dos mais habilidosos nos confrontos físicos.
O período de Marte em Gêmeos favorece aos debates acalorados
e a brigas em função de discrepâncias intelectuais, ideológicas ou por questões
bobas de opinião pessoal mesmo. Se você for do tipo melindroso leva desvantagem
porque de modo geral a tendência é que a comunicação flua de forma mais
assertiva, até mesmo agressiva, mesmo entre quem não tem marte em Gêmeos. É uma
época que pode predispor a imprudência no trânsito, em função da pressa, que
tende a estar acima da média. É uma época excelente para o trabalho
intelectual, para a produção textual e pra resolução de questões burocráticas.
Fofocar, espalhar boatos, fazer brincadeiras bobas, esse tipo de artimanha
geminiana está sujeito a despertar reações violentas ao longo do período.
Lembrem-se: enquanto marte está em gêmeos, perguntar ofende sim!
Ingresso: 31/05/2013

Deixa gêmeos pra entrar em Câncer: 13/07/2013

A constelação de Perseus

Perseus é uma constelação que fica na região norte
do céu, não muito distante do equador celeste (a linha imaginária por onde
ocorre o trânsito do sol). Está próxima das constelações de Áries e Touro. Na
região desta constelação ocorre a chuva de meteoros conhecida como “Perséiades”,
fenômeno em que se pode observar diversas estrelas cadentes e que é observado a
mais de 2000 anos. Perseu era filho do próprio Zeus com a mortal  Danae, ele a visitou na forma de uma chuva de
ouro, engravidando-a nessa forma de Perseu. As Perséiades seriam portanto uma
referência a este feito do Deus dos deuses. Na Europa cristã este fenômeno é
conhecido como “As lágrimas de São Lourenço”. O fenômeno é visível anualmente a
partir de meados de Julho, registrando-se a maior atividade entre os dias 8 e
14 de Agosto, ocorrendo o seu pico por volta do dia 12. Durante o pico, a taxa
de estrelas cadentes pode ultrapassar as 60 por hora. Podem ser observadas ao
longo de todo o plano celeste, mas devido à trajetória da órbita do cometa Swift-Tuttle,
são observáveis principalmente  no hemisfério
norte e na direção Norte do céu. Pra esse fenômeno ser visualizado no Brasil, é
necessária uma região de pouca poluição luminosa e com poucas obstruções na
região norte. Quanto mais ao Norte do Brasil, mais provável de se conseguir visualizar
alguma coisa.
    
Na Mitologia, Perseu foi um grande herói, protegido pela
deusa Atena. Não à toa essa constelação fica bem próxima da constelação de Áries,
signo que tinha Atena como guardiã de acordo com Manilus. Um dos seus feitos
mais importantes  foi a aniquilação da Medusa,
entidade mitológica monstruosa que tinha serpentes no lugar dos cabelos e que
transformava em pedra quem olhasse pra ela. Pra conseguir destruir a criatura,
Perseu recebeu ajuda da deusa Atena, de Hermes 
e de Hades que lhe confeccionaram um escudo espelhado, uma sandália
alada e um elmo da invisibilidade. 
Perseu decapitou a Medusa e ainda usou a
cabeça da criatura como arma em algumas de suas aventuras, incluindo a morte da
Besta marinha conhecida como Cetus, salvando Andrômeda que seria devorada pelo
monstro, até entrega-la a deusa Atena que a colocou em seu escudo. Tanto Cetus
como Andrômeda tem suas próprias constelações e estão todos próximos de Perseus
e Áries.   
Sua estrela mais importante em termos astrológicos está
justamente na cabeça da Medusa. Essa região ficava paralela a longitude do
final do signo de Áries na época dos gregos e romanos. Atualmente fica no
terceiro decanato de Touro. Perseus se estende nos dias de hoje até o signo de
Gêmeos (entre 22° de Touro e 10° de Gêmeos).

Algol é a estrela Beta, e fica na cabeça da Medusa, aos 26°
de Touro. O nome árabe de Algol era “Al Ghul” que significa “o Demônio”,
correspondendo ao olho esquerdo da Medusa. Na Astrologia tradicional essa
estrela, apesar de não ser tão forte em termos de brilho, recebe uma
importância gigantesca em função do seu simbolismo, geralmente relacionada a má
sorte. É de fato aquilo que podemos dizer, em sentido astrológico, uma estrela
maléfica, mas não deixa de ser uma estrela poderosa e tem muita relação com o
poder exercido de forma tirânica, cruel e violenta. Lilly considerava essa estrela
maléfica por natureza e que um planeta conjunto a ela perdia força, como se
estivesse em seu detrimento (-5 de força).
Astronomicamente, Algol é uma estrela binária do tipo
eclipsante, ou seja, que perde brilho de tempos em tempos. Foram diversas as
culturas a associar Algol a coisas nefastas. O povo Hebreu anterior a Cristo
chamava essa estrela de “Rosh Ha Satan” que significa cabeça do demônio. Apesar
de todo malefício inerente, até mesmo na mitologia, vemos que a sábia Atena deu
uma utilidade para o mal representado pela cabeça da Medusa, colocando-a em seu
escudo. Entre os gregos, se confeccionava amuletos de sorte que tinham a figura
da medusa estampada. Podemos entender essa estrela como algo potencialmente
ruim, devastador, mas que se dominado, pode ser usado para algo útil, visto que
é uma estrela que significa grande poder.
Está associada à violência, a morte por decapitação ou
enforcamento e a autoridade. Pode por exemplo sugerir uma pessoa muito
autoritária e que por conta disso acaba atraindo muitos inimigos. O simbolismo
de “perder a cabeça” pode muito bem ser figurado, indicando, por exemplo,
pessoas que fazem loucuras por amor ou por poder. Há, portanto um conteúdo
extremado de ambição nessa estrela.   
Capulus não é exatamente uma estrela, mas um aglomerado de
estrelas, que fica na região correspondente a mão de Perseu que empunha uma
espada, aos 22° de Touro. Como todos os aglomerados, Capulus pode significar
obstrução, algo que impede a visão clara das coisas, como um véu a cobrir
determinado assunto. Se associada ao corpo físico, pode indicar problemas de
visão. Entenda os aglomerados estelares, na visão astrológica, como fatores que
borram ou impedem a visão, no sentido literal e no sentido figurado.   

Mirfak é a estrela alfa, e fica no corpo de Perseu,
atualmente aos 02° de Gêmeos. Apesar de ser a estrela mais brilhante da
constelação, não ganhou muita importância na tradição.  

