Sol em Leão e Ascendente em Capricórnio

Sua aparência é de sofisticação, urbanismo, uma certa frieza, modos elitistas, aristocráticos. Nem sempre sua intenção é causar uma imagem tão cheia de cerimônias, mas pra você é inevitável, é instintivo. Capricórnio no ascendente vai sempre ter modos milimetricamente planejados de modo a transmitir sempre muita segurança e credibilidade. Às vezes você exagera um pouco nisso e transmite arrogância ou desdém pelos outros. Tem um discurso de pessimismo e chega a transmitir certa negatividade para as pessoas com sua visão fatalista dos fatos, mas na realidade não é dessa forma que você pensa a vida. Por dentro você é uma pessoa cheia de fé e confiança em si mesmo, forte, valente e destemida, mas sente uma demanda a transmitir para os outros uma imagem de cautela, de “realismo” para que as pessoas não o julguem como alguém ingênuo. O sol colocado no oitavo signo em relação ao ascendente sempre leva o nativo a ficar consciente das discrepâncias existentes entre os dois signos. Nesse caso, aqui o nativo percebe que a megalomania, a arrogância e a confiança infinita típica do Sol em Leão, precisa de bases sólidas no plano real para que possa ser sustentada, caso contrário a pessoa faz papel de ridículo. O medo, o pavor em relação a simples hipótese de parecer ridículo atormenta as pessoas que nascem com esta configuração. Porém, aqui também há a consciência da falsidade das aparências, de que se a pessoa não está realmente segura, de nada adianta fingir segurança para os outros, porque não é a sua imagem que garante quem você é, mas também e principalmente, de que forma você se enxerga.
James Hetfield

James Alan Hetfield (Downey, Los Angeles, 3 de agosto de 1963) é um vocalista e guitarrista estadunidense. É um dos fundadores da banda de heavy metal Metallica. James iniciou seu contato com a música aos 9 anos, quando teve aulas de piano. Também aprendeu a tocar bateria antes de partir para a guitarra.
Anos mais tarde, James sai de casa, começa a dedicar-se totalmente a música e forma a sua primeira banda: Obsession. A banda era formada pelos irmãos Jim e James Arnold. Mais tarde eles saíram da banda e foram substituídos por Dave Marrs e Ron McGovney.
Os Obsession tocavam em apresentações de escola, sem muita repercursão e já começavam a compôr as suas primeiras letras, mas sem muito sucesso. As pequenas platéias (quando tinham) preferiam covers, o que irritava James. Nos primórdios da banda, o Metallica experimentou várias formações de vocal e guitarra. Algumas das opções consideradas incluiam um outro guitarrista, tendo John Roads como guitarrista solo e John Bush do Armored Saint (que mais tarde se juntaria ao Anthrax) como vocalista. Hetfield afirmou numa entrevista em 1989 para a revista Spin que a banda queria o ex-vocalista do Misfits, Glenn Danzig, mas não deixou claro se Danzig chegou a ser contactado pela banda. Finalmente, a banda foi formada com James Hetfield (guitarra e vocal), Lars Ulrich (bateria), Dave Mustaine (guitarra) e Ron McGovney (baixo). De 1981 a 1983, o estilo de vida errático de Mustaine ocasionou problemas de relacionamento entre ele e Hetfield. Mustaine chegou a derramar cerveja no baixo de McGovney, o que fez com que ele levasse um choque elétrico ao ligar o baixo e por pouco não se machucasse mais seriamente. Hetfield e Ulrich acabaram por ejetar Mustaine da banda por causa de seus excessos com bebida, e recrutaram o guitarrista Kirk Hammett da banda Exodus no mesmo dia. Mustaine foi mandado de volta para casa numa viagem de 4 dias de ônibus e acabou formando o Megadeth.
Até meados da década de 1990, Hetfield gravava todas as bases de guitarra do Metallica. Apenas no álbum Load, de 1996, Hammett passou a também gravar bases. Hetfield também gravava alguns solos, como o de “Nothing Else Matters”, o solo final de “The Outlaw Torn”, o segundo de “To Live Is to Die”, o segundo de “Orion” e o primeiro interlúdio de “Master of Puppets”. Ele também escreve a maioria das harmonias de guitarra, bem como escreve as letras, melodias vocais e co-arranjar as músicas com Ulrich.
Hetfield se envolveu em muitos incidentes em palco, sendo o mais conhecido o da pirotecnia no Estádio Olímpico de Montreal. Em turnê com o Guns N’ Roses, em 8 de agosto de 1992, ele acidentalmente entrou na área destinada a parte das chamas químicas que estavam programadas para incendiar em “Fade to Black”. A guitarra o protegeu da força da explosão, entretanto, o fogo envolveu o lado esquerdo de seu corpo, queimando sua mão, seu braço, sobrancelha, rosto e cabelo. Ele sofreu queimaduras de segundo e terceiro graus, mas voltou aos palcos 17 dias depois, com o guitarrista John Marshall (ex técnico de guitarra de Hammett e membro da banda Metal Church) tocando em seu lugar, durante quatro semanas, até que ele se recuperasse totalmente. John Marshall também substitui James em algumas ocasiões na década de 80, quando o frontman feriu o braço em acidentes de skate.
James travou sua maior batalha, nesses últimos anos, contra o seu maior vício: o álcool. Durante a gravação do álbum St. Anger, James entrou num processo de reabilitação. Esse fato e outros problemas encontrados pela banda nos últimos anos pode ser visto mais detalhadamente no DVD “Some Kind of Monster”.

