Tag: Júpiter

Júpiter em Aquário

Este é um trânsito que ocorre desde o final de 2020 se estendendo até o fim de 2021. Trata-se de um momento de discreto fortalecimento para Júpiter, que vem do signo de sua queda, Capricórnio. No signo de Aquário Júpiter tem a fraca dignidade da triplicidade participativa. Então não é o melhor posicionamento para este planeta, apesar de representar um alívio em relação a sua condição anterior.

Aquário é um signo de Ar, regido por Saturno e extremamente racional. Grande parte da relativa fraqueza de Júpiter neste signo se deve a isso: esse é um planeta movido a fé, a otimismo e empolgação, e ele não encontra nada disso no signo de Aquário. Porém, diferente dos signos que são a ruína de Júpiter (Virgem, Capricórnio e Gêmeos), existe uma fagulha de esperança em Aquário. Inclusive Pandora abrindo sua caixa é uma excelente alegoria pra se pensar este signo.

Em Aquário a esperança , frágil, se reflete na certeza da absoluta aleatoriedade das coisas. Então não é como a fé inabalável dos signos de fogo e água, e também não é como o ceticismo adstringente dos signos de Mercúrio. Trata-se de uma atitude de indiferença em relação a própria sorte, onde não existem expectativas, e existe uma abertura para as surpresas positivas. Quer dizer, como não se espera nada, o que quer que aconteça nem surpreende e nem decepciona. É uma atitude apática, quase passiva em relação aos acontecimentos.

No lado mais positivo, esse é um posicionamento humanitário, tolerante, libertário e que normalmente traz algum nível de consciência social. Entretanto, a atitude indiferente de aquário leva este signo a ser muito mais um teórico do politicamente correto, deixando a desejar na parte prática. É quando Júpiter chega no signo seguinte, de Peixes, que a empatia e a compaixão tipicamente piscianas começam a fazer mais diferença.

Detalhes deste Trânsito de Júpiter em Aquário

Júpiter ingressou em Aquário em dezembro de 2020 e imediatamente formou conjunção com Saturno, e quadratura com Urano logo no início de 2021. Ele não forma mais nenhum aspecto importante com planetas mais lentos que ele até o fim de seu trânsito por Aquário.

O que torna esse trânsito diferente é que ele sofre uma divisão, causada por um rápido ingresso de Júpiter em Peixes em meados de 2021 (um total de 3 meses) para depois retornar para aquário e finalizar esse trânsito em dezembro de 2021. A próxima passagem de Júpiter em Aquário vai ocorrer entre 2032 e 2033, e será dividida em 3 partes em função das retrogradações que ocorrem com Júpiter no começo e depois no fim de aquário. Abaixo podemos ver uma tabela que lista todos os momentos importantes deste trânsito atual de Júpiter em Aquário:

00°00′ Aquário19/12/2020Ingresso de Júpiter em Aquário
00°29′ Aquário21/12/2020Conjunção com Saturno em Aquário
06°43′ Aquário17/01/2021 Quadratura minguante com Urano em Touro
08°00′ Aquário23/01/2021Quadratura crescente com Marte em Touro
09°21′ Aquário28/01/2021Conjunção com o Sol em Aquário
22°19′ Aquário27/03/2021Início da Shadow Phase (zona de retrogradação)
00°00′ Peixes13/05/2021Ingresso em Peixes
02°11′ Peixes20/06/2021Início da Retrogradação
29°59’R Aquário28/07/2021Retorno de Júpiter para Aquário (retrógrado)
29°52’R Aquário29/07/2021Oposição com Marte em Leão
27°12’R Aquário19/08/2021Oposição com o Sol em Leão
22°19′ Aquário18/10/2021Júpiter fica direto
26°24′ Aquário08/12/2021Quadratura Minguante com Marte em Escorpião
00°00′ Peixes29/12/2021Reingresso de Júpiter em Peixes

Este trânsito é muito favorável para quem tem os signos de Libra, Sagitário e Gêmeos fortes. Por outro lado, para Aquário, Áries e Leão, o trânsito ou é mais brando, ou traz consigo coisas simultaneamente positivas e negativas. Para Escorpião e Touro, este trânsito tem o potencial de trazer desorganização, arrogância, impulsividade, além de grandes expectativas com sérios riscos de decepção.

Dignidades e Debilidades Acidentais pela condição de movimento dos planetas

A velocidade dos planetas é um fator importante para determinar seu nível de dignidades acidentais. Quanto mais rápido o planeta , tanto melhor . Cada planeta tem uma velocidade a depender do ponto em que ele se encontra em seu ciclo sinódico, com a existência de ciclos de retrogradação (com exceção dos luminares) e alterações menores causadas pelo nível de proximidade do planeta em relação ao sol, que também modificam seu movimento.

PlanetaRápido (+2)Lento(-2)
Sol não se aplicanão se aplica
Lua13°30′ ou mais12°30′ ou menos.
Mercúrio1°30′ ou mais 1°00′ ou menos
Vênus1°10′ ou mais0°50′ ou menos
Marte0°40′ ou mais0°30′ ou menos
Júpiter0°10′ ou mais0°05′ ou menos
Saturno0°05′ ou mais 0°02′ ou menos

Vamos entender melhor o movimento de todos os 7 planetas visíveis para entendermos como aplicar as regras de dignidade de acordo com o movimento.

O sol

O Movimento do Sol na realidade é produzido pelo movimento da própria terra em seu movimento de translação. A terra, assim como todos os planetas, tem uma órbita elíptica, o que faz com que a passagem do sol pelos diferentes signos tenha uma velocidade ligeiramente diferente. Assim, a duração de cada estação do ano também é diferente, e tem durações diferentes nos hemisférios norte e sul.

Quando está por volta de 08° – 13° de Capricórnio, o sol atinge uma velocidade diária de 1°01’10”. Depois disso vai perdendo velocidade gradativamente até chegar em sua velocidade média, que é de 59’00” quando o sol está em torno do segundo decanato de Áries. A partir de 17° de Áries ele começa a andar a menos de 59′ por dia. Quando chega em Câncer, o sol chega a andar 57’12” por dia. Ele se torna mais lento na medida em que entra em Leão. Quando o sol chega em libra, ele assume a mesma velocidade que tinha em Áries , por volta de 59’00” por dia e começa a acelerar.

A diferença é realmente pequena entre a velocidade máxima e mínima, por isso o sol não é considerado beneficiado se estiver mais rápido nem prejudicado se mais lento. Mas ainda assim percebemos que existe uma diferença, que é o suficiente pra nos forçar a adotar um calendário que tem meses com durações diferentes e anos bissextos para corrigir as pequenas diferenças cumulativas resultantes.

Assim, o sol não é considerado quanto a sua velocidade, mas todos os outros planetas sim. Até porque , como veremos mais adiante, a posição dos planetas relativa ao sol é determinante para seu movimento retrógrado como vermos adiante, com exceção da lua.

A Lua

A lua não é exatamente um planeta, mas um satélite que gira em torno do planeta terra. Por conta disso a lua não exibe movimento de retrogradação, que é algo característico de planetas que giram em torno do sol. Assim como a terra, a lua também possui uma órbita elíptica , e isso faz com que ela tenha velocidade variável.

Quando a lua está no apogeu ou em suas redondezas, percebemos ela mais lenta. Quando ela está no perigeu e em suas redondezas , percebemos ela mais rápida. A velocidade da lua pode variar de 11°50′ por dia a mais de 15°. Então não se trata de uma variação pequena como no caso do sol , é algo bem expressivo.

A velocidade média da lua gira em torno de 13° por dia. Quando a velocidade da lua ultrapassa 13°30′, ela é rápida. E iremos considerar a lua lenta quando sua velocidade for menor que 12°30′ por dia.

Por sorte, temos uma ferramenta visual para verificar onde está o ponto do apogeu da lua na maioria dos programas de Astrologia. Em alguns se chama Lilith, em outros black moon (ou lua negra) . Se a lua estiver a aproximadamente 70° ou menos de distância do ponto da lilith, significa que ela está Lenta. Quando ela chega a aproximadamente 110° de distância desse ponto ou mais , ela está rápida. Para maior precisão, confira no seu software, ou consulte a efeméride.

Mercúrio

Mercúrio é o planeta mais próximo do sol, e ele realiza por ano cerca de 3 voltas completas em torno do sol no tempo em que a terra realiza uma. Isso implica, do ponto de vista geocêntrico, que ele entra em movimento retrógrado. Isso ocorre sempre que Mercúrio passa na frente do sol. A conjunção que ele faz com o sol enquanto retrógrado se chama “conjunção inferior”. Alguns dias antes e alguns dias depois da retrogradação, Mercúrio se encontra mais lento que o normal. Na medida em que se aproxima da sua conjunção superior, ele vai ficando mais rápido.

Consideramos Mercúrio lento quando ele está andando menos de 1° por dia, e consideramos rápido quando ele anda mais de 1°30′ por dia. A velocidade máxima de Mercúrio pode passar de 2° por dia dependendo do signo. Quando encontrar mercúrio retrógrado, você não precisa ponderar se a velocidade dele é rápida ou lenta porque a retrogradação em si já é debilidade o suficiente. Isso sobre a retrogradação vale para todos os outros planetas.