Saturno em Virgem

 

Virgem é do elemento terra, da mesma natureza de Saturno. Mesmo assim, saturno por este signo é considerado somente peregrino. Se você já leu outros posts desta série que fala sobre saturno pelos signos, deve ter visto que, como maléfico, saturno não fica bem ao ter sua própria natureza aumentada. A única exceção é para o domicílio noturno de saturno (capricórnio). Esse é então um posicionamento que indica conservadorismo, medos e certa tendência ao pessimismo, tudo isso manifesto à maneira do signo de Virgem, através de suas características peculiares.   O apego à rotina e o perfeccionismo ganham um tom mais mórbido quando saturno está em Virgem. As rotinas correm o risco de se transformar em prisão e o perfeccionismo exagerado castra a autoestima e impede uma visão realista do mundo ao redor.
Virgem é o signo que empunha uma tesoura e remove tudo
aquilo que ele considera ruim, mal feito, desnecessário, excessivo,
pretensioso, resplandecente demais, grande ou pequeno demais, tudo aquilo que
desvia de um determinado padrão que ele elegeu como sendo o correto, como o ideal
de perfeição. O efeito que isso tem na vida é o de promover o aperfeiçoamento
de tudo através da remoção do que não contribui pra se chegar ao objetivo
desejado. Mas quem tem saturno em virgem pode ser muito rígido e severo na hora
de realizar a poda, frequentemente arruinando coisas que eram robustas e
saudáveis, mutilando, castrando, esquartejando sem dó nem piedade, sem levar em
consideração que todo corte gera uma ferida e um sangramento, e que cortes
profundos demais podem causar hemorragias e a morte. Claro, tudo isso num
sentido figurado.
Vivemos na prática o perfeccionismo de saturno em virgem
principalmente através da crítica. Criticar um aspecto essencial de um projeto
pode ter o efeito de realmente ajudar o autor a remodelar o que estava fazendo
em algo realmente melhor. Mas se por exemplo todos os aspectos de um projeto
forem criticados, isso pode  instaurar a
dúvida sobre a própria capacidade do autor, que pode eventualmente ser levado a
desistir do que pretendia fazer. Sendo assim, a crítica de saturno em virgem
tem um lado que pode ser profundamente destrutivo. O nativo de saturno em
virgem pode partir do princípio de que sempre haverá algo errado em tudo e que
basta procurar com cuidado que a falha sempre estará ali. O amadurecimento
começa a acontecer quando a pessoa aprende a discernir quando a crítica é
necessária, e quando a crítica tem o efeito de apenas promover amargura,
sofrimento e destruição. Compreender que sempre haverá falhas, que a perfeição
é tão somente um ideal, e que a crítica ao excesso de crítica também é algo
pertinente e deve ser levado em consideração.
A autocrítica em saturno em virgem pode ser especialmente
perniciosa. Partindo do princípio de que em tudo podemos encontrar falhas, a
pessoa acaba encontrando algo de errado em praticamente tudo o que diz respeito
a ela mesma. Quanto mais tenso saturno estiver no mapa, mais forte é esse
efeito e piores são os rombos que este excesso de crítica produz na autoestima
do nativo. O sentimento de inadequação, a sensação de que se está sempre em
falta, de que quase tudo é errado, termina por fatalmente tolher a liberdade e isso
pode levar a um sentimento constante de desconforto consigo mesmo que pode
sabotar diversas áreas da vida do nativo. Isso se observa, sobretudo nos
aspectos tensos deste saturno com o sol, marte e com a lua. O amadurecimento
neste caso surge quando a pessoa aprende a relaxar e a relevar alguns erros,
quando a pessoa aprende a aceitar e conviver com a existência da imperfeição e
da diferença.
A observação das regras e normas em saturno em virgem pode
assumir um aspecto tirânico. Em nome da ética e da moral, a pessoa ignora
completamente a existência dos sentimentos e do aspecto humano e as
consequências que uma simples denúncia pode ter sobre a vida de quem é
denunciado. Como um ciborgue de filmes de ficção científica, a pessoa pode
ignorar as circunstâncias e agir com completa falta de empatia com o seu
semelhante. O maior problema é que é bem possível que o próprio nativo aja
assim consigo, através de sua visão sempre muito crítica de si mesmo. Por nunca
se perdoar a pessoa acaba tendo grande dificuldade pra perdoar aos outros
também. Pode ser a sensação de que aparentemente todos podem “se dar bem” menos
ela mesma, que leva o nativo de saturno em virgem a ter uma postura sempre tão
policiadora.
Se saturno em virgem estiver em muita evidência ou tensão, a
pessoa pode ser pouco generosa e desnecessariamente frugal. Pode se dar pouco
prazer, pouco descanso e acaba aproveitando pouco da vida. Existe a mesma
característica poupadora que se observa em saturno em touro, mas neste caso há
mais habilidade e argúcia para os negócios, especialmente se outros fatores confirmarem
essa disposição. O grande problema é que a pessoa pode se privar de coisas
básicas, de conforto, de sabores, de sons, de vida, tudo pra evitar o “desperdício”.
Isso pode estar intimamente relacionado a falta de autoestima: por não enxergar
nada que seja digno de premiação em si mesma, a pessoa se pune através da
privação de diversas formas de prazer. O pior é quando a pessoa exerce
autoridade ou poder sobre outras, como seus filhos, por exemplo, e impõe o regime
de penúria sobre eles também. Ela amadurece quando aprende a reconhecer o
próprio valor e os próprios méritos, e a brindar a si mesma com o que a vida
tem de bom a oferecer.
Esta posição de saturno pode ser bastante cética e ter uma
abordagem naturalmente empírica, preferindo observar por si mesma um fato antes
de acreditar numa história qualquer. São apegadas a técnica, a ciência e a
modelos tradicionais. Outras podem ser religiosas e serem muito apegados a rituais.
São pessoas mais orientadas a ser intelectuais em algum nível.  Costumam ter uma preocupação natural com
higiene, saúde, dieta e exercícios; A pessoa pode ser muito preventiva em
relação a saúde, a ponto de poder desenvolver alguma forma de hipocondria.
Épocas marcadas pelo trânsito de Saturno em Virgem são
caracterizadas pela valorização da técnica, da norma, da correção e do
perfeccionismo. A crítica se torna algo frequente e passa a ter um peso mais
opressor do que em outros momentos. Existe também uma tendência básica a um
comportamento policiador das pessoas em relação umas as outras.  Tende a ser uma época produtiva, marcada pela
valorização do trabalho bem executado. A precisão, o conteúdo e utilidade das
coisas vale mais do que a mera apresentação das mesmas. Por outro lado,
questões relacionadas a etiqueta, higiene ou a aparência física das pessoas
ficam mais sérias, acaba existindo uma exigência maior em relação a uma padronização
das pessoas. Tudo o que desvia do normal chama uma atenção negativa em épocas
como essa, sendo encarado como doentio.
Períodos em que saturno passou ou vai passar pelo signo de
Virgem:
1889-1892
06/10/1889 a 25/02/1890 & 27/06/1890 a 27/12/1891 &
22/01/1892 a 29/08/1892
1919-1921
12/08/1919 a 07/10/1921
1948-1951
19/09/1948 a 03/04/1949 & 29/05/1949 a 20/11/1950 &
07/03/1951 a 13/08/1951
1977-1980
16/11/1977 a 05/01/1978 & 26/07/1978 a 21/09/1980
2007-2010
02/09/2007 a 29/10/2009 & 07/04/2010 a 21/07/2010
2036-2039

 

