A constelação de Auriga

A constelação de Auriga (ou Cocheiro) fica localizada no hemisfério norte do céu, localizada numa região próxima das constelações de Touro e Gêmeos. Faz limite ainda com Perseu, Lince e Camelopardalis. É o local onde se localiza o anti-centro da Galáxia, a 180° de distância do centro localizado na Constelação de Sagitário. A imagem tradicional da constelação é a de um homem , um cocheiro, que tem uma cabra no colo, associada a Almathea, além dos dois filhotes que ela teve de deixar de lado para amamentar a zeus. Teve outras representações em culturas vizinhas a grega: Os Assírios viam ali uma carruagem, e os babilônicos viam uma cimitarra.

Seu asterismo apresenta um padrão característico em forma de Pentágono, o que a torna uma constelação fácil de se localizar especialmente no hemisfério norte. É uma constelação circumpolar , o que a torna visível o ano inteiro em praticamente todas as latitudes no hemisfério norte. Ela é visível no Brasil, mas se localiza na borda norte do céu, podendo ser vista princialmente no verão. Aqui no hemisfério sul o fato de ela aparecer próxima do horizonte norte pode fazer sua observação mais difícil por interferência da poluição luminosa. É totalmente invisível no polo sul.

Mitos da Constelação de Auriga

Na mitologia grega, essa constelação representa Erictônio de Atenas, um rei mítico da cidade de Atenas. Filho de Hefesto e Atena , ou de Hefesto e indiretamente Gaia, mas tendo sido criado por Atena. O deus Hefesto após ser rejeitado em seu desejo por Afrodite que acabara de o trair com Ares, se apaixona pela deusa Atena, e tenta lhe estuprar. Mas a deusa procura defender sua castidade e Hefesto tem seu desejo mais uma vez frustrado. Não conseguindo penetra-la, finalmente ejacula sobre o corpo da deusa. Ela procura se limpar rapidamente, enojada, e o semen de Hefesto ao tocar o chão (gaia) da origem a uma criança, Erictônio.

Atena fica maravilhada com aquilo e recolhe a criança. Em algumas fontes, a própria deusa cria erictônio lhe ensinando todas as artes e ofícios que são seus atributos. Erictônio teria inventado a carruagem que era puxada por quatro cavalos, imitando a carruagem do próprio Hélios. Ele daria origem a dinastia de reis da cidade de Atenas e teria dado origem ao culto de Atena na cidade.

Essa constelação também era associada ao próprio deus Hefesto , que era o inventor do Olimpo, e que teria inventado a carruagem como meio de transporte para si. Hefesto é também o deus do fogo , o que poderia justificar sua presença nessa constelação , porque ela começa a aparecer antes do nascer do sol no hemisfério norte justamente durante os meses mais quentes do ano. Ela também as vezes é vista como o herói Belerofonte, que teria sido colocado no céu após sua queda do monte Olimpo. Entretanto , isso é incompatível com a maioria das versões do mito de Belerofonte, onde ele era condenado a sobreviver como um indigente por punição pela sua arrogância.

Uma visão mais macabra dessa constelação vê nela o irmão de Medeia, que foi esquartejado por ela no mito dos Argonautas. Quando Jasão e os argonautas fugiram da Cólquida com o Velocínio de ouro, Medeia decide levar junto seu irmão, sabendo que o rei Eetes viria no encalço deles. Ela esquarteja o próprio irmão e vai jogando os pedaços do corpo no mar para atrasar seu pai que parava no caminho para ir recolhendo os membros. As estrelas da constelação de Auriga representariam cada uma das partes do corpo esquartejado do irmão de Medeia.

Na China, curiosamente era visto na região desta constelação também um cocheiro mas com sua carruagem , eram as carruagens do imperador. Para índios brasileiros o asterismo dessa constelação, somado a touro e outras estrelas próximas formavam um jacaré.

Anatomia da Constelação de Auriga

Auriga tem 657 graus quadrados o que faz dela uma constelação razoavelmente grande. Entretanto, seu asterismo principal em forma de Pentágono ocupa uma área bem menor do que isso. Na área dessa constelação existem muitas galáxias que costumam ser alvo de observação de astrônomos amadores especialmente no hemisfério norte, onde a observação é privilegiada, mas a maioria delas não pode ser notada a olho nu.

Ela não é difícil de ser localizada. Em janeiro ela costuma estar bem visível aqui no Brasil especialmente próximo da meia noite. Aqui no hemisfério sul sua visualização é melhor quando a constelação de Touro culmina, o que equivale aos momentos em que o signo de gêmeos se encontra no meio do céu. Inclusive, a estrela Beta tauri (el Nath) por se localizar nos limites desta constelação, as vezes é incluída na constelação de Auriga com a designação de gamma aurigae. Vejamos as estrelas desta constelação que recebem denominação própria:

Hasseleh Iota (i)16°55′ de Gêmeos
Hoedus 1 Zeta (ζ)18°55′ de Gêmeos
Hoedus 11 Eta (η)19°44′ de Gêmeos
Capella Alpha (α)22°08′ de Gêmeos
Menkalinan Beta (β)00°12′ de Câncer
Prajapati Delta (δ)00°12′ de Câncer
Mahasin Theta (θ)00°14′ de Câncer
Longitude das estrelas para 01/01/2021

Hasseleh, Iota (i) Aurigae, é uma estrela localizada no pé esquerdo do Cocheiro. Em árabe o nome é Al Ka’b dhi’l ‘Inan, que significa “A canela do que conduz a carruagem”. Beta Tauri (El Nath) as vezes aparecia com uma designação semelhante a essa de Hasseleh, marcando o pé direito do cocheiro e formando a base do pentágono do asterismo.

Hoedus 1, Zeta (ζ) Aurigae, é um estrela no centro do asterismo de Auriga marcando a localização de uma das criança. Na verdade essas “crianças são os filhotes de Almatea que ela teve que deixar de lado para dar de mamar a Zeus. É importante ressaltar porém, que essa representação das crianças é inconsistente ao longo da história.

Hoedus 11, Eta (η) Aurigae,é uma estrela no centro do asterismo de Auriga, marcando a localização do outro filhote. Essas duas estrelas, Hoedus 1 e 11 , são chamadas coletivamente de Haedi, termo árabe que significa crianças.

Capella, Alpha (α) Aurigae, É a estrela mais brilhante da constelação de Auriga e uma das mais brilhantes dentre todas as estrelas (a sexta). Ela marca a cabeça da cabra Amalthea, com o termo Capella vindo do latim, e significando cabra. Fica na esquerda do asterismo em pentágono. Amalthea já foi um nome antigo desta estrela.

Menkalinan, beta (β) Aurigae, é uma estrela localizada no ombro esquerdo do Cocheiro. O nome tem origem árabe, Al Mankib dhi’l ‘Inan, “O ombro do cocheiro.

Prajapati, Delta (δ) Aurigae, é uma estrela localizada na cabeça do cocheiro. Não tem designação tradicional na astronomia árabe ou grega, com esse nome derivando da astronomia indiana. Significa em sânscrito “senhor de todas as coisas criadas”.

Mahasin, Theta (θ) Aurigae, é uma estrela que se localiza na mão do cocheiro que segura as rédeas da carruagem. O nome vem do árabe e significa “pulso”. Está no lado direito do pentágono.

Significado astrológico da constelação de auriga

Auriga tem uma má reputação na tradição. Sua estrela alfa capella, que é sua estrela mais importante, porém, não parece ser tão ruim. Melkalinan também tem algum destaque. De modo geral , os que são influenciados por essa constelação são cautelosos mas mesmo assim muito curiosos, o que os leva a aprender constantemente. A curiosidade é o que termina os expondo ao perigo, onde eles podem descobrir informações que os comprometem e os prejudicam, e podem sofrer de ansiedade. A natureza da constelação é predominantemente Mercuriana com uma influência de Marte.

Essa parte da curiosidade problemática no significado da constelação pode estar relacionada a um elemento macabro em sua mitologia. Durante o tempo em que Atena cuidou de Erictônio, enquanto ele era bebê, ela o manteve dentro de uma jarra com ordens para os seus sacerdotes para que nunca olhassem ali dentro. Duas das sacerdotisas de Atena porém , não suportaram a curiosidade e espionaram a jarra. O que elas viram ali dentro lhes causou tamanho terror que elas enlouqueceram e se atiraram do alto da Acrópole. Alguns dizem que uma serpente ficava enrolada ao corpo do bebe , lhe amamentando, relacionando Atena a serpentes (como no mito da Medusa).

Capella pode aparecer com proeminência no mapa de jornalistas, professores e pesquisadores. São pessoas de espírito curioso e inquieto , impacientes por novidades e que por isso realizam descobertas que podem ser importantes para o seu meio social. Especialmente se ela aparecer em conjunção com Ascendente, Meio-do-céu ou mercúrio. Em conjunção com a lua , pode significar uma curiosidade que deixa o nativo muito ansioso. Devemos lembrar que um dos atributos seja de Erictônio, seja de Hefesto, era sua engenhosidade. E assim tendem a ser os marcados por esta estrela durante o nascimento.

Melkalinan é uma estrela inespecificamente maléfica, de natureza marciana e mercuriana. Entretanto ela não aparece como muito importante. Ela acaba tendo o sentido geral da constelação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.