Vênus

A Mecânica de Vênus é muito parecida com a de Mercúrio, com a diferença sendo a velocidade dos dois. A cada 8 anos, vemos Vênus retrógrada por 5 vezes, e isso sempre ocorre em épocas de conjunção inferior. No caso de Vênus, consideramos ela lenta quando anda menos que 50′ por dia. E consideramos ela rápida quando ela anda mais que 1°10′ por dia.

Na prática, notaremos que ela passa a maior parte do tempo andando ao redor de 1° por dia, se mostrando bastante regrada. Encontramos ela lenta somente algumas semanas antes e depois da retrogradação, e encontramos ela rápida durante boa parte do seu trânsito, sempre durante as conjunções superiores e também alguns meses antes e depois delas acontecerem. Ela nunca anda mais rápido do que 1°15′ por dia.

Marte

Com Marte, o ciclo de retrogradação é diferente, porque marte tem uma órbita exterior a da terra. O planeta vermelho leva quase o dobro do tempo da terra para realizar uma volta em torno do sol. Por isso, percebemos o movimento de retrogradação de Marte a cada 2 anos aproximadamente.

Marte fica lento normalmente quando ele entra na orbe de quadratura com o sol e continua perdendo velocidade até ficar retrógrado. Depois da retrogradação, ele segue lento novamente, e permanece assim até a quadratura minguante. Marte fica rápido normalmente entre o sextil minguante e o sextil crescente, passando pela conjunção.

Marte é considerado rápido quando anda a 40′ por dia ou mais. Ele é considerado lento quando anda a 30′ por dia ou menos.

Júpiter

Júpiter é um planeta mais lento , que leva cerca de 12 anos para completar uma órbita ao redor do sol. Isso faz com que ele entre em retrogradação praticamente todo ano ao redor da quadratura e trígono com o sol. Ele fica rápido geralmente quando está mais próximo do sol , a 60° de distância ou menos.

Se Júpiter estiver andando 10′ por dia ou mais, ele é considerado rápido, e se estiver andando 5′ por dia ou menos, é considerado lento.

Saturno

Saturno é ainda mais lento do que Júpiter , levando cerca de 29 anos para completar uma órbita ao redor do sol. Ele é considerado lento quando entra em orbe de quadratura crescente com o sol, até o momento em que fica retrógrado. Quando sai da retrogradação, é considerado lento até sair da orbe de quadratura minguante com sol .

Se saturno estiver andando 5′ ou mais por dia, ele é considerado rápido. Se estiver andando 2′ ou menos por dia, está lento.

Retrogradação

O planeta é considerado debilitado quando retrógrado, e é considerado excepcionalmente debilitado quando estacionário. O estacionamento em horária é uma forma de proibição por exemplo, a não ser nos casos em que se espera que algo seja interrompido, em que daí sinaliza de forma positiva. Mas raramente um estacionamento é um bom sinal. Significa que o planeta vai ficar ou lento ou retrógrado, em outras palavras , ou ruim ou péssimo.

A retrogradação implica que você não tem que se preocupar em medir a velocidade do planeta, porque ele normalmente estará lento, e em movimento negativo. Ela já é debilidade o suficiente. PLANETAS RETRÓGRADOS ESTÃO DEBILITADOS, E PERDEM -5 PONTOS DE FORÇA.

O sol e a lua estão sempre diretos, então eles não se aplicam a esta próxima regra: OS PLANETAS MERCÚRIO, VÊNUS, MARTE , JÚPITER E SATURNO SÃO CONSIDERADOS DIGNIFICADOS QUANDO EM MOVIMENTO DIRETO, E GANHAM +4 PONTOS DE FORÇA.

Júpiter em Capricórnio em 2020

O Trânsito de Júpiter em Capricórnio em 2020 na verdade começa 1 mês antes, logo no início de dezembro 2019. O ingresso ocorre mais precisamente às 15:20 do dia 02 de dezembro de 2019. Contaremos com Júpiter em Capricórnio até o dia 18 de dezembro de 2020, quando ele finalmente ingressa no signo de Aquário. Neste artigo vamos compreender o que esperar desse momento , que interações Júpiter fará com outros planetas e os possíveis impactos delas.

Quando vemos 3 planetas com significados tão distintos unidos num mesmo signo, (caso de Júpiter, Saturno e Plutão em 2020) isso nunca é algo simples de se interpretar. Primeiro porque se trata de um evento raro, e segundo porque as múltiplas influências num mesmo ponto geram grandes contradições entre elas, que lançam um desafio a capacidade de síntese de qualquer astrólogo. De antemão, podemos esperar uma influência massiva do signo de Capricórnio em 2020, não só porque os três estarão neste signo, mas porque um deles tem domicílio em Capricórnio.

Neste artigo lançaremos um olhar mais aprofundado somente para Júpiter. Se quiser ler o que já foi escrito sobre o trânsito de Saturno entre 2018 e 2020, leia este artigo clicando abaixo:

Entendendo Júpiter em Capricórnio

Júpiter em Capricórnio em 2020

Como Capricórnio é a queda de Júpiter , devemos entender que essa passagem representa um arrefecimento de expectativas, as vezes de forma abrupta. De repente a empolgação que sentíamos com alguma atividade, relacionamento ou o que quer que seja na nossa vida perde um pouco do encanto. Na medida em que a realidade se descortina diante de nós, percebemos as limitações que se escondiam por trás da nossa boa fé.

Sagitário, signo das apostas e da fé, aposta até em navios fadados a afundar, porque é generoso e deseja investir no mundo e ver tudo crescendo e prosperando. Essa influência, que dominou o ano de 2019, dará lugar a uma perspectiva muito mais realista em relação as mesmas coisas. Investiremos menos no mundo , acreditaremos menos na vida e mediremos melhor cada passo que vamos dar em 2020.

Para entender a diferença entre Júpiter em Capricórnio e Júpiter em Sagitário, basta imaginar a maneira como se desenham as mitologias fantásticas das mais diversas religiões do mundo. Toda essa riqueza épica é Sagitário, e ela existe nas religiões porque fazem parte de uma tentativa do ser humano em dar respostas fáceis para problemas que na verdade não são nada simples de se entender. Capricórnio, que aliás era o signo solar de Isaac Newton, trabalha com as limitações da realidade. É como a abordagem científica: material, sistemática, e rigorosa. Nada de imaginação , fé ou apostas: Ou as coisas são ou não são, não iremos pagar pra ver.

Para saber mais sobre o que significa Júpiter em Capricórnio, inclusive no mapa natal, clique no botão:

O que é indicado fazer durante a passagem de Júpiter em Capricórnio em 2020

Capricórnio é um signo ligado ao trabalho, especialmente pra quem pensa a própria vida numa perspectiva de carreira. É um momento propício para levar a sério as próprias ambições e investir no próprio aprimoramento profissional. É também indicado que se tenha iniciativas ligadas a trabalho: Procurar emprego, iniciar novos projetos dentro do seu escopo de trabalho e agir mais do que idealizar e sonhar. Nem mesmo o excesso de pensamento é bem vindo em Capricórnio porque neste signo entendemos claramente o significado do dizer “tempo é dinheiro”. Quem perde tempo, perde vida, além de dinheiro.

Por ser a queda de Júpiter, não é um posicionamento que favorece os assuntos ligados a Júpiter como viagens e educação. Isso porém , falando de uma maneira mais genérica, porque para quem tem o elemento terra forte, o ano tende a ser forte especificamente nestes temas jupiterianos. Não haverá muita generosidade gratuita, mas oportunidades tendem a surgir , cobrando um preço alto porém. Devemos aliás desconfiar de tudo o que não venha exigindo algo de nós neste momento, porque pode se tratar de armadilha. O almoço nunca é de graça quando os ventos que sopram são capricornianos.

Interações de Júpiter em Capricórnio com os demais planetas lentos

Júpiter em Trígono com Urano em Touro

Este aspecto fica válido somente em dezembro de 2019. É muito favorável para pessoas com planetas no início dos signos femininos (do elemento terra e água), principalmente virgem e peixes. Alia o senso de oportunidade de Júpiter com a aleatoriedade de Urano, indicando possibilidade de surpresas positivas e o surgimento de ideias muito criativas. Exato em 15 de dezembro de 2019. Válido por todo o mês de dezembro.

Júpiter em Sextil com Netuno em Peixes

Válido entre fevereiro e outubro de 2020. É um aspecto harmônico , indicando que a possível frieza típica de um Júpiter em Capricórnio será temperada com um mínimo de idealismo e compaixão ao longo de 2020. A boa influência capricorniana significa mais centralização e disciplina, na forma de oportunidades. Essas oportunidades poderiam ser encaradas como restrições em outros momentos, mas aqui elas vem na forma de coisas que servem pra estancar o aspecto caótico e delirante de netuno. Aspecto que fica exato em 3 ocasiões: Dia 20 de fevereiro de 2020, 27 de julho de 2020 e 12 de outubro de 2020. Aspecto sentido com maior intensidade entre julho e outubro de 2020.