16/10/2036 a 11/02/2037 & 06/07/2037 a 05/09/2039

A constelação de Órion

A constelação de Órion é uma das mais belas e fáceis de se localizar
no céu, e é uma das mais tradicionais e também cultuadas ao longo da história.
É composto por um trapézio formado por 4 estrelas: Betelgeuze (Alfa), Rigel
(Beta), Bellatrix (Gamma) e Saiph (Kappa). No centro deste trapézio se encontra
o famoso cinturão de Órion, conhecido também como as três Marias: Mintaka,
Alnilam e Alnitak. Ainda na região desta constelação encontramos uma das poucas
nebulosas que são visíveis a olho nu, a Nebulosa de Órion.   
Os antigos egípcios associavam esta constelação com o deus Osíris,
que era a divindade mais cultuada por aquele povo, muito associado com a
simbologia básica do eixo Touro-Escorpião: Ele presidia a vida, a força vital
presente na terra que dá vida as plantas  e era também o grande juiz que ficava na sala
das duas verdades decidindo quem merecia ir para o paraíso gozar da
prosperidade eterna. Já os gregos associavam a dois diferentes mitos: Um deles
envolvia um gigante caçador que estava destruindo toda a fauna de uma
determinada região com seu apetite voraz. Gaia então envia um escorpião gigante
para picar o caçador e pôr um fim a matança que ele estava promovendo. O outro
Mito envolve outro caçador, de nome Orion, que defendia a população de uma
determinada região de feras selvagens. Ártemis (Diana), a virginal deusa da
caça e da lua se apaixonou por Órion. Mas seu irmão gêmeo, o Deus Apolo, que
nutria pela irmã um intenso sentimento de posse e ciúme, enviou um escorpião
gigante para perseguir Orion. Apolo provocou sua irmã para que ela matasse o
escorpião, mas ela acabou atingindo Orion que fugia do aracnídeo. Desesperada,
ela pede a intervenção de Zeus, que coloca tanto Orion quanto o Escorpião na
forma de constelações no céu.  As duas
narrativas devem ter origem no fato de que a constelação de Orion e de
Escorpião estão diametralmente opostas no céu. Quando Órion nasce no horizonte
leste, o Escorpião se põe, e quando é o escorpião que está nascendo, Órion está
se pondo. As duas constelações nunca ficam inteiramente visíveis ao mesmo
tempo.
Assim o significado básico de Órion é o de um grande
guerreiro/caçador. O sentido bélico também se observa no significado que se
atribui a suas principais estrelas, que geralmente concedem liderança e
honrarias militares. Órion está próximo das constelações de Touro e Gêmeos, na
região do equador celeste, sendo visível tanto no hemisfério sul quanto no
hemisfério norte. Na época dos gregos e dos romanos, metade da constelação de Órion
ficava posicionada na região paralela a passagem do Sol pelo signo de Touro, e
a outra metade era paralela ao signo de Gêmeos, numa região de aproximadamente
20° de longitude zodiacal. Atualmente Orion fica entre o segundo e o terceiro
decanato do signo de Gêmeos (10° a 29° de Gêmeos); Veja a localização zodiacal
de suas principais estrelas:
Rigel, apesar de ser a Beta da constelação de Orion é a
estrela mais brilhante da constelação e se localiza atualmente aos 16° de
Gêmeos. Rigel é a sétima estrela mais brilhante em todo o céu visível a partir da
terra. Fica localizada no pé esquerdo de Órion e significa rapidez, agilidade,
esperteza, sorte e boa fortuna. É indicadora de criatividade, dons musicais e
artísticos de modo geral. A peculiar característica de Rigel ter um brilho
bastante variável, as vezes rilhando menos do que Betelgeuze, as vezes
brilhando muito mais do que esta, pode sugerir um elemento forte de “altos e
baixos” na vida dos nativos que são afetados por ela. Amy Winehouse tinha essa
estrela no Ascendente e um dos horários apresentados para o mapa de Michael
Jackson também apresenta essa estrela no ascendente. O cantor Prince tem essa
estrela em conjunção com o Sol.         
Bellatrix é conhecida também como a dama guerreira ou a
estrela amazona. A própria palavra Bellatrix, que vêm do latim, significa
literalmente guerreira. Fica localizada aos 21° de Gêmeos e fica no braço
esquerda de Órion, o que aparece segurando um pelego de leão. Significa honrarias
militares, popularidade e um pouco de sorte. No mapa de mulheres sugere
atrevimento, audácia, coragem, a personificação da “mulher guerreira”.

Betelgeuze era tida como a estrela mais brilhante de Orion (sendo
considerada até hoje como a alfa desta constelação) mas como se observou que
Rigel tem um brilha variável e muitas vezes brilha muito mais do que Betelgeuze,
ela jã não é considerada a mais brilhante. Fica localizada aos 28° de Gêmeos,
na região do ombro direito de Órion, do braço que segura uma espada. Significa
agressividade, coragem, força, honrarias e vitórias militares, sucesso e
amizade com pessoas poderosas, além de criatividade e dons artísticos. Era
também associada a explosões, incêndios e mortes causadas por raios, tendo
portanto um simbolismo bem uraniano se pensarmos num contexto moderno. Lady
Gaga tem essa estrela no Ascendente 

Mapa Astral: Angelina Jolie

Angelina Jolie é presença frequente nos chamados tabloides
que noticiam basicamente fofocas relacionadas a vida de pessoas famosas. Mas
nos últimos dias ela chegou a estampar capa de diversos jornais com a notícia
de que teria realizado um procedimento cirúrgico preventivo de mastectomia ,
motivada por um exame genético que indicava que ela tinha 87% de chance de
contrair câncer de mama e cerca de 50% de chance de contrair câncer nos
ovários. A notícia causou reações diversas; Muitas pessoas se sensibilizaram e
manifestaram apoio a Angelina, outras ficaram estarrecidas com a brutidão e o
radicalismo da atitude. Do ponto de vista astrológico a atitude de Angelina não
poderia ser mais simbólica. Vamos entender o por quê.
Em primeiro lugar vamos dar uma olhada no mapa de nascimento
de Angelina Jolie. Ela nasceu em 4 de junho de 1975 às 09:09 da manhã, em Los
Angeles na Califórnia. Veja o mapa:
Vemos Ascendente no signo de Câncer, quase no último grau do
signo. Câncer  é justamente o signo que
rege os seios na astrologia. Angelina ganhou destaque na última década
interpretando uma heroína dos videogames cuja marca registrada eram justamente
os seios. Neste caso, vemos que além de ter Ascendente em Câncer, Angelina tem
Vênus em Câncer cravada no Ascendente. Basicamente é um posicionamento que
indica beleza, sensualidade, simpatia e carisma de sobra. Indica uma pessoa
agradável, afável, criativa e artística também. E por estar no signo em que se
encontra, denota mulheres que se destacam, em termos de beleza, eventualmente
ou justamente pelos seios. O Ascendente em Câncer fala também de uma
personalidade mais reservada, mais sensível, apegada a família e as raízes.
Vemos que Angelina tinha também Saturno em Câncer, este colocado na casa 12.
Isso revela uma natureza um tanto insegura, conservadora e basicamente medrosa.
Isso é um lado insuspeito da natureza de Angelina e que é muito pouco
comentado, mas que detectamos no seu mapa. Isso ocorre porque este saturno entra
em conflito com um Stellium que Angelina tem no signo de Áries, posicionado
justamente no MC e que contradiz o lado inseguro de saturno em Câncer. Já vamos
entender como isso funciona na prática.
A Lua é um dos planetas que fazem parte desse stellium, e a
lua é justamente o planeta que rege o ascendente de Angelina. É um dos planetas
mais fortes do seu mapa. A lua em Áries indica uma pessoa de natureza
voluntariosa e impulsiva, emocionalmente franca e descomplicada, um tanto
melindrosa e reativa, mas geralmente direta, do tipo que não guarda
ressentimentos. Esta lua forma conjunção com Marte, o que torna Angelina uma pessoa
muito corajosa, impulsiva, ativa e reativa, além de impaciente e por vezes
descuidada. A lua forma ainda conjunção com Júpiter, otimista, altiva,
magnânima, generosa e cheia de fé e boa vontade em relação à vida. Essa
configuração toda forma a imagem da heroína dos filmes de ação que tornaram
Angelina famosa, justamente porque ela se encontra em conjunção ao meio do céu
da artista. O meio do céu fala da carreira e também da forma como a pessoa fica
conhecida publicamente.
Saturno em Câncer está em quadratura com este Stellium; Se
por um lado esse stellium indica uma pessoa de atitudes impulsivas, que
transparece firmeza, coragem e autoconfiança, a quadratura com saturno em
Câncer na casa 12 revela que a pessoa é secretamente bastante insegura e a postura
temerária pode ser exagerada justamente como uma reação e tentativa de
afirmação da pessoa contra esses medos. É excelente ter saturno na casa 12 (é o
júbilo de saturno) porque neste caso o verdadeiro ponto fraco da pessoa fica
escondido, fica longe dos olhos alheios.    
Angelina tem ainda sol em Gêmeos em oposição a Netuno e
Mercúrio em Gêmeos retrógrado, ambos na casa 11. Ela é uma mulher inteligente,
articulada e dinâmica, mas que pode frequentemente entrar em ondas de autoengano,
uma vez que nasceu com sol em oposição com Netuno em Sagitário. Plutão em
oposição ao stellium em Áries revela um outro lado, extremista e radical na
hora de tomar suas atitudes, que como já vimos, são tomadas de forma bem rápida
e impulsiva.
A cirurgia de Angelina vem à tona justamente quando vemos a
quadratura entre urano em Áries  e plutão
em Capricórnio tocando diretamente o stellium de Angelina, com plutão na casa 6
formando quadratura aos planetas em áries e Urano, planeta do extremismo, das
mudanças mais fortes e das quebras de paradigma, formando conjunção com marte e
com a lua. Ela sem dúvida vai voltar novamente as manchetes em breve porque o
processo dessas quadraturas , que leva a diversas mudanças radicais nas
estruturas de vida, está só começando e se estende até 2015; O ponto mais
intenso vai ser o primeiro semestre de 2014, quando Angelina estará lançando um
filme em que interpreta uma releitura da personagem Maligna (Maleficent) do
conto “A bela adormecida” em um filme que recebe o nome da personagem.

