Vênus em Leão ♌

Vênus está passando pelo signo de Leão, um signo que não lhe confere muito poder porque nele esse planeta não possui grandes dignidades. Mas isso não significa que a pessoa que tem Vênus em Leão será “indigna”, muito pelo contrário. Essa Vênus é soberana e convicta do seu poder de atração, tem honra e dignidade pra dar e vender e é orgulhosa de si mesma. A  ausência de dignidade planetária pra Vênus nesse signo se reflete justamente nessas características que eu citei. É que o grande desejo e a principal função de Vênus é agradar aos outros, é atender as demandas alheias nos assuntos de Vênus, promover harmonia, beleza e prazer. A Vênus em Leão promove todas essas coisas, mas não para os outros: Vai ser então uma Vênus hedonista, que se preocupa consigo, com o seu prazer. Quer ser bonita pra si mesma, não necessariamente pra aparecer na frente dos outros. Beleza e auto-estima se transformam em uma coisa só, e a pessoa que tem Vênus em Leão é confiante na proporção em que se sente bonita e digna quando contempla sua imagem diante de um espelho. E o que vale é a nota que ela dá a si mesma. Como Vênus está a disposição do Sol, neste caso ego se mescla a auto-imagem e poder de atração. É o extremo oposto, por exemplo, da Vênus em Virgem, que olhará elogios com desconfiança e sempre conseguirá identificar algo que precisa melhorar em si mesma. Já em Libra, onde Vênus tem domicílio, Vênus busca ser bela com os outros e para os outros, e é por isso que Vênus se realiza neste signo.

A Autoconfiança venusiana neste caso não se alicerça na opinião da maioria: A opinião que ela tem de si mesma ja basta, é este o principal parâmetro de beleza pra quem nasce com essa Vênus. E essa época predispõe a uma tendência geral das pessoas a partirem por esse caminho.  Pode haver uma queda pelo que é extravagante e suntuoso, pra famas e glórias, e tudo aquilo que servir pra destacar a individualidade. No amor a competitividade pode ficar em alta, essa Vênus desperta alguns dos aspectos mais selvagens dentro dos relacionamentos humanos. A conquista, o galanteio e os jogos de sedução adquirem maior intensidade,  indicando um momento favorável para as relações que se baseiam somente em sexo, porque a maioria das pessoas se sentirá impelida a satisfazer as necessidade mais prementes do seu ego. De modo geral, haverá mais vontade de amar pelo amor em si mesmo, de contato pela satisfação da vontade, de sexo pela satisfação do desejo.

Jogos de dominação e poder ficam em alta. Em Leão fica implícita a lei do mais forte, e o amor pode se pautar as vezes em medições de força. Como Leão é um signo solar,  esta Vênus beneficia especialmente a apreciação da beleza masculina, da virilidade. Como contra-antiscion de Touro, a riqueza e a ostentação também são elementos dessa Vênus, ao menos a apreciação dessas coisas. Essa é a Vênus dourada, nos mais diversos sentidos: Da pele dourada pelo sol passando pelas barras de ouro que valem mais do que dinheiro. Também é uma Vênus que valoriza pompa e circunstância, elegância, cerimônia, confete, brilho em todos os sentidos.

Vênus entrou em Leão no dia 27 de junho de 2013 as  14:03
Vênus vai deixar Leão pra ingressar em Virgem no dia 22 de julho de 2013 as 9:41

 

Mercúrio em Libra

Mercúrio está transitando o signo de Libra. Apesar da queda
brusca de dignidades, Mercúrio ainda pode ser considerado muito forte quando em
Libra, porque este é um signo aéreo, onde este planeta tem triplicidade. Libra
como signo duplo ou dual (já que a balança possui dois pratos) rege o
julgamento imparcial, é a pretensão de honestidade, clareza e justiça  ideal através da ponderação dos opostos, de
todos os lados. É o signo que busca harmonizar os opostos e juntar num mesmo
grupo, partidários de pontos de vista completamente diferentes, agradar a
gregos e troianos, permanecendo assim, como diz o ditado popular, “em cima do
muro”. É um signo onde conceitos de Bem e Mal não existem isoladamente, onde se
acredita em um equilíbrio perfeito entre essas duas forças.  Esse signo também governa a beleza, a estética
e a simetria, a boa aparência, o bom envelope, favorecendo mais o que for
melhor apresentado e o que causar uma melhor impressão, independente do
conteúdo da coisa apresentada.
As pessoas que tem Mercúrio em Libra são muito políticas,
ouvem o que os outros têm a dizer e sabem se colocar de forma a se encaixar até
mesmo nos ambientes mais hostis. São pessoas curiosas, que buscam o
conhecimento, que se alimentam de conceitos (de preferência os que defendam os
ideais mais elevados) e de beleza. Tendem a ser grandes apreciadores da arte e
de tudo o que é belo, e buscam equilibrar todas as opiniões que ouvem fazendo o
levantamento de informações contrárias, dando a impressão as vezes de serem “do
contra”. Muitos podem se tornar questionadores patológicos, sempre tentando
contradizer o que os outros defendem mostrando uma versão oposta das coisas;
São “radicalmente” partidários do equilíbrio. O radicalismo e a unilateralidade
exasperam os que nasceram com este Mercúrio. Eles só gostam de suavidade e de
meio termo.   
Mercúrio em Libra é idealista por excelência, e enaltece
conceitos diáfanos, muitas vezes impraticáveis. Uma época de mercúrio em Libra
vai favorecer o diálogo, mas tende a colocar as coisas em um plano extremamente
etéreo. Favorece mais a discussão e menos a solução, favorece mais o planejamento
(a idealização) do que a execução. Também é uma época pouco favorável para se
assumir posicionamentos muito radicais: estes encontram muita resistência. É
necessário aqui ao menos ouvir o que o outro tem a dizer, a tentativa de se
simplesmente impor uma visão extremista do que quer que seja não tende a
vingar. É uma época que facilita os acordos, portanto se tem algum conflito
pendente, pode tratar de aproveitar o momento pra encontrar uma solução
pacífica pra ele. Tudo o que for egoísta e que tiver como princípio a
competição e a agressividade está fadado a um retumbante fracasso ao longo
deste momento.
Mercúrio entra em Libra no dia 16 de setembro de 2012 as
23:33
Mercúrio deixa o signo de Libra pra entrar em Escorpião no
dia 5 de outubro de 2012 as 7:35
Esta passagem é interessante porque Mercúrio e Saturno vão
deixar o signo de Libra quase simultaneamente, a conjunção entre Mercúrio e
Saturno ocorre aos 29°57’ de Libra. É uma última oportunidade para se acertar
as contas com o que tinha de ser resolvido ainda com Saturno em libra, antes
que saturno ingresse em um signo mais radical, e que abre pouco espaço para o
acordo. 

Mapa Astral : Adele

Adele foi e ainda está sendo uma verdadeira febre musical, tendo abocanhado diversas premiações e sendo tocada á exaustão em tudo quando é parte deste planeta. Não que ela represente algum tipo de inovação: talvez pelo seu estilo que remete as cantoras dos anos 60 (até na aparência) ou a temática romântica, que agrada a todos mas que é mais antiga do que andar pra frente. Mas a beleza e potência de sua voz e sua música não podem ser menosprezadas, e seu sucesso é mais do que merecido.  Vamos tentar saber um pouco mais a respeito do ser humano que vive por trás da “celebridade Adele” através do mapa de nascimento dela.

Existe um problema sério em relação ao horário de nascimento dela: O site que fornece os dados (astrotheme) é conhecido por informar qualquer coisa, a credibilidade deles é nula, especialmente porque eles não informam a fonte dos dados. Vou me focar aqui muito mais no que é possível saber somente pela data, mas vou colocar abaixo o desenho do mapa com base no horário fornecido no astrotheme. Adele nasceu no dia 5 de maio de 1988, em Londres, às 3:02 da manhã de acordo com astrotheme, horário não confiável, provavelmente retificado por algum astrólogo. Veja:

Bom, o Ascendente em Aquário com Marte em conjunção, e mais o regente sendo Saturno em Capricórnio apontariam pra uma forma física tendendo mais para o magro. Mesmo assim tomei o cuidado de calcular o temperamento pra este mapa, e encontrei predominância no temperamento Melancólico , que inclina à magreza. Esses elementos não se encaixam. A forma física, como pode ser visto na imagem abaixo, sempre pendeu para o rechonchudo e o bem alimentado. pessoalmente eu apostaria num ascendente em Touro ou Libra, o que colocaria a oposição Lua/Vênus em evidência.

Essa oposição entre lua em Sagitário com Vênus em Gêmeos me parece ser um elemento muito importante do mapa da Adele. Sugere além de muita criatividade e interesse por artes em geral, uma forte carência afetiva, que leva a pessoa a buscar a aprovação dos outros e a compensar eventuais rejeições através do hedonismo. Indica preguiça, vontade de viver os prazeres, até com certo exagero como sugere o signo de Sagitário,  e uma forte inclinação a auto-indulgência, ou seja, a incapacidade (ou pelo menos a dificuldade) de se disciplinar.

Outro fator muito forte é A conjunção entre Sol e Júpiter que também enaltecem o planeta Vênus. Sobre esta Vênus escrevi um texto por ocasião do seu último trânsito:

https://megastrologia.com/2012/07/venus-em-gemeos.html

Mas a conjunção Sol/Jupiter por si mesma indica uma pessoa que vive a vida de forma suntuosa, valorizando o prazer e a beleza acima de tudo. Indica sorte, inteligência e bom humor, fazendo da pessoa alguém que é capaz de tirar uma lição importante de todo o tipo de experiência, até das mais banais. Existe uma forte alusão aos simbolismos de Júpiter neste mapa, seja pela presença da lua em Sagitário, seja pela presença desta conjunção entre Júpiter e Sol. Ambição, fé e fanatismo são outras possíveis características, fazendo com que a pessoa se comporte alicerçada em muitas certezas, soando como uma “dona da verdade”. É necessário, entretanto, uma ressalva: Como desconhecemos o verdadeiro horário de nascimento de Adele, a lua pode estar em Capricórnio, o que mudaria completamente o quadro. Como sabemos pouco sobre ela (a imagem pública não é necessariamente um retrato da verdadeira personalidade de alguém), como sua trajetória ainda é muito curta, é difícil ter certeza de muita coisa sem que a informação do horário de nascimento se confirme.    

Algo que nos ajuda a ter mais pistas sobre o verdadeiro mapa de Adele é o problema de saúde que ela teve recentemente envolvendo a região da Garganta, astrologicamente regida pelo signo de Touro. Há quem diga que o simples fato de ela ter Sol em Touro ja justificaria os problemas e o fato de ela ser cantora numa tacada só (como se o canto fosse uma exclusividade do Sol em Touro). Isso é Astrologicamente errado. Esses fatos recentes podem na verdade apontar para uma casa 1 ou uma casa 6 com ênfase no signo de Touro, ou regidas pelo signo de Touro. Isso torna, na minha opinião, a hipótese de um eventual ascendente em Libra forte, porque o regente da casa 6 seria Júpiter em Touro,e o problema de saúde foi deflagrado durante um retorno de Júpiter. Outros ascendentes fariam igualmente sentido partindo dessa lógica: Sagitário, Touro, Câncer e Peixes. Conhecer mais sobre a personalidade de Adele ajudaria. Em diversas entrevistas ela afirma não se importar nem um pouco com sua forma física, exibe uma mistura equilibrada de autoconfiança e melancolia e não esconde o seu amor pelo Alcool e pelo prazer de modo geral. “Gosto do que me fda prazer e de quem me faz sentir bem e não me importo com o que pensam de mim” resume sua atitude, ao menos a atitude pública. Isso iria de encontro a um ascendente jupiteriano (principalmente Peixes, mas poderia ser também Sagitário ou Câncer), que justificaria sua imagem e também eventuais problemas de Saúde. Mas um Ascendente em libra (no caso de a pessoa ser uma taurina) indica também uma pessoa confiante da sua imagem: vaidosa mas não aponto de sacrificar aquilo que lhe seria mais caro: o prazer.

A mídia tentou enquadrá-la como “a nova Amy Winehouse”, mas ela parece não ter vestido o chapéu que lhe confeccionaram. Personalidade, atitude, talento, criatividade, voz …ela tem tudo isso de sobra, é um poço de Exuberância e isso é digno de admiração, especialmente a atitude de desafiar a época em que vivemos, ostentando alegremente um corpo avantajado num momento em que isso é considerado pecado mortal. Parece que de repente, ser gordinho se transformou numa atitude rebelde e revolucionária, ja repararam?   Se em algum momento eu vier a descobrir os dados verdadeiros dela, volto aqui pra editar essa postagem.

Uma visão coletiva dos trânsitos astrológicos

Os trânsitos tem uma importância fundamental em termos do desenvolvimento pessoal  e social de um indivíduo, especialmente em um
mundo cada vez mais urbano, onde as pessoas se aglomeram em grupos cada vez
maiores. Existem as técnicas astrológicas que apontam os ciclos pessoais de
desenvolvimento e experiências: as progressões, direções e revoluções solares.
Mas os trânsitos atuam em outro nível: Apesar de eles nos influenciarem em
nível pessoal, apesar de todos nós respondermos aos seus estímulos e
movimentações, é num cenário coletivo que os trânsitos exercem seu maior
impacto. Porque quando um planeta forma, por exemplo, uma oposição  com um planeta do seu mapa, não é somente
você que tem a percepção daquele aspecto: as pessoas que convivem com você e
que cruzam o seu caminho vão sentir o trânsito do mesmo jeito, apesar de a
imensa maioria não ter consciência desse processo, mesmo as que acompanham as
movimentações astrológicas. Porque os trânsitos, especialmente os mais lentos,
revelam uma espécie de mudança na corrente coletiva de pensamentos.
Tomemos como exemplo, os trânsitos de Urano em Peixes e mais
atualmente, de Netuno pelo signo de Peixes. Mas vamos tomar o cuidado de pensar os signos aqui não como “o signo de alguém”, mas sim como uma unidade de referência coletiva simbólica, que serve e influencia a todos os seres humanos simultaneamente. Esses trânsitos marcam épocas em
que uma forma “pisciana” de ser e pensar está em voga, é como se as coisas
representadas por aquele signo estivessem regendo o momento, como se estivessem
na moda, como se aquelas coisas representassem a normalidade e marcassem toda
uma época, tanto em seu aspecto mais positivo quanto no aspecto mais negativo. Mas
não é somente isso, porque a “energia pisciana” é o elemento mais óbvio e
visível no processo, mas existe o que está implícito em função dessa
força,  como na lei de ação e reação da
física, em que uma força em determinada direção gera outra de igual intensidade
que se opõe a ela. O fato de haver essa ênfase em Peixes, implica em uma ênfase
que se opõe a energia simbolizada pelo signo de Virgem, e que entra em choque
direto com as energias simbolizadas pelos signos de Gêmeos e Sagitário.
Então Peixes não implica somente numa manifestação coletiva
de elementos piscianos, mas também uma oposição direta a tudo aquilo que é
simbolizado pelo signo de Virgem, como numa crítica (crítica da crítica neste
caso) ou reavaliação daqueles temas.  E
assim as manifestações puristas, pudicas, seletivas e perfeccionistas deste
signo destoam gravemente em situações coletivas, como coisas deslocadas,
anormais, fora de contexto.  Não se trata
de uma lei, mas a ousadia de se ostentar comportamentos tipicamente virginianos
em uma época como essa pode ser socialmente punida com muita intensidade,
especialmente se a pessoa não tiver uma compreensão do que está acontecendo,
podendo inclusive ser surpreendida, agindo como sempre agiu e sendo levada a um
rude despertar: os tempos são outros. E isso fica mais claro na medida em que
percebemos o quanto a nossa sociedade está permissiva, como se a permissividade
e a vivência sem limites do prazer, agora, fossem a lei. E é claro que existem
aqueles que vão se unir firmemente em resistência, e vão querer exercer seu
direito de ser meticulosos ou de defender seus pudores e suas vergonhas.
Em relação aos signos que tem uma quadratura natural com
Peixes, Gêmeos e Sagitário, ocorre coisa parecida, mas existe uma relação de
resistência e irritação mútua entre signos que estão em quadratura, diferente
da oposição, já que no fundo eles não são totalmente diferentes. Por exemplo, o
elemento em comum entre esses  3 signos
(Peixes, Gêmeos e Sagitário) é a dualidade, e neste ponto eles entram em
acordo. Mas em outros aspectos existe o conflito, conflito que se diferencia em
cada caso.
A relação de Sagitário com peixes é marcada por muitas
semelhanças, já que ambos são regidos por Júpiter. Só que existe uma relação de
opressão da parte de Sagitário sobre Peixes. Então na eventualidade de uma
época como esta, marcada pela emergência das energias piscianas, sagitário
aparece simbolizando forças opressivas. Apesar de ambos os signos estarem
relacionados com a “religião”, Sagitário rege aspectos muito mais doutrinários
e reguladores das religiões, a fé incendiadora e o fanatismo, que mais do que
em qualquer momento, numa época pisciana, soam como coisas brutais.  O signo de Peixes rege aspectos mais etéreos
nas religiões, ligados a espiritualidade e a busca por conforto, por
redenção.  E como Peixes é um signo
extremamente permissivo, uma época pisciana suscita a reação Sagitariana,
através de posturas fanáticas, que cobram a observação da moral e da ética e
que ameaçam com a “ira divina”. Ao longo do processo, isso termina por
‘vilanizar’ sagitário durante aquele momento, porque todos, durante a passagem     
O contrário ocorre na relação entre Gêmeos e Peixes. Neste
caso a energia simbolizada por Gêmeos é que é oprimida.  É que apesar da duplicidade que os torna
similares, ambos os signos regem dimensões muito diferentes. Gêmeos rege o
universo intelectual, enquanto que Peixes rege um universo mais emocional e
imaginativo. Em Peixes imperam crenças, impera a imaginação e as ilusões,
enquanto Gêmeos tende a ir naturalmente por um caminho empírico e extremamente
racional. A confusão, as ilusões e as esperanças piscianas tornam ainda mais
indeciso o geminiano , que sem dados concretos fica sem saber pra qual direção
seguir. Numa época pisciana, o geminiano tende a reagir com muita incerteza e
indecisão, é um dos momentos que elevam essa sua fraqueza ao máximo.    
Então peixes não é simplesmente uma época de permissividade,
sonhos e ilusões, quando consideramos todas as implicações consequentes de um
planeta passar por este signo vemos que ele vai muito além disso. No caso,
vimos que Peixes implica ainda numa espécie de crítica à crítica e ao
perfeccionismo virginiano, ao sentimento de opressão causado pelo fanatismo
sagitariano, e a confusão e a indecisão causada sobre o universo geminiano. E
nem consideramos os efeitos de peixes sobre os demais signos.  
Além disso, cada planeta ao passar por determinado signo vai
expressar sua própria natureza através das características daquele signo. E a
expressão de cada planeta é muito particular! Mas é possível resumir a
expressão de cada planeta através dos trânsitos, resumidamente, da seguinte
forma:
Júpiter: É a expressão do otimismo e da vontade de crescer e
expandir. É o planeta que nos incute o desejo de ir além do cotidiano, e o
desejo de  alargar nossas fronteiras e gozar
o máximo possível da vida. Normalmente não traz novidades, mas renova as
energias e da um novo ânimo ao que já estava estabelecido.   
Saturno: É o grande regulador da coletividade, planeta que
está intimamente ligado aos ciclos de 
desenvolvimento natural do ser humano. É uma força de reestruturação,
simboliza a vontade de superar limites e a necessidade de se cumprir metas e de
dar um sentido e uma forma para a vida. Ele também trás medos, limitações e
punições, mas recompensa com a oportunidade de realização e de se deixar uma
marca permanente no mundo.   
Urano: É a energia renovadora do céu, que atua promovendo
uma verdadeira reorientação nos assuntos representados pelo signo por onde ele
está passando. As coisas nunca mais serão como foram um dia após uma passagem
de Urano. É ele que impulsiona inovações , sacudindo de forma abrupta e
inesperada o que se tinha como certo a respeito do signo por onde ele passa.
Netuno: É  o grande
solvente social, levando a mudanças sutis no que se refere aos impulsos
coletivos. Está muito ligado a arte, a mídia e normalmente influencia nos mais
diversos conceitos de moda e de tendências comportamentais de época. Sua presença
em um signo atua promovendo o caos e a dissolução para que uma nova forma de
organização se estabeleça mais clara e atualizada.  
Plutão: É o grande transformador social, responsável por
mudanças estruturais profundas e irreversíveis. Mas, diferente de Urano, as
mudanças plutonianas não são inesperadas. São consequência natural do
envelhecimento: É como se as coisas estivessem ultrapassadas , e como um anjo
da morte, Plutão atua ceifando e eliminando o antigo para que algo
absolutamente novo (re)nasça em seu lugar. 
Já escrevi aqui no blog sobre trânsitos, releia: 

Mercúrio em Virgem

O Planeta Mercúrio está passando pelo signo de Virgem, setor do zodíaco onde ele é mais celebrado e fortificado. Mercúrio recebe alvará para realizar plenamente todos os seus intentos quando está em Virgem, é onde a sua atuação é mais estimulada e ao mesmo tempo mais necessária. Aqui o perfeccionismo e o aspecto metódico do signo de Virgem vão ser aplicados na área em que esses atributos são mais úteis: Na organização de informações. Sendo assim não existe época melhor para organizar, arrumar, ajeitar, seja lá o que você precise, seja lá qual for o nível de caos em que seus assuntos estejam mergulhados. É a época pra colocar suas finanças em dia, pra arrumar sua dispensa e os seus projetos e calcular exatamente aquilo de que você precisa e discernir aquilo que é lhe descartável.

É porque em Virgem a percepção mercuriana se limita a realidade, e esta é analisado em detalhes, com paciência e diligência. Nenhum problema é difícil demais desde que se trabalhe com ele partindo de princípios realistas. Assim esse mercúrio não se perde em ilusões e não é embotado pelo medo ou pelo pessimismo, ele pura e simplesmente enxerga as coisas como elas são e trabalha exclusivamente com o que está disponível aos sentidos. O aspecto crítico de Virgem ajuda a separar joio de trigo e a determinar o que é real e o que tem valor. Especialmente numa época como esta, com Júpiter em Gêmeos e Netuno em Peixes, essa rápida passagem de Mercúrio por Virgem é como um oásis de pragmatismo e ética, já que Netuno por Peixes turva a visão dos fatos e Júpiter em Gêmeos dissemina a flexibilidade no âmbito das éticas tanto pessoais quanto de âmbito público como algo normal, com o qual todos convivem sem muito reclamar, questionar ou criticar.

As pessoas que nascem com mercúrio em Virgem não desejam ser reconhecidas como as mais inteligentes, existe nesse posicionamento um elemento de humildade muito forte, fazendo com que muitos inclusive duvidem de sua própria capacidade. Mas quando em ação, no plano prático a desenvoltura desse Mercúrio nunca vai deixar a desejar. A questão é que eles nunca vão além do que for útil e necessário, já que não estão interessados em aparecer ou provar o que quer que seja pra quem for. E em épocas de Mercúrio em Virgem não é aconselhável o pedantismo ou a competitividade no âmbito intelectual, é uma época em que as pessoas se preocupam menos com idiotices e se preocupam mais com o que realmente vale a pena. É a hora então de ver se você já conseguiu determinar qual é o seu foco, o que é realmente importante e o que vale a pena o seu esforço e a sua diligência, e se concentrar nisso. Caso ainda não saiba, esse pode ser um bom momento pra descobrir.

Mercúrio entra em Virgem no dia 31 de agosto de 2012 as 23:33

Mercúrio deixa o signo de Virgem pra entrar em Libra no dia 16 de setembro de 2012 as 20:23

Durante todo o trânsito de Mercúrio por Virgem ele estará combusto, mas esta não é necessariamente uma combustão ruim, já que o sol estará o tempo inteiro num signo de Mercúrio.