Júpiter em conjunção com Plutão em Capricórnio

Válido entre final de março a Novembro de 2020. Um dos aspectos mais importantes do ano. Aqui o oportunista Júpiter se une ao ambicioso plutão; Pessoas com planetas em signos cardinais , especialmente entre os graus 21° e 26° de qualquer signo cardinal (áries, câncer, libra e o próprio capricórnio) se sentirão impelidas de forma apaixonada na direção dos seus próprios objetivos. Entretanto, Plutão é como uma joia escondida no fundo de um abismo, e a descida até esse abismo deve ser feita de maneira muito cautelosa, porque a queda quando plutão está envolvido, é sempre letal e extremamente humilhante.

O problema é que Júpiter estará excitando e precipitando os cardinais na direção do abismo , o que pode ser uma armadilha. É necessário cautela ao se tomar decisões: nada de abandonar coisas ou se agarrar a novidades de forma precipitada. Lembre sempre do abismo e a necessidade de se chegar até o fundo dele ainda vivo caso se queira reclamar a joia que existe escondida ali. Não se deve confiar em para-quedas com Capricórnio: é importante seguir o conselho das cabras, e ir pulando cautelosamente, de fenda em fenda.

Se conseguirmos ser cautelosos, porém, o ano pode ser especialmente proveitoso, inclusive para os cardinais. Controlar o excesso de ambição e ganância será fundamental. Outros que podem se beneficiar da boa influência são pessoas com planetas em Touro, virgem, escorpião e capricórnio (também de 21° a 26°) . Porque esta conjunção desperta o lado ambicioso de todos, o desejo de reformas e transformações e estaremos mais dispostos a esforços e sacrifícios para atingir metas.

Júpiter em Leão ♌

Júpiter ingressou  em
Leão no dia 16 de julho de 2014 marcando o início de um novo momento do ponto
de vista astrológico, que vai durar ao longo do segundo semestre de 2014 cuja
marca será a “quase” quadratura entre Júpiter em Leão e Saturno em
Escorpião. Quase, porque o aspecto não se completa, já que no final do ano é
Saturno quem muda de signo ingressando em Sagitário. Isso fará com que o
primeiro semestre de 2015 já tenha uma outra característica, marcada pelo
“quase” trígono entre Júpiter em leão e saturno em sagitário, aspecto
que também não se completa. O que teremos de predomínio durante todo o trânsito
de Júpiter por Leão na verdade é o trígono de júpiter com Urano em Áries, sendo
esse aspecto o responsável por gerar uma energia muito mais interessante e
produtiva, se compararmos com o trânsito que se encerra agora de júpiter por
câncer que foi marcado por quadratura de Júpiter e Leão além de oposição entre
Júpiter e Urano. O trânsito de Júpiter em leão termina no início do segundo
semestre de 2015 quando Júpiter e Saturno finalmente formam quadratura exata
nos últimos graus dos signos de Leão e Escorpião.   
Leão é um signo de Fogo, e como tal é signo diurno e da
polaridade masculina, o que denota qualidades como o otimismo, a pró-atividade,
a vitalidade e a agressividade . É domicílio do Sol e também  triplicidade de Júpiter, além de ser
triplicidade participativa de Saturno, conferindo poder a planetas relacionados
a autoridade de alguma forma, sobretudo para o Sol, o que lhe aufere
características de autoridade, liderança e realeza. Saturno tem seu detrimento
em Leão, sendo este um signo em que impera “a lei do mais forte”,
sendo o detrimento de saturno neste signo a expressão da tirania.  Nenhum planeta tem exaltação ou queda neste
signo, mas o sol possui simultaneamente triplicidade e domicílio. É um signo
bestial, o que indica sensualidade e certa brusquidão;  é também da modalidade fixa, o que lhe
confere características de estabilidade, constância e teimosia. Em resumo, este
é o signo que rege a autoridade, a competitividade, a criatividade, a paixão, a
coragem, a honra e a realeza. Psicologicamente, Leão está intimamente
relacionado ao ego, a autoestima e aos “princípios” individuais ou
código de ética pessoal, como os antigos códigos de honra dos cavaleiros
medievais. Nisso existe certa ingenuidade e dificuldade em relativizar
situações, e uma grande relutância em se colocar no lugar do outro e enxergar a
si mesmo como “apenas” mais um em um meio coletivo. É o signo dos
privilégios, da meritocracia e do mando.
Apesar de estarmos tratando do ingresso de Júpiter no signo
de Leão, é importante levarmos em conta que na realidade, do ponto de vista
astronômico, Júpiter vai começar a passar pela constelação de Câncer (ou
Caranguejo). Isso acontece em função da precessão dos equinócios. Do ponto de
vista da astrologia védica que usa um zodíaco sideral (com alinhamento
aproximado entre signo e constelação), O ingresso de júpiter em Câncer se deu
em 19 de junho de 2014 e a permanência de júpiter neste signo vai até julho de
2015.
A primeira coisa que devemos levar em conta é a perda de
dignidade sofrida por Júpiter ao sair de Câncer e ingressar em leão, do ponto
de vista tradicional. Em Câncer, Júpiter fica exaltado, e em leão ele deixa de
ter dignidades maiores, ficando apenas em triplicidade. Ainda assim, ele tem
seu poder em leão. Em Câncer, as oportunidades são trazidas por aqueles com
quem temos vínculos de intimidade, elas vem da família, das relações amorosas e
das amizades mais íntimas e antigas. Elas também podem vir na forma de uma
recompensa por atos praticados no passado, surgindo como heranças. Seja como
for, em câncer é como se tivéssemos mais garantias. Já em Leão as oportunidades
precisam ser conquistadas e elas são entregues a quem faz por merecer, é o que
entendemos por meritocracia no seu sentido mais puro e honesto. A recompensa
vem na proporção do desafio, da coragem e da superação. Se você se esforçar,
você cria a oportunidade numa época como essa, mas há competição plena,
portanto nada pode ser tido como garantido. Se o vizinho merecer mais, ele leva
os louros no final, e alguém sempre acaba perdendo nesse tipo de contexto. E de
fato, o clima com Júpiter em leão pode ficar bem competitivo, num nível
apaixonado e acalorado. É um momento em que todos buscarão seu lugar ao sol. A
regra de ouro é respeitar a individualidade alheia e reconhecer o potencial, a
beleza, a dignidade e todas as qualidades dos nossos pares. Respeitar para ser
respeitado. Se mantiver uma postura de quem espera reconhecimento mas não
prestigia aos demais, está fadado a minguar ao longo deste período.
Podemos esperar mais exibicionismo, mais cor, mais brilho,
mais arrogância e muito mais narcisismo nessa período incendiário que se
inicia. Júpiter vai entrar em harmonia com Urano em Áries e vai fazer a alegria
daqueles que são mais individualistas e vaidosos . Será um momento em que as
pessoas , de modo geral, estarão se dando mais valor o que é ótimo mas tem o
potencial de gerar consequências como a alienação e o egoísmo puro;  a tendência é que isso fique ainda mais
intenso quando Saturno também mudar para um signo de fogo no final de 2014.
Será quase um grande trígono. Quase, porque saturno fica retrógrado logo nos
primeiros graus de sagitário e ainda retorna pra escorpião em 2015.
Podemos dividir essa passagem de Júpiter em Leão em 3
períodos com características próprias: 
– O segundo semestre de 2014 vai ter Júpiter indo de 00° a
22° de leão entre Julho e Dezembro. O trígono entre  júpiter e urano será pleno e se dará
inclusive quando júpiter estiver retrógrado. Ao mesmo tempo, Saturno vai de 16°
de Escorpião até 29° de Escorpião de julho aos últimos dias de dezembro, quando
então muda pra sagitário. Nesse meio tempo, veremos a aproximação entre Júpiter
e saturno num aspecto de quadratura que acaba não se concretizando, porque a
partir de novembro júpiter fica mais lento e saturno mais rápido. Mesmo assim,
o período vai lembrar bastante o ano de 2006 quando tivemos Saturno em Leão e
Júpiter em Escorpião, ano em que eles fizeram quadratura de fato. Aquele foi o
ano da campanha de reeleição de Lula e em 2014 veremos a tentativa de reeleição
da sucessora dele num contexto astrológico muito similar ao daquele ano. Essa
quadratura é uma das mais fortes possíveis e indica conflitos raivosos,
apaixonados e potencialmente violentos. Como não haverá contato exato entre
júpiter e saturno no aspecto de  quadratura
em 2014, talvez as coisas se desenrolem de maneira menos intensa do que o
ocorrido em 2006 se pensarmos no contexto das eleições no Brasil.
– O primeiro semestre de 2015 é marcado pela presença de
Saturno em Sagitário enquanto Júpiter realiza o movimento retrógrado em Leão. Os
dois também se aproximam de um trígono, que também não se concretiza. Num
primeiro momento, vemos a retrogradação de Júpiter que sai dos 22° de Leão e
volta para os 12° de Leão, entre dezembro e abril. Ao mesmo tempo Saturno vai
dos 28° de escorpião aos 04° de Sagitário no mesmo período. Entre Março e abril
de 2015 os dois planetas estacionam e trocam de ritmo: júpiter fica direto e
saturno fica retrógrado. E as coisas permanecem assim até junho, quando Saturno
retorna para Escorpião. O período do primeiro semestre de 2015 é então marcado
por um verdadeiro incêndio nos céus, com os 3 signos de fogo recebendo a visita
de planetas importantes e definidores de características temporais, de época. É
também o brinde a Urano em Áries e agora a quadratura entre Urano e Plutão se
desequilibra bastante neste cenário, com as forças revolucionárias e
individualistas simbolizadas por Urano recebendo muito mais apoio, sendo um
período todo favorável às inovações e aos novos inícios.   
– O terceiro momento vai ser durante Julho e Agosto de 2015,
quando Júpiter em leão se aplica em quadratura com Saturno em Escorpião ,
aspecto que fica exato nos 28° de Leão/Escorpião no dia 3 de agosto, logo
depois de saturno estacionar. O momento pode ser extremamente negativo para a
economia do Brasil e do mundo , principalmente porque essa quadratura  é minguante. Ela pode deflagrar um
desdobramento da crise econômica já vivida nos últimos anos e com potencial de
desta vez prejudicar o Brasil porque ela se aprofunda ao longo de 2016 em
signos mutáveis, com saturno em sagitário e júpiter em virgem, e os signos
mutáveis tem sempre um impacto muito forte sobre o Brasil que é um país
virginiano com ascendente em peixes e a lua em gêmeos. Para as pessoas com
planetas nos últimos graus dos signos fixos o período de Julho e Agosto de 2015
pode ser complicado principalmente no aspecto financeiro. No dia 11 de Agosto  de 2015 júpiter entra no signo de Virgem.      
Vamos ver agora um apanhado geral de como esse trânsito deve
funcionar pra cada signo. Levem em conta principalmente o Ascendente, além do
signo solar! A interpretação leva em consideração as casas (num sistema de signos
inteiros) que é válido também, apesar de que o ideal é saber exatamente por
quais casas ocorre o trânsito no seu mapa em específico.
Áries
Leão é o trígono crescente de Áries, aquilo que os
astrólogos de revistinha gostam de chamar de “paraíso astral”, e de
certa forma eles tem um pouco de razão porque o trígono crescente é sempre  um dos trânsitos mais promissores e férteis. O
período é marcado por otimismo, criatividade e vitalidade, muita força de
vontade e uma disposição geral para a vida muito mais positiva. Podem ficar
mais competitivos e com potencial de confiar mais na sorte, mas é bom se
acautelarem e não sair por aí apostando o dinheiro do aluguel ou as próprias
calças. A sorte pode sorrir pra você, mas seria burrice confiar cegamente nela.
Aproveite a sinergia com o trânsito de urano para quebrar com padrões
destrutivos em sua vida, revolucionar seus objetivos  e começar a fazer as coisas de maneira
diferente. Pra quem tem ascendente em Áries, momento pode ser especialmente
fértil, podendo indicar facilidade pra engravidar por exemplo, e criatividade
extra.        
Touro
Para Touro, Leão é a quadratura crescente e se trata de uma
das quadraturas mais positivas do zodíaco porque os dois signos formam uma
relação de antiscion: isso significa que eles são muito similares pois acabam
regendo coisas que guardam certa analogia (touro rege a beleza, o valor e o
prazer, e leão rege a realeza, a fama e a autoridade), quase como se fossem
reflexos apesar de suas diferenças. Isso quer dizer que para os taurinos o
período será positivo, marcado por otimismo. É necessário focar principalmente
em questões relacionadas a segurança emocional, moradia e equilíbrio pessoal porque
Leão é a casa 4, com isso sendo especialmente verdadeiro pra quem tem
ascendente em Touro. Talvez profissionalmente esse não seja dos seus melhores
momentos, mas você estará reunindo recursos e energias pra agir muito em breve.
Se tentar forçar as coisas a acontecerem agora pode obter resultados muito
ruins, especialmente se você depender da aprovação pública ou de superiores.
Existe um risco de se exagerar e cometer excessos em diversos níveis,
principalmente na área financeira. É muito importante ter uma noção clara dos
próprios limites ao lidar com essa energia contagiante , o “oba-oba”  jupiteriano.
Gêmeos
Pra gêmeos a fase é marcada por um otimismo discreto porque
Leão é sextil crescente de gêmeos e o sextil é um aspecto mais fraco. O momento
é interessante para se articular e fazer novos contatos, o aspecto social fica
muito fortalecido e é necessário pra que se consiga oportunidades de
realização. A comunicação estará fortalecida e as ideias brotando de todos os
lados. O período também é favorável para estudos e viagens curtas. Preste
atenção porque muitas ideias promissoras podem surgir ao longo deste trânsito,
mas talvez ainda lhe faltem os recursos necessários ou o entendimento
necessário pra coloca-las em prática. Guarde essas ideias porque mais a frente
haverão maiores oportunidades de concretização. Considere esse como um período
que lhe traz “oportunidades de inspiração” e talvez poucas
oportunidades de realização efetiva.
Câncer
Pra câncer as oportunidades podem diminuir, mas também
diminuem a ansiedade e as expectativas e idealizações que costumam acompanhar
os trânsitos de conjunção de júpiter, o que também é bom. É possível esperar
por um período mais calmo ( a não ser que você esteja sob trânsitos de Urano ou
plutão). Pra quem tem ascendente em Câncer, financeiramente o período pode ser
bom, mas também é bom não contar com os ovos antes de a galinha efetivamente os
ter colocados em todos os momentos da sua vida, inclusive neste.  Isso acontece porque júpiter passa pela casa
2, setor relacionado ao patrimônio e que indica sensação de saciedade,
diminuição nas necessidades de consumo e potencial de expandir a própria renda.
  