Urano tem realmente este efeito de chocar, de deixar todos
estarrecidos. O que chama mais atenção é que ele passa em conjunção com o
planeta do mapa da Angelina que rege especificamente o corpo, e também em
conjunção com Marte, significador natural de cirurgias. Vemos muito da quadratura
de saturno com o stellium por trás deste acontecimento na vida da atriz. Vale
lembrar que Angelina conviveu durante 10 anos (entre final dos anos 90 até
2007, ou seja, durante o auge de sua carreira) com a doença de sua mãe que veio
a falecer ao final, depois de uma longa batalha. O medo e o trauma decorrentes
desta experiência, como sugere saturno em câncer, podem ter sido fortes motivadores
da decisão radical de Angelina, assumida com muita coragem e destemor como
manda o stellium ariano. Poucas coisas são mais sagradas pra uma pessoa que tem
uma ênfase tão forte no signo de Câncer do que a mãe. Ver a mãe sofrendo tanto
ao final da vida deve certamente ter mexido profundamente  com o emocional da atriz, que de 2007 pra ca
tem tentado assumr um estilo de vida mais discreto e familiar, apesar das
constantes filmagens, e consequentemente teve muito peso em sua decisão.    

Saturno em Leão

Leão é um dos detrimentos de Saturno, mas como Leão é um
signo de fogo, masculino, que rege a triplicidade participativa de Saturno,
neste caso o detrimento não é considerado tão forte quanto em Câncer, onde
saturno é totalmente peregrino. Existe um elemento de honra e dignidade em quem
tem saturno em Leão que é extremamente útil na hora de suportar eventuais
adversidades. Mesmo diante da vergonha e da derrota, há uma postura digna.
Mesmo diante da mais intensa humilhação e na situação mais desvantajosa, existe
um elemento de gana e de coragem que não se perde. A questão da honra, do
orgulho e da coragem, entretanto, acaba por ser também fonte dos principais
problemas relacionados a esse saturno. Outra questão problemática pode ser a
ambição, sede por poder e a vivência da tirania, seja agindo como o tirano
sobre alguém, seja sendo vitima da tirania alheia em algum momento.

O problema central ao longo da vida vai girar em torno das
questões do ego e da autoconfiança. Esses elementos acabam sendo muito sensíveis,
com o orgulho do indivíduo sendo facilmente ferido. Tende a haver uma pressão
muito grande, na maioria das vezes produzida pela própria consciência, mas que às
vezes é projetada na forma de figuras tirânicas e exigentes (como um pai), que
geram na pessoa um nível muito elevado de expectativas e de medos relacionados
ao êxito dos seus empreendimentos; O medo do fracasso empurra a pessoa a
frequentemente cumprir a sua própria profecia e a confirmar seus temores. Mas
ao mesmo tempo a pressão da consciência sempre leva a pessoa a se esforçar e
tentar de novo, da mesma forma, levando a um ciclo de repetições que só é interrompido
 quando a pessoa finalmente aprende que
não é necessário vencer sempre, que não é uma vitória em particular ou a
perfeição em todos os sentidos que mede o quão exitosa é uma pessoa em sua trajetória
de vida.
Frequentemente, mesmo sem preparo, organização  ou mesmo confiança a pessoa se lança em
empreendimentos que são muito maiores que ela, coisas megalomaníacas, que estão
num patamar que não é impossível de ser alcançado, mas que ainda está distante
da pessoa, como se ela estivesse arquitetando inconscientemente uma derrota.
Munida de um senso traiçoeiro de autoconfiança o nativo pode se colocar em
situações assim e depois se sente culpado e derrotado quando não obtém o êxito
ou quando obtém resultados muito abaixo do esperado (por ele mesmo). A ideia de
que basta confiar e se lançar nos projetos, sem preparo, disciplina ou
organização é o principal ponto fraco dos mais jovens, e o amadurecimento vem
sempre quando a pessoa percebe que é necessário seguir etapas, que a ambição
não pode ser a única justificativa pras suas ações e que uma derrota não
significa que a pessoa está completamente fora da “guerra”.