Dustin Hoffman

Dustin Lee Hoffman (Los Angeles, 8 de agosto de 1937) é um ator estadunidense.Após uma carreira no teatro, alcançou a fama no cinema ao protagonizar o filme The Graduate (no Brasil, A primeira noite de um homem), de 1967, ao lado de Anne Bancroft. Depois desse sucesso, estrelou outros filmes famosos nos anos 70, como Midnight Cowboy, Little Big Man, Papillon e All the President’s Men. Mais recentemente, brilhou com Tootsie e Kramer vs. Kramer.
A atuação no drama Rain Man, de 1988, como o irmão autista de Charlie, interpretado por Tom Cruise), lhe valeu o segundo oscar de melhor ator. Trabalhou em outros dramas e filmes de ação, como Confidence e Runaway Jury, ambos de 2003; e comédias, como Meet the Fockers, de 2004.
É grande amigo de Gene Hackman, com quem morou antes de ambos ficarem famosos. Foi dublado no Brasil por Newton da Matta.

Joe Jonas

Joseph “Joe” Adam Jonas (Casa Grande, 15 de Agosto de 1989), é um ator, cantor e músico estadunidense, também conhecido como “Lightning” (relâmpago), “DJ Danger” (DJ Perigo) ou JJ (Joe Jonas). Ele faz parte da banda Jonas Brothers junto com dois de seus irmãos: Kevin e Nick. Joe ganhou o prémio de “Melhor Fashionista”, outorgado pela MTV.

21 opiniões sobre “Sol em Leão e Ascendente em Capricórnio”

  1. Olhe não gostei muito pelo fato de Virgem(Sol)e Capricórnio(Asc.) terem a mesma foto do que essa combinação. Por favor Elias o que não te falta é criatividade espero sinceramente que você arrume esse pequeno detalhe.

  2. Olá Elias,

    Consultando meu mapa astral, descobri que sou este tipo de leonino. Sofro de um problema chamado "fobia social" que destroi todas as minhas chances de ser eu mesmo, de ser leonino, que parece agravado pelo meu ascendente por causa disso: "O medo, o pavor em relação a simples hipótese de parecer ridículo atormenta as pessoas que nascem com esta configuração."

    Não quero te pedir uma consulta, mas apenas um conselho: o que sugere para eu tentar lidar melhor com essa faceta de minha natureza?

    1. Caramba! Eu também… Não sabia que tinha tanta influência assim. Mas dizem que o ascendente vai se aflorando cada vez mais com o passar dos anos. Hum… Queria ajuda para não ser tão introvertida, já que sou Leonina também.

    2. Caramba! Eu também… Não sabia que tinha tanta influência assim. Mas dizem que o ascendente vai se aflorando cada vez mais com o passar dos anos. Hum… Queria ajuda para não ser tão introvertida, já que sou Leonina também.

  3. Também sou leão com asc em capricórnio, tenho fobia social, mas o que me marca demais é o fato de o tempo todo fazer reflexões sobre a vida a ponto de não sair do lugar. Tenho muita disposição e energia, mas quando estou em público sempre ordeno as coisas ao invés de agir naturalmente. Uma realização pra mim seria entrar na marinha, adoro a cultura militar, me sinto mais a vontade em locais com ordem e disciplina kkkk

  4. Ai que horror super me identifiquei com os comentários,tipo é uma guerra pq leão e capricórnio são literalmente opostos e pareçe as vezes que existe duas pessoas dentro de vc uma quer extravazar e a outra acha isso ridículo, tipo é muita crítica interna e as vezes sou super sociável e tagarela e tem vezes que não, calada e antisocial. Sou super sorridente em outra hora super séria, sempre quando me conhecem dizem que eu era quieta depois me soltei, mas mas isso é mentira é pq não quero assustar nem me ridicularizar de cara pra uma pessoa que acabei de conhecer. Aff é muito difícil lidar com isso.

    1. Eu sou DESSE JEITOOOOO, uma hora tô calada, outra hora tô falando coisas absurdas kk, e eu mesmo acho q to falando de mais e sendo incoveniente, e fico queta dnv kk, eu sofrooooo, ainda mais com a lua em Áries

  5. Cara eu quando eu lir eu não sei se eu chorava ou caía na risada ,e muito sofrido ,mais vou se sincero eu já Tou me dando bem com a minha personalidade , mais acabei respondendo um impacto muito negativo que não me faz sorrir nem um pouco para ninguém de sério eu ne tornei frio

  6. Agora entendo porque hora quero distância social e hora to lá socializando. Essa parada de dar um de leonino e capricornio chama pro reservado é foda. Agente fica numa paranoia do inferno. Kkkk

  7. Kkkkkkk Sou de Leão apenas. Meu ascendente não me representa. Kkkk Sempre fui extrovertida, comunicativa, sociável… Kkkk Nada a ver isso aí…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.