Leão
Os leoninos entram em uma fase extremamente favorável, tanto
os que tem sol quanto os que tem ascendente em Leão. As conjunções de Júpiter
tem um potencial reavivador, aqueles que estavam doentes ou tristes no passado
recente podem perceber uma melhora significativa no seu estado geral de saúde e
ânimo. Júpiter gera oportunismo, fé e otimismo que criam uma onda de boa
vontade que é de mão dupla, levando a maioria dos empreendimentos que você
começar agora a darem certo. Você se sentirá mais generoso, despreendido e
tocado por uma espécie de “sorte”. Quanto ao aspecto da sorte, ele é
real mas você não deve abusar disso, especialmente se seus planetas estiverem
na segunda metade de Leão, porque ainda tem que conviver com as limitações e
potenciais revezes simbolizados pelo trânsito de quadratura de saturno. Há
também o risco de você ficar ansioso, querendo fazer 1000 coisas ao mesmo
tempo, o que pode levar você a não aproveitar devidamente todo o potencial do
período. As expectativas, idealizações e promessas são tentadoras, você pode
tanto prometer quanto crer em promessas e não faria bem a você se apegar muito
a elas porque nem todas se concretizarão durante este trânsito , por mais
afortunado que ele seja. Viagens longas e novos estudos ficam favorecidos,
haverá uma vontade geral de expansão e crescimento inclusive no plano mental.
Virgem
Virginianos e principalmente os que tem ascendente em virgem
podem viver a passagem de Júpiter em leão como um período de espera, a não ser os
que tenham muitos signos fixos no mapa. Do contrário, o período pode levar a
uma inclinação para períodos de isolamento voluntário. Em algumas
circunstâncias, a verdade é que você sentirá necessidade de ficar longe de tudo
para recarregar suas baterias por alguns momentos. Se não cuidar da saúde, pode
experimentar um enfraquecimento neste período, deve prestar atenção principalmente
a sua alimentação. Este é o último estágio do ciclo de júpiter em relação ao seu
signo, a hora mais escura antes do raiar do sol num sentido figurado, por isso
é natural a baixa energética e é imprescindível que você não se comprometa em
excesso por agora.
Libra
Para librianos o momento é de melhora discreta já que
Júpiter intermedeia a oposição de urano em Áries com o signo de Libra trazendo
alternativas e saídas mais agradáveis do seu ponto de vista pra solucionar
muitos dos conflitos simbolizados por esta oposição. Leão é sextil minguante, o
aspecto apesar de harmônico é também frágil, então não é interessante esperar
muito deste momento. As amizades se favorecem bastante, bem como os níveis de
popularidade e a vida social como um todo e podem surgir boas oportunidades
através de amigos sobretudo para os que tem ascendente em libra. É porque do
ponto de vista do ascendente em libra, esse trânsito ocorre na casa 11, onde
Júpiter tem júbilo, com as oportunidades trazidas neste momento tendo potencial
de desdobramentos positivos a médio prazo.   
Escorpião
Para Escorpianos, o signo de Leão é a quadratura minguante.  Trata-se de um período que, apesar de positivo
no geral, tem o potencial de gerar algumas situações difíceis de administrar. A
energia do signo de escorpião,discreta  e
profunda, não interage muito bem com o exibicionismo e o excesso de
autoconfiança do signo de Leão. Neste momento você acaba sendo levado a exibir
muito de si ou a agir de maneira afirmativa e veemente  diante dos outros de modo a colocar a si mesmo
em situações bem constrangedoras. Procure ter uma noção clara dos seus limites
pra passar por este momento ileso. De modo geral, a quadratura minguante jupteriana
pode trazer oportunidades para as quais você ainda não está totalmente
preparado. A decisão é sua, se vai encarar de frente o desafio ou esperar
momento oportuno. Mas é bom ter em mente que a oportunidade perdida pode nunca mais
voltar e que não há necessidade de perfeição em todos os momentos, em especial
quando estamos lidando com uma situação que ultrapassa nossos próprios limites.
Especificamente para quem tem ascendente em Escorpião, o momento pode ser
altamente promissor na esfera profissional com grandes oportunidades de
divulgar seu próprio trabalho.    
Sagitário
Pra sagitário, Leão é o trígono minguante, momento bastante
favorável que incute muita autoconfiança e tem um potencial revigorante. O
trígono minguante está relacionado a um momento de reconhecimento dos esforços
pregressos, onde você pode acabar se tornando referência pra pessoas que lhe
cercam e é encorajado a exibir suas qualidades e a ser vocês mesmo de maneira
plena. O perigo deste trânsito reside somente na possibilidade de este “surto”
de autoconfiança levar você a passar um pouco dos limites do razoável. O
momento é extremamente favorável para viagens e estudos, principalmente para os
que tem Ascendente em Sagitário. Entretanto, procure encarar o momento como uma
preparação para a quadratura que vem 1 ano depois e que promete desafios mais
complicados de se administrar. Por hora, a tendência é que as coisas fluam de
forma bem facilitada, tão facilitada a ponto de você achar que nem precisa
fazer nenhum esforço, o que seria um equívoco e um desperdício de oportunidade.
Capricórnio