Outra coisa que pode acabar sendo bloqueada é a criatividade
quando a pessoa pressiona a si mesma a ser um “gênio”, sem antes passar por
todos os processos de amadurecimento até vir a se tornar o gênio que ela
gostaria de ser. Saturno em leão é a criatividade que deve ser trabalhada, exercitada
ao longo da vida. As ideias vão surgindo conforme a prática, conforme o tempo
passa. O brilhantismo não é pra ninguém a norma, ninguém tem somente ideias
geniais durante 24 horas por dia. Só fracassa quem realmente desiste; Se a
pessoa insistir em esperar que o sucesso vá brotar em sua mente como num passe
de mágica, ledo engano. Comparando-se aos outros, especialmente os que exibem
os frutos do seu sucesso, a pessoa esquece que o que fica aparente é somente o
resultado e não a trajetória que a outra pessoa seguiu pra chegar aonde chegou.
Poucos são os que têm orgulho das suas cicatrizes. É muito comum a pessoa que
tem saturno em leão comparar-se com alguém que tem o dobro de experiência que
ela e se sentir mal por não conseguir ainda os mesmos resultados.  Se optar pelo caminho longo do esforço, com o
tempo vai colher os frutos.
A pessoa que tem Saturno em leão deseja transmitir força,
integridade e firmeza, quer passar uma imagem que tenha credibilidade e não há
nada de errado com isso. Mas nesse processo ela pode acabar ficando
excessivamente rígida, transmitindo uma força que ameaça os outros, um senso de
integridade intransigente que ela pode acabar estendendo aos que a cercam
dentro de uma lógica que se aplica exclusivamente a ela, e usando de um excesso
de firmeza que beira a tirania. O interessante é que a pessoa só aprende a
relaxar nesse sentido conforme os anos passam, especialmente após o primeiro
retorno de saturno.  Tende a existir uma
aversão a qualquer forma de autoritarismo, mas sem perceber o nativo pode
acabar revivendo o mesmo processo depois de maduro, só que colocando-se no lado
da autoridade, exercendo a tirania que ele tanto abominava. A rigidez pode
comprometer o senso de humor. Apesar de ironizar e rir bastante do mundo a sua
volta e inclusive de si mesma, a pessoa pode ser incapaz de conviver com o
senso de humor alheio, especialmente se este fizer a mínima referência a ela ou
algo com o qual ela se identifica. Não basta aprender a rir de si, mas também
permitir isso aos outros sem que isso necessariamente signifique uma
experiência de humilhação.
Em alguns casos, sobretudo quando saturno aparece muito
aflito, a pessoa pode erroneamente se lançar numa busca pelo reconhecimento do
seu brilho pessoal através de uma conduta que a expõe excessivamente, as vezes
a levando ao ridículo. Cada tentativa de autoafirmação é um novo golpe na
autoestima. Libertar-se da pressão que faz a pessoa crer que só há espaço no
mundo para o sucesso e para perfeição, aceitar suas eventuais derrotas, aceitar
quando não tem condições de fazer ou de ser algo, essas são as verdadeiras
provações, os verdadeiros desafios que terão de ser superados ao longo da vida.
Uma manifestação oposta disso e que pode ser dada por um saturno em
configuração muito tensa no mapa, é uma timidez quase patológica que faz com
que a pessoa tenha verdadeira fobia de ser o centro das atenções. Medo e desejo
simultaneamente. O céu e o inferno ficam no mesmo lugar, no centro do palco sob
todos os holofotes. O problema não é nem a execução do ato: o problema reside em se expor sob risco de não receber aplausos; 

Uma época de saturno em leão pode ser caracterizada por uma
intensa busca, em nível coletivo, por aprovação, reconhecimento, autoridade e
sucesso. O mundo de repente fica mais competitivo do que de hábito; Muita gente
pode passar a acreditar piamente que é alvo da inveja alheia, mas no fundo isso
não passa do desejo de ser alvo dessa inveja, já que ninguém inveja quem não
faz sucesso ou se destaca de alguma forma e o foco desta época é esse. Muita
gente passa a correr atrás dos seus 15 minutos de fama, sem sucesso. Ser forte,
valente, autoconfiante, corajoso e viril passa a ser uma premissa, obviamente
que para os homens. Os sentimentos machistas são mais reafirmados digamos
assim. A mulher precisa obrigatoriamente parecer confiante, segura de si. O
sucesso pode nem existir de fato, mas todos se sentem na obrigação de mostrar
pro vizinho o quanto estão confiantes, seguros de si e fazendo sucesso. É a
busca pela singularidade, cada um buscando encontrar sua fonte de luz própria e
um motivo pra se orgulhar de si mesmo. Em nível coletivo, passa a ser muito
difícil lidar com a derrota. Na última passagem de Saturno em Leão foi lançado
um filme que exibiu com maestria toda essa dinâmica da pressão pelo sucesso e a
dificuldade de se aceitar a derrota: Little Miss Sunshine (2006).

Épocas em que Saturno esteve e em que saturno vai estar em
Leão:  
1887-1890
18/08/1887 a 09/03/1888 & 21/04/1888 a 06/10/1889 &
25/02/1890 a 28/06/1890
1916-1919 (primeira guerra mundial)
17/10/1916 a 07/12/1916 & 24/06/1917 a 12/08/1919
1946-1949
02/08/1946 a 19/09/1948 & 03/04/1949 a 29/05/1949
1975-1978
17/09/1975 a 
14/01/1976 & 05/06/1976 a 16/11/1977 & 05/01/1978 a 26/07/1978
2005-2007
16/07/2005 a 02/09/2007
2034-2037

26/08/2034 a 15/02/2035 & 11/05/2035 a 16/10/2036 &
11/02/2037 a 06/07/2037

Saturno em Câncer

Podemos considerar Saturno em Câncer como o pior local pra
se encontrar o planeta Saturno, pois este é um dos detrimentos deste planeta, e,
além disso, neste signo Saturno é peregrino durante quase a totalidade de sua permanência.
Câncer é um signo de água, frio e úmido. A frieza neste caso aumenta o aspecto
saturnino relacionado aos medos e inseguranças a um nível exagerado. Esse
posicionamento manifesta-se de maneira similar a carta da lua do tarot, mas
numa versão ainda mais pessimista. Um pessimismo fantasioso, irrealista, acaba
por atrapalhar bastante o senso de equilíbrio individual. São pessoas que
possuem uma tendência natural a ampliar a gravidade dos problemas, a temer fortemente
coisas improváveis de acontecerem com elas e a ter uma memória seletiva para
fatos ruins.   
A julgar somente por este posicionamento  tem-se a ideia de que o nativo será
basicamente uma pessoa muito conservadora, no que diz respeito a estilo de
vida, objetivos pessoais, planos para o futuro e ideologias. Em todos os sentidos
possíveis. Tudo é matizado por uma constante luta pela sobrevivência, onde a
pessoa precisa se precaver e deve evitar tudo o que é novo, pra garantir sua
segurança. A questão da própria sobrevivência, do próprio sustento é levada
muito a sério e transforma-se num elemento primário. O medo de viver privações,
o medo da escassez é maior do que aquele que encontramos em saturno em touro.
No final das contas, esses medos funcionam de forma a fazer com que a pessoa
consiga garantir sua base. Mas o efeito colateral seria um apego ferrenho a
elementos que lhe são familiares, existindo pouca flexibilidade, baixa
capacidade pra lidar com elementos novos e inesperados e dependência de coisas
que são fadadas a serem perdidas em um momento ou outro. Esse tipo de
dependência é perigosa e a chegada do momento em que aquela garantia é perdida,
pode ser marcado por uma crise muito forte e difícil de administrar.
A ideia do abandono pode ser um elemento muito importante na
vida, marcando profundamente a personalidade. Podem ser pessoas que viveram em
tenra idade experiências muito fortes relacionadas a abandonos reais. Assim, na
vida adulta a menor ameaça da possibilidade da reencarnação de uma experiência
de abandono é encarada com pavor e um exagerado sentimento de condenação.
Qualquer forma de rejeição afetiva acaba sendo vivida como se fosse um abandono
de fato, o que normalmente não é o caso. A insegurança e a prevenção em relação
as possibilidades futuras de abandono podem fazer com que a pessoa crie uma
situação claustrofóbica dentro dos seus relacionamentos afetivos, pressionando
a uma fuga do parceiro ou amigo, de forma inconsciente. No final a pessoa
sempre termina se sentindo o menor abandonado novamente, sem conseguir enxergar
muito claramente onde começou o erro, o seu erro. Esse problema tende a ser ainda
mais grave naqueles que tem muitas oposições e quadraturas envolvendo saturno
em câncer, especialmente com a lua e com Vênus. Conjunções com a lua e com Vênus
também são bem fortes neste aspecto. Como estratégia de autodefesa, mas orientados
pelos mesmos motivos, alguns nativos podem adotar um comportamento de quebra em
toda relação que fica íntima demais, fazendo o papel de quem “abandona”,
evitando assim se transformar na vítima da história. A questão é que a mesma
dor é sentida, como se a própria pessoa tivesse sido abandonada, sendo que tudo
o que ela fez foi precipitar algo que poderia não ocorrer, ou que poderia
demorar muito a ocorrer.
As relações familiares tendem ser fortes, e existe uma
imensa necessidade de estrutura e segurança nesta área da vida, existindo
principalmente a necessidade de uma relação saudável com a mãe e outras figuras
femininas importantes. Tende a existir um apego ás próprias raízes e a pessoa
costuma respeitar bastante a memória dos seus ancestrais. Por outro lado, um
saturno fraco ou alvo de muitas quadraturas pode significar basicamente um
sentimento de profunda vergonha em relação a sua família ou suas origens. Pode
ser uma tendência a querer renegar seu passado, seu local de origem, sua ancestralidade.
Como se este mesmo passado fosse algo opressor e condenatório. Aqui, pra que a “condenação”
de fato não ocorra, é necessário que a pessoa busque conscientemente fazer as
pazes com este passado e com esta ancestralidade. Que volte a seu local de origem
e aprenda a olhar pra ele com generosidade, com menos mesquinhez e egoísmo. Que
esteja em paz com sua história.
A memória tende a ser muito boa, mas pouco generosa, sendo
melhor para os fatos mais ruins, penosos e dramáticos. Tende a haver uma
tendência básica a não digerir muito bem seu próprio passado, o que leva este a
reaparecer na forma de lembranças fantasmagóricas, que literalmente assombram a
pessoa. Só que de nada adianta ignorar ou fugir dessas lembranças, a pessoa
precisa fazer um esforço consciente pra mergulhar nestas memórias e tentar
aborda-las de forma mais racional. A partir disso é que um real processo de
amadurecimento começa a ocorrer. Quando a pessoa vai abandonando suas defesas,
seus medos e inseguranças, quanto mais racionalidade coloca em sua vida, mais
livre e leve se sente, mais fácil e prazerosa fica a vida. Conviver com as
lembranças sombrias e ficar como refém delas não ajuda em absolutamente nada! É
necessário coragem pra expulsar seus próprios fantasmas, limpar o próprio sótão
de vez em quando e transformar os pesadelos do passado em lembranças que foram
superadas.         
Épocas marcadas por Saturno em Câncer são marcadas por um
clima muito interessante de nostalgia. Todos se voltam mais para o seu passado,
suas origens, sua história, e diversos movimentos de retorno e de reencontro podem
ser observados. Quem tem a memória seletiva para os fatos ruins, quer tenha
saturno em câncer ou não, vai viver o mesmo clima, mas no caso é lógico que as
memórias ruins se farão mais presentes. Tudo depende da abordagem de cada um. Mas
saturno em câncer basicamente traz a nostalgia generalizada como característica
temporal básica daquele momento. Uma tendência das pessoas a se importarem mais
com a natureza (nossa grande mãe terra) e a conservarem os sentimentos mais
puros umas pelas outras. A intimidade passa a ser mais valorizada e a invasão
de privacidade se transforma em falta gravíssima. Com saturno em câncer
percebemos que intimidade e confiança precisam ser construídas, não é “só
chegar chegando”. É uma época marcada por conservadorismo e imobilidade, as
coisas tendem a se manter e as tentativas de mudança não são nada facilitadas.
Inovações, bizarrices, quebras de paradigma: nada disso tende a ser bem aceito.
Voltar a fazer coisas como se fazia na época da vovó? Evidente que sim! Se era
bom naquela época, é obvio que vai ser bom agora. “É assim que as coisas são”.
Câncer tende a despertar um forte interesse pelo passado, pela história e por
uma abordagem mais retrô nas artes.
Um detalhe curioso é que o signo em que saturno ganha o
máximo possível da sua velocidade é o signo de câncer. Quando ele passa por
este signo, sua órbita está mais próxima do sol, portanto sua permanência é
menor. Isso se observa melhor analisando o tempo de permanência de saturno em
Câncer e saturno em Capricórnio, do ponto de vista heliocêntrico: a diferença é
de cerca de 6 meses.   
Períodos em que Saturno esteve e em que saturno vai estar em
Câncer
1914-1917
24/08/1914 a 07/12/1914 &  11/05/1915 a 17/10/1916 & 07/12/1916 a
24/06/1917
1944-1946
20/06/1944 a 02/08/1946    
1973-1976
01/08/1973 a 07/01/1974 & 18/04/1974 a 16/09/1975 &
14/01/1976 a 05/06/1976
2003-2005
03/06/2003 a 16/07/2005
2032-2035
13/07/2032 a 26/08/2034 & 15/02/2035 a 11/05/2035

O Temperamento

Antigamente, um dos tópicos principais da Astrologia era a análise do temperamento de acordo com o mapa astral, segundo a antiga teoria formada por Hipócrates, sábio grego que viveu a 2400 anos atrás. A base da personalidade de uma pessoa é ditada pelo temperamento, assim como pelas condições dos pontos principais relacionados ao corpo e a mente: O Ascendente, a Lua e o Sol.

Há diversas maneiras de se calcular o temperamento, mas em todas elas existe algo em comum: Elas usam sempre o Ascendente e a lua como base. As formas mais simples vão considerar somente os signos do ascendente e lua e os planetas que fazem aspectos com eles, bem como seus dispositores. Outras vão além: consideram todos os planetas na casa 1, o Sol, o Almuten Figuris…

A lógica que permeia todos os métodos, entretanto, é a mesma: Encontrar a ESSÊNCIA do mapa astral em questão. Então podemos dizer que o temperamento é isso: a essência de uma pessoa, que irá reger suas disposições comportamentais mais básicas e instintivas, aspectos orgânicos relacionados ao funcionamento do metabolismo, e vai modificar todos os indicadores do mapa, onde quase tudo vai funcionar de forma a concordar com o que diz o temperamento.

Para isso se faz um levantamento das qualidades primitivas que compõe cada um dos elementos considerados na análise. Veja mais sobre qualidades primitivas aqui:

https://megastrologia.com/2009/12/as-qualidades-primitivas.html

Então, após um levantamento de todos os fatores, determina-se o Temperamento daquela pessoa, baseando-se nas qualidades primitivas que se sobressaem, com algumas exceções  É porque em alguns casos ocorrem empates: existem inclusive pessoas que tem equilíbrio dos temperamentos, não apresentando nenhuma acentuação digna de nota, o que não representa um problema, mas apenas uma particularidade, uma forma de manifestação das coisas. De certa forma, todos tem em si todos os humores. Digamos que ao calcular o temperamento, vamos ver qual ou quais se sobressaem.    