Capricórnio vem de uma oposição com júpiter o que significa
que uma fase que pode ter sido marcada por mudanças, culminação de projetos,
expectativas e muita ansiedade chega ao fim. O período de Júpiter em Leão
promete ser bem mais calmo , talvez até monótono do ponto de vista
capricorniano. Apesar da onda exibicionista do momento, o capricorniano médio
vai preferir esperar por momento mais oportuno, quando tiver mais consistência
em seus  novos projetos  e não vai querer submeter seus planos a prova
em um ambiente tão competitivo. Do ponto de vista do ascendente em capricórnio,
Júpiter passa pela casa 8, dos recursos alheios, indicando uma fase promissora
no aspecto financeiro especialmente para os que trabalham de forma autônoma,
podendo facilitar também a obtenção de ajuda financeira como empréstimos e
doações.
Aquário
Aquarianos estarão passando a partir de hoje pela fase da
oposição de Júpiter, momento de clímax no ciclo de qualquer planeta, que
equivale a energia de uma lua cheia, com todo o seu potencial pra ansiedade e
instabilidade, mas também com suas potencialidades em termos de oportunidades e
capacidade de realização e sucesso. É momento em que projetos recentes seus
podem chegar a uma espécie de clímax (especialmente projetos iniciados depois
de 2009, quando júpiter passou por Aquário.)em que você pode colher bons frutos
a depender do trabalho realizado. Nem sempre esse clímax traz necessariamente
sucessos e nesse sentido a oposição pode trazer surpresas, especialmente se
você não deu consistência aos seus projetos enquanto os idealizava. Será uma
fase em que você poderá receber elogios, premiações e também críticas severas.
Se nada foi feito nos últimos tempos, se nenhum projeto está pra chegar em um
clímax, o que pode chegar em um clímax são os seus níveis de ansiedade e
expectativas em relação a sua profissão ou relacionamentos. Neste cenário, é
possível que você projete e culpe os outros por eventuais frustrações, ou que
entre em uma onda de querer dar início a projetos de forma indiscriminada.
Procure evitar isso se for o caso, adotando uma postura de calma, de pensar
duas vezes antes de se comprometer e começar qualquer outra coisa.  Do ponto de vista do ascendente em Aquário o
período é extremamente social e voltado pros outros, pra vida afetiva e social
como um todo, sendo uma fase que proporciona novas amizades e muitos contatos
com potencial de lhe trazer oportunidades a médio prazo.  
Peixes
Piscianos atravessam um período de calmaria, porque Leão não
forma aspecto ptolomaico com o signo de Peixes. Estão vindo de um trígono
crescente, portanto estão ainda inseridos em uma fase bastante positiva,
marcada pela autoconfiança. Devem prestar atenção ao fato de que talvez não
estejam com a mesma sorte que tinham nos últimos meses, portanto agora é
importante que sejam um pouco mais prudentes. Não significa que tenham entrado
em uma fase de “azar”, significa apenas que, apesar de a fase ainda
ser crescente, já não há mais o trígono exato de júpiter atuando como anjo da
guarda. Seja confiante, mas com moderação! Em breve a oposição trará bastante
movimento, oportunidades e um sentimento de clímax em sua vida, então use este
momento de Júpiter em Leão pra se preparar pra isso. Para os que tem ascendente
peixes, o trânsito de Júpiter na casa 6 pede atenção aos detalhes e pode trazer
muito trabalho, mas pouco reconhecimento. Aproveite o momento pra ficar em dia
com seu cotidiano e com sua saúde: talvez seja necessário implementar uma nova
rotina.       
Efemérides de júpiter em Leão:
Ingresso em 00° de Leão : 16/07/2014
Conjunção com o Sol em 01° de Leão: 24/07/2014
Quadratura com marte em 03° de Escorpião/Leão: 1/08/2014
Primeiro Trígono exato com urano retrógrado em 14° de
Leão/Áries: 25/09
Trígono com Marte em 17° de Sagitário/Leão 08/10/2014
Quadratura com o sol em 21° de Escorpião leão: 14/11/2014
Júpiter fica estacionário em 22°37′ de Leão : 08/12/2014
Trígono com o Sol em 22° de Sagitário/Leão: 14/12/2014
Oposição com Marte em 21° de Aquário/Leão: 01/01/2015
Oposição com o Sol em 17° de Aquário/Leão: 06/02/2015
Segundo trígono exato com urano em 14° de Leão/Áries:
03/03/2015
Trígono com Marte em 13° de Áries/Leão: 10/03/2015
Trígono com o Sol em 12° de Áries/Leão: 02/04/2015
Estaciona e retoma o movimento aos 12°35′ de Leão no dia
09/04/2015
Quadratura com Marte em 12° de Touro/Leão: 17/04/2015
Quadratura com o Sol em 13° de Touro/Leão:  04/05/2015
Terceiro trígono exato com Urano em 20° de Leão/Áries:
22/06/2015
Quadratura exata entre Júpiter e Saturno em 28° de
Leão/Escorpião: 03/08/2015
Término do trânsito de Júpiter em Leão e ingresso de Júpiter
em Virgem: 11/08/2015
   
  