Os 4 humores são:

O Colérico, relacionado ao fogo, com predomínio seco e quente. São mais extrovertidos, dinâmicos, agressivos, dominadores e impulsivos. Costumam ser líderes assumindo a dianteira nas situações de forma natural. Esse temperamento é regido por Marte e também pelo Sol, os planetas mais masculinos.

O Fleumático, relacionado com a água, com predomínio úmido e frio. São mais introvertidos, sedentários, estáveis, constantes, passivos, afetuosos, criativos e artísticos. Costumam ser apaziguadores e a reagir diante dos fatos de forma neutra e firme, apesar de serem extremamente sensíveis, românticos e atraentes. Esse temperamento é regido pela Lua e também por Vênus, os planetas mais femininos.

O Melancólico, relacionado a terra, com predomínio frio e seco. São introvertidos, sérios, responsáveis, controladores, líderes natos, ambiciosos e calculistas, além de intelectuais. Como o nome sugere, tem uma natureza mais melancólica, as vezes apática caso aja excesso dessa influência. Esse temperamento é regido por Saturno e também por Mercúrio, os planetas do intelecto.

O Sanguíneo, relacionado ao elemento ar, com predomínio quente e úmido. São extrovertidos, hedonistas, otimistas, divertidos, sensuais, irresponsáveis, fúteis e superficiais. Sacrificam as responsabilidades em nome do prazer com muita facilidade, mas costumam ser companhias agradáveis. Esse temperamento é regido por Júpiter, planeta do otimismo.

Caso queira saber qual é o seu temperamento, você pode agendar comigo uma consulta de mapa astral. Nesse tipo de análise é realizada o cálculo cuidadoso do temperamento  e sua interpretação é feita levando também outros elementos modificadores do mapa natal. Veja abaixo como proceder:

Mapa Astral

Marte em Touro ♉

Este é um posicionamento desfavorável pra Marte, porque Touro é um dos detrimentos deste planeta, e mais do que isso: é o signo oposto ao local onde Marte fica mais forte, em Escorpião. Mesmo assim Marte tem triplicidade participativa nos signos de terra, indicando que marte neste signo ainda tem um lado positivo a ser levado em consideração. O frio do elemento terra refreia a impulsividade e a agressividade de Marte. Sendo Touro um signo de Vênus e da Lua, o que acontece é que esse refreamento pode ser um pouco exagerado. Basicamente, Marte em Touro segura a raiva até o limite, funcionando como uma panela de pressão que contém dentro de si um volume muito maior que o normal, acelerando os processos de cozimento com a pressão gerada pelo vapor que não é liberado. O problema é que a panela de pressão tem um limite, e assim é todo e qualquer ser humano: é impossível segurar o ódio, o impulso destruidor, violento e sanguinário simbolizado por Marte indefinidamente. Em algum momento essa energia pesada concentrada vai ter que sair, e o ideal é que isso não ocorra através de uma explosão, pois os efeitos podem ser devastadores. Pessoas que tem Marte em touro precisam conscientemente exercitar a expressão saudável da energia marciana. O grande problema é que o impulso dos signos lunares (Touro e Câncer) é o de censurar tais sentimentos e energias, e estando Marte logo num desses signos, seria como se ele censurasse e tentasse anular a si mesmo. Existe uma aversão aos sentimentos feios, à raiva, à dor, à violência e portanto uma tendência a tentar sufocar a aparição dessas coisas na vida. Os signos lunares tentam “engolir” a raiva, tentam “engolir” os conflitos, sufocar a tensão, o elemento disruptivo. Tudo o que é visto como ameaça, com potencial deflagrador de instabilidade é imediatamente soterrado. É fácil controlar os nossos próprios impulsos, mas é impossível “deter” o mundo a nossa volta de forma indefinida. Uma hora as coisas que segurávamos fogem do controle e temos que lidar com uma série de problemas em simultâneo.

Apesar da vantagem de Marte em Touro não necessariamente significar violência, sua faceta repressora transforma-se em algo que acaba por ter um efeito que alimenta e atrai reações violentas. Quanto mais você tenta deter uma força, a tendência é que ela retorne cada vez com mais força. Muito mais fácil é lidar com os problemas quando eles são pequenos e surgem de lampejo, apesar da instabilidade , o problema em estágio inicial é mais simples e leve. Apesar de parecer nobre, evitar a violência tem o potencial de apenas gerar mais violência. Não se neutraliza um problema tentando negar sua existência: é por isso que Marte está tão forte em escorpião, neste signo, assim que o problema surge ele é interceptado e neutralizado, mas não é censurado ou renegado: é enfrentado. Outra questão do Marte taurino tem haver com o sentir, e nesse sentido esse marte, em mapas onde ele aparece em situações de conflito com outros planetas, pode simbolizar coisas como a violência física e a tortura. Como força de trabalho, marte em touro pode funcionar a contento porque a pessoa costuma ser produtiva, apesar de lenta. Não será das mais ágeis ou rápidas, mas será das mais consistentes, estáveis e terá um oportuno senso de continuidade.

Um momento de Marte passando pelo signo de Touro favorece ao trabalho lento e contínuo. Não é hora de fazer nada correndo, é hora de manter os pés firmes no chão e trabalhar dentro das possibilidades. Dois efeitos negativos podem ser percebidos: Situações antigas de contensão tendem a explodir agora, ficando impossível segurar os problemas e fazendo com que suas consequências sejam demolidoras. Ou então pode se dar início a processos de repressão agora, que não são adequados e que trariam consequências daninhas no futuro. É uma fase desfavorável para a maioria dos processos simbolizados por marte, como cirurgias, início em atividades físicas, início em novos empregos ou início de conflitos judiciais. Um conflito iniciado sob Marte em Touro pode estar fadado a não encontrar solução, devido a um sentimento no ar que é completamente contrário a formação de acordos, em função do aspecto teimoso e obstinado do signo de Touro.

Ingresso de Marte em Touro: 20/04/2013 11:48
Deixa Touro pra entrar em Gêmeos: 31/05/2013 10:38

Saturno em Gêmeos

Trata-se de um posicionamento onde Saturno se encontra bem
colocado, já que neste signo ele tem triplicidade. Saturno em Gêmeos pode ser
compreendido basicamente por 3 medos básicos: Medo de não saber o suficiente, medo
de não ser ouvido ou respeitado por suas opiniões e o medo de não conseguir se
adaptar ao mundo que o rodeia. Esses 3 medos funcionam como motores para coisas
que no fundo são positivas: O medo de não saber o suficiente tende a levar a
pessoa a naturalmente buscar conhecimento. O medo de não ser ouvido e
respeitado em suas opiniões leva a pessoa a aprender a se comunicar de forma
mais adequada, e o medo de não conseguir se adaptar ao mundo que a rodeia leva
a uma vontade natural de explorar e conhecer a fundo esse mundo que a cerca,
pra que a adaptação possa se processar, e a se colocar em situações de novidade
(como em viagens) pra que seu senso de adaptação seja confrontado. Seria assim
na melhor das hipóteses, mas evidente que saturno neste signo também pode ter
suas manifestações mais negativas a depender das configurações do mapa que
envolvem este planeta.
O medo de não saber o suficiente é evidentemente uma das
coisas mais úteis que podem ocorrer a alguém, porque isso indica que a pessoa
será voltada ao aprendizado. Mas sempre ficará o vazio, a pessoa sempre se
sentirá em falta, porque por mais que ela saiba, sempre haverá uma pergunta que
a pessoa não saberá responder. E não saber responder algo ou reconhecer que não
sabe algo pode se revelar um grande desafio pra esses nativos. Tanto que muitos
vão se pegar em situações onde estarão inventando respostas, apenas pra não
passar pela “vergonha” de reconhecer que não sabem, especialmente porque muitos
lutam e se apegam ao status de ser o especialista ou mestre de determinado tema.
Quanto mais subestimarem a inteligência alheia, mais serão levados a mentir, e
mais vergonha passarão quando essas mentiras forem descobertas em um momento ou
outro.   Mentir acaba se tornando um artifício
corriqueiro pra tapar buracos, e sempre são mentiras bobas e desnecessárias.
Essa tendência a mentira compulsiva pode ser encontrada principalmente nos que
tem muitas oposições ou quadraturas envolvendo saturno, especialmente com a lua
ou mercúrio.
Dificilmente saturno em gêmeos vai mentir nos assuntos mais essências
de sua vida, porque apesar do que foi descrito acima, existe uma imensa consciência
em relação aos aspectos daninhos da mentira que envolve, por exemplo, o plano
dos sentimentos ou dos negócios. Falo de mentiras sérias, tipo aqueles segredos
de novela;  Nos casos em que a pessoa é
levada a isso por algum motivo, o sentimento de culpa causado por se carregar
uma mentira pode ser muito difícil de se suportar e a pessoa vai se colocar
deliberadamente ou inconscientemente em situações em que é descoberta pra que
seu martírio termine. A maturidade é quem vai fazer a pessoa a cada vez mais
viver uma vida sem mentiras, de consciência limpa. Isso inclui as mentiras “bobas”,
que se tornam estorvos: o tempo também ensina muito sobre a inutilidade dessas.
   Outro problema decorrente do medo de não saber
o suficiente é o pedantismo intelectual, onde a pessoa oferece demonstrações
gratuitas e desnecessárias sobre os seus fantásticos conhecimentos. Esse
problema tende a afetar principalmente os mais jovens e também é superado com a
maturidade. Com o tempo sempre aprendemos que há hora certa pra se dizer de
tudo, e no caso de saturno em gêmeos o domínio desse “timing” tende a
transformar-se em meta desde muito cedo.   
O medo de não ser ouvido leva a uma constante busca pelo
respeito e pela consideração dos outros. Ser “levado a sério” transforma-se em
dilema pessoal.  Isso pode levar a pessoa
a se esforçar bastante pra superar este medo e de fato obter o reconhecimento e
o respeito que ela julga merecer. Mas muitos podem crescer acreditando que sua
voz não precisa ser ouvida, tornando-se silenciosos e temendo dar sua opinião,
dizer o que pensam. É muito importante se perceber que aquele dito “quem cala
consente” transforma-se em realidade e pode comprometer a muitas pessoas que
tem saturno em gêmeos se elas não se conscientizarem da importância daquilo que
elas não dizem. O silêncio transforma-se nos grilhões da alma e sem perceber a
pessoa vai se submetendo aos outros, quando a liberdade é algo simples de se
conquistar, se faz no simples ato de dizer não, de denunciar, de expor sua opinião,
seu pensamento, gritar sua própria existência. Muitos, por serem ansiosos pra
se fazer ouvir podem apresentar problemas relacionados a fala. Isso será mais
verdadeiro se saturno afetar diretamente mercúrio, o ascendente ou a casa 1 e
seu regente. Problemas de dicção, de gagueira, dentre outros problemas de
natureza física ou somente psicológica podem ser simbolizados pela presença de
saturno em gêmeos, desde que envolvido em configurações que afetam diretamente
o corpo, a imagem e a fala do nativo.  
O signo de Gêmeos tem como características a versatilidade,
a adaptabilidade e a capacidade de rapidamente compreender e se mesclar a uma
nova realidade. Essa nova realidade pode ser o prédio ou a vizinhança nova, uma
nova escola ou curso, um novo emprego, até mesmo outro país se a pessoa vai pra
fincar raízes por um tempo. Ter saturno em gêmeos, entretanto, pode indicar a
sensação de que a pessoa não possui essas habilidades – e de fato, pode ser
mesmo que não possua. Isso significa que as áreas da vida representadas por
esse saturno vão requerer da pessoa um esforço consciente da parte dela pra que
ela se torne mais flexível e adaptável pra assim conseguir agregar o novo a sua
vida. Mas essa sensação pode ser generalizada, e assim a pessoa com saturno em
gêmeos estará o tempo inteiro buscando por novidades, não de forma frívola, mas
encarando tais novidades como desafios para sua capacidade de se adaptar ao
novo. Em outros casos, entretanto, em manifestações mais negativas deste
saturno, a pessoa pode viver com a crença que de fato não consegue se adaptar a
novidade, passando a vida a fugir de toda forma de inovação e de tudo que
desafie seu senso de estabilidade. Agindo dessa forma, é como se ela se recusasse
a amadurecer. 
Épocas de Saturno transitando por Gêmeos tendem a ser muito
boas de modo geral. São momentos que estimulam a interação entre as pessoas, a
conversa, a troca, o debate. São épocas em que as pessoas buscam estar mais
próximas uma das outras, mas num ponto que não prejudica a liberdade de
ninguém. É momento que favorece demais as relações baseadas em amizade. Há
também uma tendência geral as pessoas quererem ficar mais bem informadas, pra
não fazerem papel de “tapadas”. Parecer ignorante pode despertar sentimentos de
vergonha profunda. As diferenças de pensamento tendem a ser respeitadas, mas as
pessoas precisam mostrar que merecem esse respeito todo o tempo, e é aí que os
mais tímidos e silenciosos podem sofrer um pouco, porque quem já tem medo de se
expressar, ou dificuldades inatas, tende a ver isso piorar. Mas pode ser também
o momento de promover uma mudança nisso, libertar a própria voz. É uma época em
que as pessoas ficam mais ágeis e brincalhonas também e ficam mais dispostas a
brincar, fazer trotes, e todos precisam entrar no clima, do contrário os
sentimentos de rejeição podem ser bem fortes também. Tudo o que for radical,
extremista, veemente, tudo que vier se impondo como fato irrefutável, como “verdade
absoluta” corre o risco de ser rechaçado. É uma época de pensamento  mais relativista digamos assim. Outra coisa
pesada nas épocas de saturno em Gêmeos é a mentira. Carregar uma mentira numa
época como essa é como carregar o peso do mundo, deve ser evitado ao máximo.
Mentiras antigas correm sério risco de serem reveladas.   
Períodos em que Saturno ficou e em que Saturno vai ficar em
Gêmeos:
1912-1915
07/07/1912 a 30/11/1912 & 26/03/1913 a 24/08/1914 &
07/12/1914 a 11/05/1915
1942-1944
08/05/1942 a 20/06/1944
1971-1974
18/06/1971  a
10/01/1972 &  21/02/1972 a 01/08/1973
& 07/01/1974 a 18/04/1974
2000-2003
09/08/2000 a 16/10/2000 & 20/04/2001 a 03/06/2003
2030-2032
31/05/2030 a 13/07/2032