Júpiter em Câncer ♋

Júpiter está em Câncer desde junho de 2013, onde se localiza sua exaltação. O
planeta da fé, das oportunidades, do crescimento e da expansão deixou seu
detrimento, que fica no signo de Gêmeos, onde funcionava de forma tortuosa, pra
entrar em Câncer onde seus predicados são mais exaltados e onde se pode esperar
um pouco mais da sua atuação. Terminou uma fase mais ansioso, marcada pelo amor
às novidades e ao movimento e se inicia um tempo de maior tranquilidade,
sobriedade e conforto, ao menos nos desejos e nas mentes das pessoas. Também
tende a ser um momento de maior profundidade e firmeza, contrário a fase de
experimentação e superficialidade simbolizada em gêmeos.  
Júpiter em Gêmeos tornava a palavra muito fácil, e até certo
ponto isso foi bom: Facilitou a comunicação e as trocas no mundo. Mas Júpiter
contagiava a palavra com empolgação, e isso leva as palavras a serem facilmente
distorcidas. Uma ideia quando aumentada deixa de ser verdadeira, e reside aí o
problema de Júpiter em signos de Mercúrio. Basicamente somos levados pela
empolgação a prometer, e a questão do compromisso acaba não sendo levada tão a
sério. Uma possibilidade quando evocada se transforma em palavra dada, e no
campo das possibilidades não podemos dar garantias. Assim Júpiter em Gêmeos
facilitava o “cantar vitória antes do tempo” ou  o “contar com o ovo antes da
galinha”. Ao menos na aparência. Porque ao revelar ingenuamente nossos
planos ainda não postos em prática, comprometíamos e prometíamos a nos mesmos
algo que ainda não saibamos se realmente conseguiríamos fazer ou não. Não
significa que Júpiter em Gêmeos impede a realização do que é dito, mas o dizer
o que pretendemos isso atrapalha na execução, porque passamos a sentir que se
não fizermos como dissemos estaremos traindo e invalidando nossa palavra, e
insistimos as vezes  com o que é
impossível só porque ele foi dito levianamente.
Agora com Júpiter em Câncer, antes de formular ideias ou
conceitos, pensamos na nossa real intenção e necessidade com aquilo. Isso se
transforma em um filtro natural e impede que entreguemos nosso ouro tão
facilmente. Ajuda a impedir que promessas efêmeras sejam feitas. Ficamos menos
propensos a nos intrometer com o que não é de nossa alçada, nos concentramos no
que diz respeito intimamente a nós e aos ‘nossos’, principalmente familiares e
amigos íntimos. Conseguimos reconhecer nossas limitações e isso faz com que
seja mais fácil dizer não, ou dizer um sim com propriedade.  Aparentemente as oportunidades diminuem, já
que Câncer é um signo que pouco privilegia a publicidade e divulgação de modo
geral. Mas as que surgem são das melhores, e elas dependem fortemente de que
tenhamos um bom relacionamento com aqueles que nos são caros, porque é dali que
vem o ouro quando Júpiter está em Câncer. 
Câncer é domicílio da Lua, planeta que rege o povo, o
coletivo, a turba, a massa. Todo mundo. Câncer é também considerado o
ascendente natural de todas as eras. Acredita-se que quando o mundo começou,
todos os planetas estavam em 00° de Câncer, incluindo o ascendente. Ao invés de
Áries, pra Astrologia tradicional o ascendente natural do mundo é o signo de
Câncer. Por isso Câncer é associado a começos e fins, ao útero e a catacumba, a
primeira e a última morada. O conceito de lar, de moradia, de ninho, de toca, o
lugar que nos protege, onde nos sentimos seguros e nutridos, isso tudo é
Câncer. É o grande zero, a fonte, a origem da vida. Por esse motivo o próprio
planeta terra tem uma forte associação com o signo de Câncer, por ser o lar
supremo da espécie humana, até onde sabemos. As mães e também o próprio
conceito de família que se centraliza ao redor da figura da mãe são regidos
pelo signo de Câncer. Quando o sol passa pelo signo de câncer a terra atinge o
máximo de afastamento com o Sol (afélio), ficando mais lenta. Por isso a
passagem do sol por câncer (e signos adjacentes) é ligeiramente mais vagarosa,
durando mais de 30 dias.
Num primeiro momento, Júpiter foi integrante de um grande
trígono em signos de água, entre final de junho e início de agosto. A conjunção
entre Marte em Câncer e Júpiter ocorreu durante este trígono. Pra todas as
pessoas que nasceram com planetas importantes no primeiro decanato dos signos
de água (Câncer, Escorpião e Peixes) este momento foi muito auspicioso, muito
fértil e muito favorável para a maioria dos empreendimentos. O efeito desse
trígono é o de levar alívio e dar uma nova esperança para as mentes
angustiadas. É uma lufada de humanidade, compreensão, compaixão e generosidade
que deve dominar mentes e atitudes ao longo do período. Do ponto de vista
Canceriano, estrutura e idealismo são adicionados as oportunidades que tem a
possibilidade de crescer e fazer parte de um conjunto maior, ao invés de
ficarem restritas ao âmbito do egoísmo; do ponto de vista escorpiano, Júpiter e
Netuno oferecem alívio às restrições simbolizadas por saturno; e do ponto de
vista pisciano, Júpiter e saturno oferecem tanto o otimismo quanto a estrutura
necessários pra se orientar  em meio as
brumas netunianas.
Durante a maior parte do tempo, Júpiter vai fazer parte de
uma configuração muito tensa, entrando em choque com Plutão em Capricórnio e
Urano em Áries. A fase de sombra e retrogradação jupiteriana vai se localizar
desta vez entre 10°26′ e 20°30′ de Câncer, e durante todo o período que vai de
12 de agosto de 2013 até 31 de maio de 2014, Júpiter vai estar patinando pelos
graus que compõe o segundo decanato de Câncer, em confronto direto com os
planetas lentos citados. A partir de dezembro deste ano, Marte em Libra atua de
modo a intensificar ainda mais a conjuntura. Para as pessoas que tem planetas
em signos cardinais, mais especificamente as que tem planetas entre 07° e 15°
de qualquer signo cardinal (Áries, Câncer, Libra e Capricórnio) a fase tende a
ser de batalhas, mudanças e transformações irrevogáveis onde as reações podem ser
exageradas porque o toque jupiteriano amplifica nossa percepção das coisas,
exagerando para o bem e para o mal. Mas ele também oferece oportunidades, luzes
no fim do túnel.    
A fase de Júpiter em Câncer vai ser especialmente favorável
para os nativos dos signos de terra e água, sobretudo os signos mutáveis,
Virgem e Peixes. Taurinos e escorpianos 
terão de lidar com o trânsito de saturno 
por escorpião, e Cancerianos e capricornianos terão de lidar com os
imprevistos de urano em áries e as grandes mudanças de plutão em capricórnio,
bem como o stress de marte em libra.
Os temas naturalmente ligados a Júpiter ficam favorecidos,
como viagens e inícios no âmbito dos estudos. Mudanças de residência podem ser
favorecidas, e se houver a necessidade urgente de uma mudança, Júpiter em
Câncer pode simbolizar uma oportunidade de rapidamente solucionar o problema.
Se a mudança for também um retorno a algum lugar do passado, tanto melhor,
porque Júpier em Câncer facilita os regressos, mesmo que ainda aja alguma situação
mal resolvida. Esse posicionamento pode sugerir uma reorientação religiosa,
intelectual ou filosófica, a depender de como tende a se orientar a mente da
pessoa, no sentido de produzir uma vibração mental mais elevada, positiva e
produtiva no final das contas.
Áries

Planetas em áries neste momento estarão sob uma quadratura
crescente de Júpiter em Câncer. Mesmo através de um aspecto tenso, um planeta
benéfico e fortalecido como neste caso pode produzir bons efeitos. Neste caso,
a quadratura simboliza oportunidades que vão precisar de atenção redobrada pra
serem reconhecidas como tais. Existe uma tendência a subestimar o que a vida
tem a oferecer neste momento, e isso pode soar arrogante aos olhos de outras
pessoas, o que pode despertar antipatia e reações antagônicas pro seu lado. De
fato, as oportunidades de agora  exigem
que você atue num nível que você considera mais “rasteiro”, mas essas
oportunidades tem potencial, e seria um incalculável desperdício abrir mão do
que a vida tem pra lhe oferecer agora. Aproveite as chances, por menores que
elas aparentem ser, porque elas são como sementes de plantas cujo potencial de
crescimento você ainda ignora.
Se o seu ascendente for Áries, então provavelmente estará
vivendo o trânsito pela casa 4, indicando uma fase de diminuição das ambições e
foco na vida doméstica, muito favorável pra focar em questões básicas, de
estrutura, como o lar, a família, segurança e até mesmo bem-estar físico,
emocional e material. Viver com conforto agora será o mais importante e você se
esforçará pra elevar seu nível de bem-estar. As prioridades agora serão as
necessidades mais intimas e o foco estará muito mais nas relações próximas do
que na imagem pública. Se houver a necessidade de rever algo do passado ou
concertar relacionamentos que ficaram abalados, esse trânsito pode ajudar
porque você estará mais centrado e empático do que antes. Se atualmente vive
longe do seu local de origem, ou longe dos seus antepassados, de onde estão
suas raízes, esse trânsito favorece viagens de retorno e revisita desses
locais.
Touro
Planetas em Touro estão sob sextil crescente. A fase
apresenta oportunidades principalmente de aprendizado e autoexpressão,
afirmação da individualidade e construção de novos e benéficos relacionamentos.
O período pode ser favorável para viagens e novos estudos e promove
tranquilidade, sendo um alento para os que enfrentam a dureza dos trânsitos
saturninos.
Se o seu ascendente for Touro, então provavelmente Júpiter
transita sua casa 3, relacionada a comunicação, movimento e relacionamento com
o ambiente circundante. É uma casa relacionada a exploração do meio ambiente,
podendo este trânsito expandir sua influência sobre colegas de trabalho, escola
ou faculdade, vizinhos, etc; Pode promover muitas viagens curtas e melhorar a
mobilidade, sendo favorável por exemplo, pra se pensar a forma como você se
locomove pelo mundo a sua volta. Você pode pensar seriamente em comprar um
carro se não tem um, ou pode pensar em comprar uma bicicleta sem tem andado
excessivamente de carro. É um trânsito que pode incutir o desejo por
caminhadas, fazendo com que até as pessoas mais sedentárias experimentem uma
lufada de inquietação e uma súbita vontade de explorar o mundo que as cerca.
Sua curiosidade fica bem estimulada, e o trânsito ainda favorece a relação e o
contato com parentes, até com os mais distantes, podendo surgir oportunidades
através destes.
Gêmeos
Planetas em gêmeos não recebem aspecto de Júpiter em Câncer,
mas a fase tende a ser boa porque Câncer é antiscion de gêmeos, mas este não é
um movimento que promete oportunidades nem nada que costuma vir com os
trânsitos normais.
Se seu ascendente for Gêmeos, então Júpiter estará passando
pela sua casa 2, casa onde este planeta tem domínio, indicando basicamente uma
fase de bem-estar. A indicação mais básica é a de uma melhoria nas
finanças,indicando a capacidade de organizar ou se reorganizar nesse sentido de
forma a fazer investimentos mais sábios e a manter os recursos num nível
salutar. O sentimento de Júpiter na casa 2 é o de fartura, mesmo que a pessoa
não receba muito ao longo do trânsito ela estará com uma sensação de saciedade,
levando a um sentimento de prosperidade enquanto dura o movimento por esta
casa. Não é o trânsito que sacia os desejos e traz tesouros ocultos para a
pessoa, mas sim o trânsito que leva justamente a uma diminuição dos desejos e
da ganância, de forma que a pessoa passa a querer o que pode ter, conseguindo
assim manter facilmente o sentimento de saciedade descrito e consequentemente
uma sensação de prosperidade.            
Câncer
Planetas em Câncer, sobretudo os do segundo decanato
(10°-19°) receberão impacto de Júpiter por mais tempo. Além disso, já estão sob
influência de uma série de aspectos tensos envolvendo Urano e Plutão. Júpiter
em Câncer entra como um alento estabilizador, trazendo oportunidades e
renovando a autoconfiança. A conjunção de Júpiter exaltado é sempre muito
benéfica, porque tem o potencial de fortalecer e de promover o bem e a
fertilidade para a área da vida sombolizada pelo planeta que recebe o aspecto.
Mesmo diante de tanto tumulto e tendo que enfrentar tantas mudanças, Júpiter
trás confiança, fé, bom humor e generosidade em via dupla. Tanto você estará
emanando pro universo quanto recebendo dele. Júpiter em Câncer traz a chuva
fertilizadora e higienizadora, que renova as esperanças e fomenta um senso de
continuidade. É a luz no fim do túnel para os que sofrem com trânsitos de
Plutão e uma oportunidade de garantia para quem sofre com as instabilidades
uranianas.
Se o seu ascendente for Câncer, então esta fase tende a ser
muito positiva sobretudo pra saúde. A partir deste trânsito você passará a se
sentir muito mais forte, disposto e confiante em relação a vida. Essa conjunção
de Júpiter com o Ascendente e a passagem dele pela casa 1 faz com que a pessoa
incorpore tudo o que existe de bom e de ruim do planeta em questão.  No caso de Júpiter, existe somente o perigo
de uma certa arrogância, um excesso de autoconfiança que impede a pessoa de
enxergar os perigos que se escondem por trás de certas curvas, como uma
ingenuidade. Apesar do tumulto em outras áreas da sua vida, você agora consegue
manter um senso de integridade e tem muito mais força pra lidar com os
problemas e promover mudanças necessárias. O momento é altamente indicado pra
viagens, especialmente se for uma viagem de retorno a um local conhecido, onde
você tenha raízes ou uma ligação importante. Esse movimento de retorno tem o
potencial de lhe fortalecer garantindo forças pra enfrentar qualquer desafio
imposto pela vida.
Leão
Planetas em Leão não recebem aspecto de Júpiter em Câncer .
O período deve ser caracterizado como uma espera porque Leão é o próximo a ser
tocado pelas benesses jupiterianas, dentro de 1 ano.
Se o seu ascendente for Leão, então Júpiter está passando
pela sua casa 12, indicando um período de necessário recolhimento, como se uma
revisão se fizesse necessária pra que você tenha condições de se preparar pra
um reinício simbólico com a conjunção que se desenha no futuro. Por hora, sua
orientação é a de se isolar, descansar, se recolher, e você está certo ao optar
por este caminho.
Quer tenha ascendente ou qualquer planeta em Leão,
eventualmente você pode se sentir ultrajado, seu orgulho estará mais facilmente
ferido e as pessoas estarão reagindo a você com maior defensividade, o que pode
levar você a se frustrar em relacionamentos íntimos ou com os amigos. Deve
entender que neste momento não adianta muito forçar a barra, se não tiver
paciência pode agravar os processos de alienação social, que já podem estar em
curso em função dos trânsitos de saturno; Contudo, terá a oportunidade de
remediar tais situações assim que júpiter entrar em Leão, dentro de
aproximadamente 1 ano.   
Virgem
Planetas em Virgem estão sob um sextil minguante de Júpiter
em Câncer, indicando que o momento representa uma  calmaria depois de uma fase mais tempestiva e
ansiosa, com júpiter no signo anterior. Agora a vida flui com mais
tranquilidade, sem intervenções externas, expectativas, decepções e situações
embaraçosas envolvendo outras pessoas. A disposição de quem está sob esse tipo
de trânsito fica mais amigável.
Se tem ascendente em Virgem, então Júpiter vai estar
passando pela sua casa 11, das amizades e grupos, casa onde júpiter tem júbilo.
O momento pode ser de sorte, sugerindo presentes, viagens na compania de
pessoas interessantes e estimulantes, um incremento na vida social com a
possibilidade de vir a conhecer pessoas de um tipo mais jupteriano como
intelectuais, extrangeiros ou religiosos, podendo surgir daí muitas amizades
duradouras. Momento é de expansão através da rede de amigos, portanto é bom
ficar atento às notícias e oportunidades trazidas por amigos, tanto os antigos
como os novos. Pode ser ainda uma fase de reaproximação com antigas amizades,
até mesmo algumas que por algum motivo ficaram abaladas – estas tem agora a
chance de se recompor e recomeçar em outro nível.  
Libra
Planetas em Libra estão sob uma quadratura minguante de
Júpiter em Câncer, indicando um momento de inquietação e ansiedade. Normalmente
as quadraturas jupiterianas tem o efeito de empurrar a pessoa pra ação, mas
esta corre o risco de ficar um tanto desequilibrada pela empolgação ou
arrogância que vem junto dos aspectos tensos de júpiter. Comportamentos
dominadores e arrogantes poderiam aflorar agora, por mais que você não se
enxergue como uma pessoa dona dessas características. Fique atento
especialmente aos problemas gerados por um comportamento que pode soar
invasivo, necessitando haver mais tato na hora de lidar com desconhecidos.
Cuidado também ao estabelecer laços de intimidade instantânea por que esta é
uma fase em que você não poderá simplesmente se “desvencilhar” das
pessoas quando cansar delas. Se fizer isso, terá de pagar um preço, que é o de
ter alguém o encarando como “inimigo”.  Evite a tentação de mergulhar de cabeça em
relações que surgirem agora, pense duas (ou mais) vezes se não vai se
arrepender logo em seguida. Librianos que costumam ser mais indecisos podem se
sentir empurrados a tomar decisões rápido demais, podem sentir até mesmo uma
empolgação e uma autoconfiança que os leva a deixaram de ser indecisos por um
tempo, o que pode levar a arrependimentos no futuro, portanto tenha cautela.  
Se tem ascendente em Libra, o momento é favorável para
promover mudanças no trabalho e focar nos assuntos relacionados a carreira,
vida social, reputação e imagem pública, porque essa fica mais favorecida por
este trânsito. Podem surgir novas oportunidades relacionadas a sua carreira,
possibilidade de promoções e de aproximação com figuras de autoridade. Cuidado
apenas com uma tendência agora a negligenciar a vida afetiva em nome da vida
social ou vida pública, especialmente se for comprometido. As pessoas estarão
com uma tendência a reconhecer agora as suas melhores qualidades e a encara-lo
como uma pessoa boa, generosa, carismática ou divertida. Pode haver aumento na
popularidade, especialmente se você trabalhar nesse sentido.
Escorpião
Planetas em Escorpião estão agora sob o trígono minguante de
júpiter em Câncer, indicando um momento muito fértil, favorável para uma série
de atividades, em especial aquelas que dependem de uma boa recepção do mundo
exterior e englobam a divulgação de si ou do seu trabalho. Momento de
autoconfiança, extremamente oportuno porque saturno passa agora pelo signo de
Escorpião e os dois planetas estarão formando trígono que se repete por 3 vezes
entre 2013 e 2014, tornando a experiência das conjunções saturninas mais
suportável. 
Já quem tem Ascendente em Escorpião está com o trânsito de
Júpiter pela casa 9; O momento favorece as viagens para locais distantes e o
contato com outras culturas e diferentes formas de se enxergar o mundo. É
momento de você expandir sua consciência através do contato físico e da vivência
em outras realidades, outros mundos. Se não for possível viajar
presencialmente, a viajem pode ser realizada através de algum curso ou
adquirindo livros. O importante aqui é o esforço em enxergar o mundo de outra
forma, sair do espaço restrito que delimita aquilo que é conhecido. Tornar-se
maior expandindo os limites do mundo que você conhece. O contato com religião e
filosofia também pode se tornar importante, e é momento favorável pra se
assimilar novas práticas ou arejar suas convicções pessoais relacionadas a vida
através do contato com opiniões de outras pessoas.
Sagitário
Planetas posicionados em Sagitário não recebem nenhum
aspecto maior de Júpiter no signo de Câncer. Apesar disso, de certa forma o
fato de Júpiter estar exaltado beneficia aos sagitarianos de forma indireta
gerando uma sensação mínima de segurança, mas não trazendo grandes
oportunidades de expansão ou expressão. O momento é positivo principalmente
porque finda a oposição em um signo onde Júpiter estava muito debilitado (Gêmeos),
momento que trouxe muita dor de cabeça misturada as oportunidades efêmeras que
surgiam. 
Pra quem tem Ascendente em Sagitário, Júpiter estará
passando pela casa 8, das crises e dos lucros que advém dos relacionamentos e
do trabalho autônomo. O momento pode trazer novas oportunidades de ganhos, que
podem ou não ser consequência de crises vivenciadas por pessoas do círculo
familiar, afetivo ou social. Pode indicar aumento nos ganhos para os
profissionais liberais, firmação de alianças ou sociedades lucrativas,
recebimento de dívidas, indenizações ou heranças e um interesse especial pelo
aspecto espiritual ou o desenvolvimento de uma curiosidade um pouco mórbida
relacionada a morte e aos processos de crise e sofrimento que afetam o ser
humano, todos temas de casa 8.
Capricórnio
Planetas posicionados no signo de Capricórnio estarão
recebendo o aspecto de oposição, um dos mais importantes, de natureza um tanto
dúbia neste caso. A oposição por natureza é tensa, mas dado o poder de Júpiter
neste momento, acaba funcionando de modo muito positivo, trazendo também
oportunidades e reconhecimento por esforços recentes. Entretanto, haverá uma
pressão externa pra que você diga a que veio, do contrário as oportunidades se
fecham. Será necessário “cortejar o mundo” e se expor mais do que
você está habituado se deseja aproveitar bem este momento. Tome cuidado somente
com uma tendência a superestimar o que você imagina que os outros estarão
esperando de você – isso pode leva-lo a um comportamento extravagante e artificialmente
arrogante. Seja fiel a si mesmo e evite se impressionar pelo que ver dos outros
agora. A fase pode ser bem favorável pra vida afetiva e sexual;  Vale lembrar que para os que vivenciam
trânsitos difíceis de Urano e Plutão, Júpiter pode simbolizar ajuda vinda de
outras pessoas, mas pra isso será necessário abrir mão do orgulho.
Os que tem ascendente em Capricórnio estão com Júpiter
passando pela casa 7 do mapa de nascimento, setor que fala sobre a vida social
e afetiva. Júpiter na casa 7 expande os contatos  e movimenta bastante a vida social, fazendo
com que a pessoa se torne mais atraente. Haverá uma renovação no círculo social
com novas amizades e contatos surgindo e o aprimoramento de antigas relações. A
popularidade pode aumentar, trata-se de uma boa fase pra se divulgar. Cuidado
pra não se impressionar demasiadamente com as pessoas que conhecer agora: há
uma tendência a superestimar os outros e vir a se decepcionar depois que passar
o trânsito; Pra quem vive os trânsitos de Plutão e Urano, Júpiter na 7
ampliando os contatos pode representar novas saídas para os atuais
problemas. 

Aquário
O signo de Aquário não forma aspecto com o signo de Câncer, sendo assim, os que tem planetas em Aquário não vão viver nada em relação aos assuntos representados por estes planetas no que se refere aos trânsitos de Júpiter. Porém, como vem de uma fase de trígonos, provavelmente muitos estão lidando ainda com oportunidades que surgiram ao longo do último ano. É momento de trabalhar em cima das novidades que surgiram no passado recente, não de focar em novidades porque o momento não representa nada neste sentido. 
Para quem tem Ascendente em Aquário, o signo de Câncer ocupa a casa 6, relacionada a aspectos desagradáveis do cotidiano, pequenos problemas e doenças. O momento não tende a ser especial, as oportunidades que aparecerem talvez precisem esperar momento mais oportuno pra serem melhor aproveitadas. Problemas de saúde podem surgir em decorrência de abusos hedonistas sobretudo com álcool ou comida. Por outro lado, Júpiter nesta casa pode levar a uma espécie de sorte ao se identificar problemas de saúde em potencial que poderiam vir a causar problemas no futuro. É uma fase boa pra consultas ao médico de natureza preventiva porque a descoberta de problemas de saúde sob um trânsito como esse podem conduzir a um tratamento mais efetivo.Tende a ser um momento laborioso, em que você provavelmente vai se sentir bem disposto para o trabalho e mais disciplinado, como se estivesse movido por uma espécie de fé –  a crença de que no futuro será recompensado. E de fato o momento é favorável para isso, preparação de terreno e esforços que tende a culminar anos depois na medida em que Júpiter sobe para as casas superiores, relacionadas a carreira. Não se trata de um momento em que você deve esperar por recompensas imediatas;  
    
Peixes
Quem tem planetas em Peixes está passando por uma fase muito fértil porque Júpiter está em trígono crescente com os planetas piscianos, indicando uma fase produtiva, de otimismo, sorte e boa vontade, que tende a beneficiar a todos os assuntos representados pelos planetas em questão. Tende a ser um momento de alta criatividade, maior confiança e aumento das oportunidades dentro do escopo dos temas simbolizados pelos planetas que recebem o trígono. É uma fase que pode indicar crescimento material, oportunidades no âmbito social, financeiro, profissional e afetivo e um eventual aumento no carisma. Quanto mais importância tem os planetas que recebem o trígono, tanto melhor tende a ser essa fase. Entretanto, o momento não tende a lhe empurrar em direção as coisas, muito pelo contrário: Pra aproveitar a boa onde será necessária uma boa dose de iniciativa também. 
Quem tem Ascendente em Peixes tem Câncer na casa 5. Júpiter por esta casa indica um momento marcado pelo hedonismo e pela busca do prazer em todos os sentidos. Trânsitos harmônicos indicam um momento favorável, regado a prazer, bem estar e bastante disposição na esfera física, o que pode ser muito bom para os esportes. Mas os trânsitos desarmônicos predispõe a excessos, a se correr riscos de forma desnecessária, sobretudo por uma tendência fora do comum em apostar. O espírito de competição acompanhado de um aumento na auto-estima pode levar a pessoa a acreditar que é imune aos revezes, arriscando-se em situações de risco, podendo perder dinheiro com jogos de azar, em investimentos impulsivos e em transações comerciais desvantajosas. É um trânsito que indica um aumento na autoestima, que implica também num aumento no poder de atração na esfera sexual. Trata-se de fato de uma fase regada a diversas oportunidades na esfera sexual, que pode sem bem prazerosa mas trazer alguns riscos para aqueles que tem compromissos mais sérios. 
Júpiter entrou em Câncer no dia 25 de junho de 2013 às 22:40 (horário de Brasília)
Júpiter entrou na fase de sombra (10°♋26′)  no dia 12 de agosto de 2013
Júpiter estaciona no dia 7 de Novembro de 2013 aos 20°♋30 e entra em movimento retrógrado.
Júpiter estaciona no dia 6 de Março de 2014 aos 10°♋26 e volta ao movimento direto.
Júpiter deixa a fase de sombra ultrapassando os 20°♋30 no dia 1 de junho de 2014.
Júpiter deixa o signo de Câncer pra entrar em Leão no dia 16 de julho de 2014 às 7:30 (horário de Brasília)

Ciclos na astrologia

Nossa vida é repleta de repetições, retornos, as circunstâncias mudam constantemente, mas aparentemente somos sempre levados a repetir ações, a rever sensações, a reviver experiências sob novas circunstâncias. Para a astrologia, isso acontece devido à periodicidade dos ciclos planetários. Cada planeta, com seu período específico, colore, por assim dizer, algum setor da nossa vida, emprestando suas qualidades e introduzindo seus assuntos a medida que transita através do nosso mapa formando aspectos com nossos planetas natais.
Não limitando-se somente aos ciclos dos planetas, a astrologia aborda também ciclos de caráter pessoal, como o ciclo da lua progredida, dos ascendentes de revolução solar, o factum, etc. Mas os ciclos planetários tem um caráter mais universal, eles marcam épocas e tendências se repetem a medida em que os posicionamentos se repetem, sendo a linguagem destes signos compreendida e vivenciada por todos, que reagem de diferentes maneiras (segundo a maneira específica que cada planeta toca seu mapa).
Júpiter e Saturno são os planetas mais importantes quando analisados os trânsitos, uma vez que eles são uma ponte entre o puramente pessoal e o social. Já Os planetas mais lentos (urano, netuno e plutão) não são encarados como ciclos, se partirmos de um ponto de vista pessoal, porque um ciclo necessita ter um começo, um meio e um fim. Dada a lentidão destes, eles jamais concluiriam um ciclo no mapa natal, com urano conseguindo isso em alguns casos muito raros (seu ciclo é de 84 anos) .
Por outro lado, esses planetas lentos possuem ciclos que nos afetam dum ponto de vista social, à medida que transitam pelos diferentes signos, marcando épocas e caracterizando transformações sociais. Pessoalmente, é assim que os interpreto: Um trânsito de plutão marcará sua vida porque você sofrerá reflexos e conseqüências no plano pessoal, decorrentes de profundas transformações que estarão ocorrendo no âmbito social.
A energia é muito sutil e pode ser vivida como uma crise de identidade, quando seu modo habitual de agir de repente destoa de modo gritante de uma tendência silenciosa, um fluxo inconsciente que seria neste caso a “nova ordem” trazida pelo planeta que aplica o trânsito. O mundo muda, mas você continua o mesmo, a mudança não ocorre num passe de mágica, é você quem terá de se adaptar a nova circunstância !

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén