Sol em Sagitário ♐

Sagitário é um signo de fogo que sucede o intenso e visceral signo de Escorpião. Quando o Sol adentra os domínios de Sagitário ele está deixando pra trás uma fase intensa, marcada pelas emoções fortes e pelo trabalho árduo. Sagitário é o último signo por onde o Sol passa (completamente) do ano e é o que prepara o caminho para o porvir, para o ano que vai se iniciar com o ingresso em Capricórnio. É uma época de muito movimento, em que se deixou de lado a intensidade e se começa a trabalhar com mais rapidez, agilidade e focando mais na quantidade em detrimento da qualidade. Por que agora não da mais tempo! o Ano está por um fio e tudo tem que ser concluído antes que se inicie o novo ano. Então esqueça seu perfeccionismo por ora, e corra! Ano que vem você volta a prestar mais atenção aos detalhes e não deixa as coisas acumularem pro final. É então uma fase de promessas, além de ser uma fase onde se corre atrás do prejuízo.

Exagero, empolgação, otimismo: A passagem do Sol por Sagitário marca o momento que precede as festas de fim de ano na cultura cristã, e é uma época de conclusões, de exposição de resultados, e principalmente de preparativos. É a época do ano com a maior concentração de vestibulares e concursos público no nosso país, e também época em que mais se concentram provas e seminários acadêmicos. As crianças começam a ficar ansiosas pelo natal (e pelo presente) que se aproxima, e os chefes de família vão fazendo os preparativos para as ceias. Quanto mais para o final de Sagitário, maior a correria. No comércio é tempo de vender, todos querem comprar muito e os vendedores nem perdem tanto tempo convencendo as pessoas porque não há tempo a perder, ninguém vai ao comércio nessa época sem saber o que quer. Sagitário é o signo do foco, do objetivo e da urgência.

Então Sagitário que é um signo de sinceridade acaba fazendo com que essa característica emerja em nível coletivo. Todos são mais diretos porque estão com pressa e porque o fim do ano já bate a porta. E todos ficam otimistas, e esquecem as amarguras que viveram no ano anterior, é hora de focar na comemoração, no perdão e na confraternização. É também momento de empolgação, característica fundamental deste signo. Sagitário é o signo que precede o auge, ponto do zodíaco simbolizado pelo grau zero de Capricórnio. Então, simbolicamente estamos nos aproximando de uma espécie de auge, de um objetivo. E se falta pouco para isso, esse é o momento em que começamos a correr!

Sagitário não é uma época boa pra se começar projetos de longo prazo, a não ser que sejam projetos na área estudantil, porque não favorece o pensamento nos pequenos detalhes que sempre importam em projetos de longo alcance. Favorece as atividades jurídicas, religiosas e é muito bom para adiantar coisas que estavam emperradas. Atividades em curto prazo se beneficiam imensamente, e é uma época energética, favorecendo a prática de atividades físicas e a leitura de livros.

Ingresso: 22/11/2013 às 1:48

Deixa Sagitário pra entrar em Capricórnio: 21/12/2013 15:11

Aspectos (Quadratura e Sextil)

Continuando a falar sobre os ditos aspectos astrológicos, agora vamos entender a lógica de outros dois aspectos: O sextil e a Quadratura.

Pra melhor compreensão, sugiro antes a leitura desses dois artigos:

Os Aspectos

Aspectos (oposição e trígono)

Seguindo a mesma linha de raciocínio, vamos entender a lógica da quadratura e do sextil e seus significados básicos. É possível adiantar que esses aspectos são como versões menos intensas dos aspectos descritos no post anterior. A quadratura é metade de uma oposição, então digamos que sua “tensão” seja a metade da tensão de uma oposição. O mesmo ocorre com o sextil, que é a metade de um trígono.

QUADRATURA

Da divisão do 12 (os 12 signos do zodíaco) por 4 (número de signos que formam uma cruz entre signos de mesma modalidade), chegamos ao 3, que é o número de signos que dividem dois signos da mesma modalidade, basta contar (por exemplo) de Áries a Câncer:  Áries(0) Touro (1) Gêmeos (2) Câncer (3). O ângulo formado é o de 90°, o chamado aspecto de quadratura, que sempre ocorre entre signos de uma mesma modalidade. As modalidades são a Cardinal, Fixa e Mutável. Veja os possíveis pares de signos em quadratura:

Áries & Câncer
Áries & Capricórnio
Câncer & Libra
Libra & Capricórnio

Touro & Leão
Touro & Aquário
Leão & Escorpião
Escorpião & Aquário

Gêmeos & Virgem
Gêmeos & Peixes
Virgem & Sagitário
Sagitário & Peixes

A quadratura tem a natureza do planeta Marte, o “pequeno maléfico”  e por isso é encarada como um aspecto maléfico, ou tenso. Mas o “malefício” ou a “tensão” neste caso, são menores do que o que observamos na oposição. A quadratura representa muito mais bloqueios ou obstáculos naturais que tornam o caminho mais difícil. Assim é errado dizer que a vida de pessoas “com muitas quadraturas” é mais difícil. Se a quadratura ocorre entre os planetas certos, nos signos certos e regendo as casas certas, ela pode na verdade  ser melhor do que muitos trígonos, indicando apenas que a conexão entre o planetas ocorre de forma, digamos, ‘atravessada’.

Temos sempre que lembrar que o aspecto não é uma coisa em si. A quadratura entre Sol e Lua não significa nada por si mesma. É apenas a indicação de que Sol e Lua estão conectados de forma tensa. Aliás, a quadratura (ou qualquer aspecto) é mais adereço, nunca podemos esquecer que os protagonistas são sempre os planetas e os princípios que eles estão representando, e a própria relação natural que o posicionamento de cada planeta em cada signo vai expressar uma certa discrepância se eles estão em signos que formam quadratura, mesmo que não aja um ângulo exato os conectando. O aspecto aponta uma conexão. isso é especialmente visível quando aplicamos técnicas de previsões: Por exemplo, suponhamos que você tenha nascido com uma quadratura bem próxima de Marte e Saturno. cada vez que uma direção, progressão ou trânsito tocar Marte ou Saturno, ela fará isso ao mesmo tempo. Sempre. Olhando assim percebemos com mais clareza o princípio da conexão envolvida, mas não se preocupe, falarei ainda mais a esse respeito em outros posts.

As quadraturas podem ser Crescentes ou minguantes também, funcionando de forma semelhante ao que é descrito no post anterior sobre trígonos (reveja clicando no link).  O exemplo mais clássico é o das fases da lua. Quando a lua está exatamente na mudança de fase pra crescente, ela está realizando com o sol uma quadratura crescente. Quando ela está na mudança de fase da Cheia pra Minguante, ela está realizando uma quadratura minguante com o sol.

SEXTIL


 Da divisão do 12 (os 12 signos do zodíaco) por 6 (os 6 signos que formam um hexagrama conectado por vários sextis) temos como resultado o 2, que é o número de signos entre dois signos da mesma polaridade. existem duas polaridades, a masculina e a feminina. Signos ‘masculinos’ são os de ar e fogo, e signos ‘femininos’ são de terra e água. O Sextil ocorre em signos de elementos diferentes, porém de mesma polaridade. Assim, o sextil é sempre entre signos de Fogo & Ar OU signos de Terra & água. Vejamos os pares de signos que tem possibilidade de formar Sextil:

Áries & Gêmeos
Áries & Aquário
Gêmeos & Leão
Leão & Libra
Libra & Sagitário
Sagitário & Aquário

Touro & Câncer
Touro & Peixes
Câncer & Virgem
Virgem & Escorpião
Escorpião & Capricórnio
Capricórnio & Peixes

O sextil tem a natureza do planeta Vênus, a “pequena benéfica” e por este motivo é considerado um aspecto ‘benéfico’ ou ‘harmônico’, porém, representando um benefício ou uma harmonia menor que a representada pelo trígono. Ele representa uma relação de identificação e amizade entre os planetas, como se um abrisse caminho para o outro. É errado pensar que um sextil tem menos força do que os outros aspectos! O que ocorre é que o sextil representa um benefício menor se comparado com o trígono. Mas os aspectos tem a mesma ‘força’ justamente porque eles não são ou não representam uma força. É necessário repetir: os aspectos representam CONEXÕES entre os planetas. Não importa de que forma ocorre a conexão. O tipo de aspecto aponta pro grau de facilidade dessa conexão, ou se ela será uma conexão ‘atravessada’. Mas a ocorrência do aspecto faz com que os planetas estejam ligados. É comum, principalmente entre os modernos, se atribuir uma orbe pequena ao sextil, quando isso não faz sentido. Não se trata de um aspecto com menos poder. Seu poder como “conector” é o mesmo que o de uma Oposição.

Os sextis também podem ser crescentes ou minguantes. No caso do exemplo entre sol e lua, imaginemos um sol em Sagitário: A lua em Aquário (por estar a frente) representa o sextil crescente e a lua em Libra (por estar antes) representa o sextil minguante.

No próximo post desta série vamos entender vários outros conceitos;

Mapa de Fundação da Rede Globo

Integrada a nossas vidas  como um item de necessidade básica desde os anos 80, a ideia que gira em torno do aparelho de televisão, quando o compramos, é a de que se está levando pra casa um item que irá garantir diversão e entretenimento nas horas de folga: algo como um circo ou um teatro a domicílio. E até certo ponto a televisão cumpre essa função, mas nos dias de hoje fica cada vez mais evidente que o real motivo da existência desse aparelho em nossas vidas é o fato de que ele é o meio mais fácil, direto e objetivo de se propagar ideais através de sons, imagens, músicas, movimento, enfim, uma série de estímulos que encantam, hipnotizam.
Vá a um mercado ou padaria e entreviste os seus funcionários a respeito das últimas notícias. Todos tem uma opinião a respeito do que está acontecendo, muito embora o que “está acontecendo” não lhe diga respeito e esteja a zilhões de quilômetros do seu raio de influência. Tanto você quanto aquela pessoa irão certamente imaginar, diante da forma assertiva com a qual o seu entrevistado se coloca, que aquela é a opinião pessoal dele, mas não se engane. Ele não só pescou a informação, como também absorveu uma opinião alheia a respeito daquela informação, passando a acreditar de que aquela é a opinião dele. Essa é a mais assustadora mágica que gira em torno da televisão. Ela não somente informa, como ela embala a informação com as cores que melhor apetecem às emissoras e os seus aliados.
Além de doutrinar a população, o outro grande objetivo da televisão é o de servir como expositor comercial, 24 horas por dia, as vezes de forma flagrante e consciente, na imensa maioria das vezes de forma inconsciente, diriam alguns, “subliminares”.  E não é só durante os intervalos comerciais que nós somos bombardeados pelas propagandas: Todos os programas são devidamente pincelados com discretas referências a produtos e ideias e estilos que “precisam” ser comprados.
No Brasil existe uma emissora em particular que até hoje detém uma larga fatia da audiência na televisão e que por este motivo exerce um poder catequizador assombroso.  Trata-se da rede globo de televisão. O auge de todo este poder foi entre o final dos anos 80 e meados dos anos 90, quando a televisão passou a ser o meio de comunicação universal das massas em nosso país, e quando a rede globo detinha a atenção de uma parcela da nossa população composta de dezenas de milhões de pessoas. Atualmente ela continua a atuar mas agora divide espaço com a Internet, instrumento que transforma as pessoas de simples espectadoras passivas em personagens , construtores e receptores da informação, com efeitos que ainda são um tanto difíceis de compreender.
Vamos tentar compreender melhor o que a essa emissora  simboliza em nosso país através da análise do mapa do seu mapa fundação. Óbvio, existe uma série de burocracias, procedimentos e preparações que precederam a inauguração da emissora, mas o pontapé inicial foi dado justamente no momento em que ela entrou no ar pela primeira vez e pra valer. Isso ocorreu no dia 26 de Abril de 1965 às 11:00 na cidade do Rio de janeiro, coma  exibição do programa infantil Uni Duni Tê. É o mapa deste momento que nós iremos encarar como sendo o “mapa de nascimento da rede globo de televisão”:
Vemos um céu profundamente harmônico, e a presença massiva de planetas nos signos de Terra e de Água. O Sol em Touro, A lua em Peixes e o Ascendente em Câncer. Os Três signos tem um caráter essencialmente fleumático. Touro, apesar de ser signo de terra, é exaltação da lua e domicilio de Vênus. O fleumático, ou o elemento água é a manifestação elemental que surge para nos acalmar, nos ninar, nos encantar, nos entorpecer, nos adormecer. O fogo é seu inimigo natural, e o objetivo da água é sempre o de sufocar as chamas da independência e da vontade própria, em nome da segurança, do conforto, da manutenção do “de sempre”.
E assim a rede globo se infiltra silenciosamente em nossas vida. Através da manutenção de hábitos, da propagação de um clima de falsa segurança, de falsa estabilidade, de falsa abundância. Assim você não tem motivo algum pra se preocupar com as suas eventuais carências, assista a globo e tudo volta a ficar bem. Coma pão dormido de semana retrasada com café sem açúcar, mas como acompanhamento, assista as sofisticadas receitas do Mais Você (sem esquecer de anotar todos os ingredientes).
A Globo pouco investe em novos rostos, em qualquer tipo de inovação. São sempre as mesmas vinhetas, e até a voz do locutor que anuncia os filmes foi trocada para uma voz praticamente clonada da anterior (não sei o que ouve com o original). O objetivo da rede globo é mostrar a imutabilidade como algo bom, algo que nos da conforto e segurança, “algo que alegra a gente”. Cumpre assim a sua principal função, que é a de ser porta-voz de reacionários e conservadores no que diz respeito a política, principalmente através dos seus noticiários, onde o principal, a décadas, é apresentado pelo mesmo casal de repórteres. Mostrar que a mudança e a variedade pode ser algo bom ameaça ao objetivo principal, que é o de enaltecer o conservadorismo.O Sol em Touro em conjunção com Vênus domiciliada fala do caráter conservador e da própria longevidade da emissora, cujo epíteto também é o de “Vênus Platinada”. Vênus forma conjunção exata com a Parte da Fortuna. Nenhuma emissora recebeu tantos incentivos governamentais em forma de dinheiro e concessões do que a rede globo. Ela surgiu durante o período da ditadura e apoiou este regime até o seu final. 
A lua em Peixes reflete o público, descreve esse público e também reflete a forma como a emissora lida com o seu público. E nenhum signo personifica melhor o conceito de “maioria”. Peixes é o signo das massas que não só permitem, mas que também precisam de alguém que as guie, que lhes doutrine, que lhes mostre a verdade e que lhes encha de esperanças.  E a rede globo cumpre essa função das mais variadas formas. Aos sábados, Luciano Huck reforça promessas e estimula esperanças com sua pseudo-caridade. Ao invés de desligar o televisor e começar a promover mudanças em sua própria realidade, o telespectador acha mais interessante escrever a Luciano Huck uma cartinha , contar dos seus problemas e esperar que a solução mágica toque a sua campainha, quem sabe fantasiada de carteiro ou de entregador de água mineral.
Saturno em Peixes, próximo a esta Lua mostra as reais intenções: a de cristalizar a condição das massas, a de promover a alienação, a estagnação, os medos e as fantasias. Saturno em Peixes é o medo e a loucura a serviço do controle. Vemos isso através dos programas de humor, através de seriados e Novelas cujo objetivo principal é o de divulgar a filosofia da mesmice, do costume, da alienação, sempre reforçando conceitos e preconceitos antigos.  
O setor jornalístico é representado por Mercúrio em Áries, que ocupa o mesmo signo do Meio do céu. É um dos carros chefes da emissora, especialmente porque Vemos Mercúrio em recepção mútua com marte em virgem, que é regente do meio do céu e fala da imagem pública. Mercúrio em Áries é um dos únicos elementos que se destacam em meio ao oceano de fleuma que é este mapa. E Mercúrio em Áries fala de liderança e pioneirismo, da imposição de ideias e da unilateralidade mais absoluta, sempre com um flagrante alinhamento com o conservadorismo, motor básico da emissora e que é apontado por este mapa. O jornal Nacional foi ao ar pela primeira vez  em primeiro de setembro de 1969, por volta das 19:30, e marcou o início das transmissões em nível nacional da rede Globo. O sol estava em conjunção com Marte, regente da casa 10, Saturno em conjunção com o Sol da emissora e Mercúrio natal ascendia. Veja o mapa do jornal nacional:
Já as novelas são a essência do que existe de entretenimento na emissora e ocupam uma posição extremamente importante desde sua origem. A casa 5 do mapa da rede globo reflete esses aspecto, e ali vemos Escorpião, cujo regente é o mesmo planeta marte que rege o Meio do céu, como já foi dito. Netuno em Escorpião reflete a questão do drama como elemento de instrução, catequização e manipulação de comportamentos. Através das novelas a Rede Globo se percebeu com o poder de ditar modas e de impregnar o consciente coletivo nacional com suas ideias e temas, servindo como suporte ao restante da máquina.
Quando surgiu a Rede Globo, no céu ocorria uma conjunção entre urano e Plutão, e somente agora temos condições de ver com a mais absoluta clareza os desdobramentos deste evento, já que Urano agora forma quadratura com o mesmo Plutão, quando vemos a primeira crise (quadratura) deste ciclo. E neste momento a rede globo se defronta com a perda da sua influência antiga, em partes para outras emissoras, em partes para a internet. Essa quadratura atual entre Urano e Plutão toca justamente no coração da emissora, já que Plutão se opõe ao Ascendente enquanto que Urano forma conjunção com Mercúrio e quadratura com o Ascendente.   Os próximos 3 anos serão decisivos nos desdobramentos desta crise, e podemos esperar mudanças profundas na orientação básica da emissora, ou uma piora e o recrudescimento de suas características mais negativas. Claro está que o povo ainda não está preparado para se “separar” da rede globo, não enquanto continuar enxergando essa emissora como uma Mãe (ascendente câncer). Quem sabe Plutão em Capricórnio torne evidente que está mãe está muito mais pra Madrasta Megera, cuja última intenção é a felicidade de seus “filhos”. 

Régulos

Régulus é uma das quatro estrelas mais importantes usadas na Astrologia, que eram consideradas sagradas pelos persas e que foram associadas a anjos pela cultura cristã (as outras 3 são Aldebaran, Antares e Fomalhaut). Para William Lilly era a mais poderosa dentre as estrelas: ele considerava que um planeta em conjunção com Régulus tinha mais poder do que se estivesse domiciliado, de acordo com seu sistema de pontuações.
Régulus é a estrela alfa da constelação de Leo, o Leão, e trata-se justamente do coração deste Leão. Assim Régulus representa o princípio da coragem, da força e da determinação. O epíteto “Coração de Leão” foi usado pra se referir a alguns reis e sua simbologia é tida como pressuposto para um bom Rei, que precisa ser justo, honrado, corajoso, digno e destemido. Realeza é a palavra chave quando falamos nessa estrela.
Neste momento, Régulos se encontra aos 29°59’ de Leão. Precisamente no dia 28 de Novembro de 2011, por volta das 9:34 da manhã aqui no Brasil, a longitude no zodíaco tropical dessa estrela passará a ser 00°00’ de Virgem.
É uma estrela que costuma estar presente no mapa de personalidades eminentes, e indica liderança, um espírito combativo, corajoso e voraz. Como ocorre com a maioria das estrelas fixas importantes, indica Ascenção na vida a patamares mais  elevados do que os de origem (de acordo com a natureza do planeta ou ponto tocado), que pode ser sucedida por queda ou decrepitude. Aponta grande ambição, capacidade para conquistar o sucesso almejado e a atribuição de poderes, riquezas ou cargos de liderança ao longo da vida.
Sua natureza varia de acordo com o autor. A maioria a considera da natureza de Marte com Júpiter. Alguns a consideravam da natureza de saturno e marte (como ocorre com outras estrelas do corpo, cabeça e patas na constelação de leão) mas como esta é justamente a parta mais Nobre da constelação, me parece justo que seu significado tenha uma coloração mais Jupteriana e quem sabe até Solar.
O Rei Luiz XVI, último rei do período absolutista na França, tinha uma conjunção entre Sol e Júpiter com essa estrela. 

Vênus em Sagitário ♐

 

 

Vênus está passando pelo signo dos superlativos, Sagitário. Diferente da Vênus em escorpião, onde  ardia em paixões secretas, em Sagitário as emoções são escancaradas, francas, diretas, honestas. Com as coisas postas dessa maneira, a necessidade do compromisso claustrofóbico de escorpião desaparece, porque o compromisso só faz sentido quando há segredo, quando a intimidade é um segredo egoisticamente dividido no seio de relacionamento fechado, enclausurado, sem testemunhas. Quando as emoções e desejos vem acompanhadas da vergonha ou do medo da vulnerabilidade, é impossível conceber uma troca de intimidade sem que aja um pacto onde o outro se compromete a respeitar a sacralidade daquele segredo. E assim surge a escravidão para com o compromisso. O que a Vênus em Sagitário faz é romper primariamente com o segredo: O desejo é colocado de forma ingênua, a paixão exposta sem pudor, o amor presenteado generosamente, e as novas paixões não são encaradas de forma dramática, porque não há mais medo da perda – O outro é encarado como uma oportunidade, uma sorte, uma dádiva dos céus. Sagitário em todas as esferas se considera abençoado, o olhar sobre a vida é oportunista e assim funciona a Vênus nesse signo.É por isso a relutância dessa Vênus em assumir compromissos e o apego a liberdade. Sem medo de ser feliz essa Vênus se entrega a empolgação e instantaneamente arde apaixonada sem se preocupar se a outra parte está interessada em receber aquele afeto. Frequentemente se decepciona, para logo em seguida se incendiar por uma nova oportunidade afetiva que se assanha no horizonte. De oportunidade em oportunidade, de aventura em aventura, essa Vênus vai trilhando seu caminho sem olhar pra trás. Não significa aqui que não aja uma capacidade para o compromisso: o que acontece é que ele vai ser evitado e só será assumido quando existirem garantias de que a liberdade será respeitada e que a relação será pautada pela mais absoluta franqueza.

Diferente da fidelidade escorpiana, aqui os relacionamentos são voláteis como o fogo. Esta Vênus definitivamente não é romântica: é antes de tudo uma apaixonada. Enquanto há paixão, desejo e coisas a se descobrir, o interesse dessas vênus é mantido. O momento então favorece mais as aventuras românticas e menos ao namorico de sofá.

Os perigos dessa vênus estão na ostentação e na leviandade com a qual ela as vezes trata seus pretendentes, brincando com sentimentos e fazendo pouco do desejo alheio. Se você leva a si mesmo muito a sério, pode se ferir emocionalmente caso resolva iniciar um relacionamento enquanto esta vênus estiver no céu. Por outro lado, se busca diversão e aventura, esse é o momento certo.
Esse momento vai predispor as pessoas a gostos mais clássicos, elitistas e pomposos. O gosto pelo que existe de intelectual e exótico também fica muito acentuado, programas culturais estarão mais concorridos do que nunca, bem como restaurantes de comida exótica. Viagens programadas pra quando esta vênus estiver nos céus podem ser marcadas por aventuras românticas.Ingresso: 07/10/2013

Deixa Sagitário: 05/11/2013

Aspectos (Oposição e Trígono)

Os aspectos ptolomaicos, isso é, as relações angulares apresentadas por Ptolomeu em seu Tetrabiblos, tem uma lógica estritamente matemática, e são fruto das divisões perfeitas que podem ser feitas com o número 12, o número de signos. As únicas possibilidades de se encontrar valores inteiros para o numero 12 são quando dividimos ele por  2,3,4 e 6.
OPOSIÇÃO


Da divisão do 12 (os 12 signos do zodíaco) por 2 (número de signos que formam um eixo da mesma modalidade e da mesma polaridade) encontramos o 6, e são 6 o número de signos entre signos pertencentes ao mesmo eixo;  Dessa lógica chegamos ao aspecto da Oposição, que é a simples  divisão do zodíaco ao meio, onde dois planetas estão colocados a 180° de distância um do outro, em signos opostos. As oposições possíveis ocorrem nos seguintes pares:
Áries & Libra
Touro & Escorpião
Gêmeos & Sagitário
Câncer & Capricórnio
Leão & Aquário
Virgem & Peixes
A história de que “os opostos se atraem” é uma grande besteira. A oposição tem a natureza do planeta Saturno, o grande maléfico, e por isso é considerada um aspecto “maléfico”. Modernos preferem chamar a oposição de um aspecto “tenso”.  Os efeitos variam muito de acordo com a natureza dos planetas envolvidos. Geralmente indica um conflito entre dois princípios incompatíveis. Por outro lado, a fase cheia de qualquer ciclo ocorre durante uma oposição, e ela tem um significado de completude. Devemos lembrar que num círculo, o ponto em oposição diametral ao outro marca também um ponto de retorno, em que a direção se inverte. Nas fases da lua, é a oposição que cessa o crescimento da luz e inaugura a fase minguante.  
TRÍGONO


Da divisão do 12 (os 12 signos do zodíaco) por 3 ( os 3 signos que formam um triângulo de signos do mesmo elemento) chegamos ao 4, que é o número de signos que separa signos de um mesmo elemento. Por exemplo, Áries e Leão formam um trígono e  estão a 4 signos de distância um do outro, é só contar: Áries(0),Touro(1), Gêmeos (2), Câncer (3) e Leão (4). O aspecto resultante se chama Trígono, que representa uma distância angular de 120°, em signos que sejam do mesmo elemento. Os trígonos possíveis ocorrem entre os signos dos seguintes pares:  
Áries & Leão
Áries & Sagitário
Leão & Sagitário
Touro & Virgem
Touro & Capricórnio
Virgem & Capricórnio
Gêmeos & Libra
Gêmeos & Aquário
Libra & Aquário
Câncer & Escorpião
Câncer & Peixes
Escorpião & Peixes
  
O trígono tradicionalmente tem a natureza do planeta júpiter, é considerado um aspecto “benéfico”. Os Modernos preferem chamar de aspecto “harmônico” e reza uma falsa lenda de que pessoas com muitos trígonos tem vidas fáceis. A questão é que, apesar de ser um aspecto harmônico, o trígono não necessariamente representa facilidade, porque as vezes a natureza ou o estado dos planetas que estão em trígono faz com que eles se prejudiquem mutuamente, apesar da facilidade e harmonia associada ao aspecto. Por exemplo, o regente da casa 6 em trígono com o regente da casa 1, apesar de ser um aspecto harmônico não está simbolizando uma “harmonia” porque  esses planetas simbolizam áreas naturalmente incompatíveis. É como dizer que seu corpo “se relaciona harmonicamente” com as doenças. Neste caso o trígono atua como um facilitador para a ação do regente da 6 sobre o regente da 1, coisa que tem um efeito naturalmente daninho;
Os trígonos podem ser crescentes ou minguantes. São crescentes quando o planeta mais rápido esta a frente do planeta mais lento, e são minguantes quando o planeta mais rápido está atrás do planeta mais lento. Por exemplo, considere o mapa abaixo:
Vemos A Lua em Áries, Júpiter em Sagitário e Saturno em Leão. O trígono entre a Lua em áries e Júpiter em Sagitário é crescente, porque a lua está a 4 signos a frente de Júpiter. Mas o trígono entre A lua em Áries e Saturno em leão é minguante, porque a lua está 4 signos antes de Saturno.
É importante saber se o aspceto é crescente ou minguante principalmente nos trânsitos em relação ao nosso mapa. O ponto que escolhemos do nosso mapa é sempre o mais lento (já que ele não se move) e o planeta em trânsito é o mais rápido. Por exemplo, se você nasceu com a lua em virgem, Plutão em Capricórnio está realizando um trígono crescente com a sua lua, enquanto que Júpiter em Touro está realizando um trígono minguante com ela;  
( a questão envolvendo aspectos aplicativos, separativos e partis será tratada em outro post)

Nina Hagen

Nina Hagen é uma cantora de rock nascida da Alemanha, conhecida pelo seu estilo extravagante em todos os sentidos, seja em personalidade, em estilo musical ou em técnica vocal. Ela nasceu no dia 11 de março de 1955 as 17:30 em Berlin, capital da Alemanha. A fonte apontada pelo Astrodatabank é a mãe da cantora, portanto a informação é de memória. Veja o mapa:

Sol em Peixes com Ascendente em Virgem declaram uma personalidade muito mutável, mística e impressionável, apesar de a pessoa também  se mostrar como prática e crítica em nível pessoal. O Sol na casa 7 sempre fala de pessoas preocupadas com a imagem que estão transmitindo para os outros e gostam de fazer com que as pessoas se impressionem com elas. Mercúrio em Aquário rege o Ascendente e  o meio do céu e por isso depõe muito a respeito da aparência física/estilo e também a respeito da imagem pública erigida por Nina. Este Mercúrio fala a respeito da extravagância e da criatividade, a vontade de chocar e impressionar as outras pessoas, indica inteligência e uma mente avançada, sem preconceitos ou convicções muito rígidas.
Os signos apontados como sendo signos de voz são os signos humanos e o signo de Virgem, e alguns astrólogos modernos apontam também o signo de Touro. Nina tem ênfase em signos dessa categoria. Desde muito cedo estudou canto, tendo recebido formação em canto lírico/ópera, coisa que fica evidente em diversas de suas músicas, como nesta:

Ela nasceu com a Lua no signo de Libra, em conjunção com Netuno que acentua o aspecto místico (que está mais evidente principalmente nos dias de hoje) e também o pendor artístico. Apesar de não ser regra geral, alguns modernos dizem que Netuno junto dos planetas pessoais é indicador de talento musical. A lua está ainda muito próxima da estrela Spica. 
Sua carreira no mundo do rock se iniciou no início dos anos 70 quando Saturno passava pelo signo de Gêmeos em conjunção com o seu Meio do céu (1971). Foi quando ela desistiu de ser atriz (influenciada pela família artística – a mãe é uma atriz) e resolveu investir no canto. Fundou sua própria banda no final dos anos 70,banda que teve vida bem curta. Nina decidiu sair da banda em 1979 quando Saturno passava pelo seu Ascendente. A partir dai focou mais em sua imagem pública e numa carreira mais individual. Sua vida pessoal também  sofreu algumas transformações nesta época: em 1981 nasceu sua filha, que foi batizada como Cosma Shiva Hagen. Nina foi um nome forte de um estilo que nascia nos anos 70, o punk, apesar da mutabilidade de seu estilo pessoal, que fica difícil de enquadrar em um único padrão. Tem uma carreira sólida e continua ativa até os dias de hoje. 

Mercúrio em Sagitário ♐

Mercúrio em Sagitário está em detrimento, o que tende a naturalmente marcar estes períodos com confusões e mal entendidos. Como Mercúrio rege um universo de informações, fatos e praticidade, Sagitário que simboliza a expansividade e uma certa megalomania acaba não sendo um dos posicionamentos mais desejáveis pra mercúrio. A inteligência do tipo enciclopédica é característica de mercúrio em Sagitário, bem como o gosto pela filosofia e pelas culturas exóticas. Mas na prática, na hora de transmitir as informações normais, na hora de responder a simples perguntas, o exagero e a retumbância sagitariana podem causar verdadeiros desastres.
O exagero e a necessidade de se enfatizar certas informações geram deformações nos fatos, o que conduz a enganos e mentiras involuntárias, já que Sagitário lida melhor com o todo e ignora detalhes cruciais. Então nessas épocas devemos estar atentos a mal entendidos e não devemos nos impressionar com informações que são transmitidas com o intuito de produzir algum impacto, porque cedo ou tarde o engano se desfaz.
Não é um período que costuma ser bom para atividades de compra, mas acaba sendo bom pra venda. Mesmo sendo uma época onde seria desaconselhável as transações comerciais, essa é uma época que expande o comércio, já que sagitário é o rei da propaganda. Acabamos levando gato por lebre com muita facilidade, e o vendedor no afã de vender pode mentir descaradamente e sem pudor. Se possível, evite compras importantes, especialmente as que envolvem investimentos mais altos, pra não se arrepender depois, estará particularmente difícil distinguir se um vendador diz a verdade ou se ele apenas quer lhe empurrar alguma coisa.De modo geral, a empolgação e a vontade de impressionar as pessoas embota o mercúrio em sagitário que acaba se expressando com prolixidade e de forma pedante. A época acaba sendo marcada por excessivo barulho em cima de coisas que poderiam ser expressas de forma muito mais simples e muito mais objetiva. Cuidado com as propagandas porque na hora de investir dinheiro não devemos nos levar pelo emocional e sim por uma análise precisa daquilo que é realmente necessário ou não. O período prejudica os trabalhos relacionados a escrita e comunicação devido a omissões ou falta de clareza na hora dos detalhes e a ênfase em fatores completamente irrelevantes.

Ingresso: 05/12/2013 as 0:42 (fuso -2)Deixa o signo de Sagitário 24/12/2013 às 8:12 (fuso -2)

Antares

Antares é uma das estrelas mais bonitas e considerada uma das mais importantes desde tempos remotos. Junto de Régulos, Fomalhaut e Aldebaran, Antares é uma das estrelas que eram consideradas sagradas pelos Persas, porque antigamente elas eram localizadas no início dos signos fixos, também chamados querúbicos e que são as manifestação mais essenciais de cada elemento. Atualmente Essas estrelas estão todas inseridas nos signos mutáveis, e isso inclui Régulos, que ingressou no signo de Virgem neste ano de 2011. É uma das maiores estrelas conhecidas, milhares de vezes maior que o nosso sol, mas fica distante do nosso sistema solar, e por isso é a 15° mais brilhante passível de ser observada da Terra.
A coloração vermelha de Antares e a sua localização central na constelação do Escorpião lhe conferiram a alcunha de “Coração do Escorpião” e sua natureza sempre se confundia com a do planeta Marte. Para alguns autores ela é considerada maléfica, mas a maioria é unânime em reconhecer que esta é uma das mais poderosas dentre as estrelas.
Ela está localizada neste momento aos 09°55’ de Sagitário, justo o signo cuja constelação é a representação de um centauro que lhe aponta uma flecha. Ela fica quase que exatamente oposta a outra estrela, Aldebaran, o olho do Touro, localizada a 9°57’ de Gêmeos nos dias de hoje.  Ambas são igualmente poderosas, mas tem conceitos opostos. Antares marcava o centro do outono no hemisfério norte e por isso sua reputação era maléfica e simbolizava uma força destrutiva. O próprio Escorpião representado na constelação é uma personificação do poder maligno e da traição. Aldebaran está associada a primavera do hemisfério norte, e tem uma idéia mais ligada a fertilidade e abundância. Ela é justamente o olho da constelação do touro, animal que simboliza em si a essência da fertilidade.
A natureza dessa estrela está ligada intimamente a do planeta Marte. A própria palavra Antares, ou “ant- ares” pode ser traduzida como “equivalente a Marte”, e traduzível também como “a inimiga”. Personifica o inimigo, seja ele quem for, e em geral um inimigo poderoso contra o qual todas as nossas forças devem se concentrar no combate. Essa estrela simbolicamente personifica a “essência do mal”, é justamente o centro vital do “inimigo”, simbolicamente o Escorpião da constelação homônima.

Ptolomeu lhe atribuía a natureza do planeta Marte combinada com Júpiter. Se essa estrela cair junto do ascendente, sol, lua, Meio do céu ou algum planeta pessoal do mapa de uma pessoa indica força, garra, perseverança e um espírito belicoso. Pode simbolizar pessoas provocadoras, autoritárias, escarnecedoras, e empenhadas na precipitação de discórdias e conflitos. A presença no signo de Sagitário pode apontar em direção a um certo fanatismo. Essa estrela também indica poder, eminência e que algum tipo de autoridade pode ser delegada a pessoa em algum momento de sua vida. Tende a atrair inimigos e impopularidade dependendo do planeta em questão (Sol, Ascendente e Mercúrio principalmente, este último em função de sua condição de detrimento em sagitário), mas em geral significa uma pessoa que é respeitada e temida. Pode apontar envolvimento polícia, exércitos ou uma carreira militar.   

Vênus em Capricórnio ♑

Em Capricórnio, Vênus para de desejar o infinito e o ideal, e passa a desejar somente aquilo que ela sabe que pode conseguir. Essa Vênus não se frustra! Antes ela frustra os desejos mais irreais jogando terra em cima deles. Depois, ela foca suas possibilidades e age pra conseguir aquilo que quer. Simples assim. Por esse motivo esse é um dos posicionamentos mais desejáveis pra vênus. Aqui ela tem triplicidade, e no segundo decanato de Capricórnio é quase como se estivesse em domicílio, porque entre os graus 14°00’ e 21°59’ se localizam os Termos de Vênus.
Algumas características de Vênus não encontram válvula de expressão em Capricórnio: Por exemplo, essa vênus não é nenhum primor de criatividade e nem será muito romântica. Mas, ela funciona de forma semelhante a uma mistura entre certas características de Touro e Libra. Touro, porque é do mesmo elemento, e Libra, porque ambos os signos Capricórnio e Libra são signos de Saturno. O aspecto físico e sexual do amor é muito evidente nesta Vênus de terra, especialmente porque Capricórnio é um signo “bestial”. Corpos rígidos e torneados e muita disposição para o embate venéreo tendem a ser características comuns dessa Vênus, desde que ela esteja livre pra se expressar no mapa. O senso estético pode ser simplório, mas é preciso e agradável, nada de exageros, tudo proporcional e o predomínio das cores escuras, pálidas e sóbrias.

 

Vênus em capricórnio beneficia tanto aquelas pessoas que estão interessadas somente em sexo, quanto aquelas que estão interessadas em compromissos. O que não ocorre durante essa Vênus é enrolação ou amores platônicos. Não adianta tentar ficar muito tempo nas cartas, sms’s ou e-mail: ou vai pra prática logo ou então não rola. O que é irreal não perdura, o que é impossível ou inatingível é descartado. E é inegável, as coisas funcionam de maneira muito mais prática e objetiva no plano das emoções enquanto esta vênus cruza os céus.
Ela favorece tudo o que clássico, retrô ou elitista. As manifestações artísticas com essas características se beneficiam, da mesma forma que tudo aquilo que tem uma tonalidade mais sombria e obscura.
Esta passagem de Vênus por Capricórnio será mais longa do que o usual, porque Vênus ficará retrógrada neste signo. Enquanto retrógrada, Vênus não atua exatamente de forma muito benéfica especialmente para aqueles que lidam com o mundo das artes, com trabalhos que envolvem criatividade ou o trato com as pessoas. Também não favorece a início de relacionamentos sérios, que estarão sujeitos a reavaliações em muito pouco tempo. Pode favorecer o retorno de relações antigas, amores efêmeros e descompromissados e pode ser interessante pra se reavaliar e reaproveitar algo de criativo que se tenha feito no passado copiando-se o modelo que deu certo. A retrogradação de Vênus impõe reajustes nos relacionamentos e no círculo social.

Vênus vai estacionar pela primeira vez no dia 21/12/2013 quando chegar aos 28°58′ de Capricórnio. Vai entrar em movimento retrógrado a partir deste dia, até o dia 31/01/2014, quando estaciona pela segunda Vez aos 13°33′ de Capricórnio.

Quando Vênus retrógrada forma conjunção ao sol, isso equivale ao mesmo que uma lua nova, no ciclo Vênus Sol. Trata-se do inicio de um ciclo que irá marcar o ciclo sinódico que se inicia (que dura mais de 500 dias) entre uma retrogradação de Vênus e outra. Esta fase nova do ciclo de Vênus vai ocorrer no dia 11 de janeiro de 2014 Precisamente aos 21°11′ de Capricórnio.

É importante se verificar a região do zodíaco em que cai essa conjunção, porque ela tende a marcar o período dos próximos 500 dias nos assuntos venusianos. A casa em que cair essa conjunção será o palco central para os assuntos venusianos num período de quase 2 anos, portanto são indicações gerais e possibilidades. Vai depender muito da dos aspectos que essa conjunção forma com o mapa em questão. Abaixo uma lista das indicações gerais para cada signo ascendente. Se souber em que casa vai cair a conjunção, observe esta casa no seu mapa. Se não souber ver isso, pode agendar uma consulta comigo que identifico a casa e realizo a interpretação.

Capricórnio (Casa 1) – O período será marcado pelo romantismo e pelo aumento no hedonismo e na vaidade. A busca pela melhora na aparência física, no estilo pessoal ou mesmo nas habilidades sociais vai ser a marca. O desejo será o de tornar-se uma pessoa mais agradável, bonita e amável. Desenvolvimento da auto-estima e do auto-amor como princípio pra se vivenciar o amor de forma saudável e da própria inteligência social.

Aquário (Casa 12) – Amores clandestinos, que não podem ser assumidos de forma muito clara e que tem um sabor de aventura e de segredo. Entrega solitária aos prazeres, amor ao isolamento. O amor pode ser vivido, mas de uma maneira tortuosa. Pode inciar envolvimento com pessoas que estão passando por algum tipo de dificuldade , como viciados ou portadores de enfermidades, ou então o envolvimento com uma pessoa compromissada e por isso a relação tem que ser em segredo. Pra algumas pessoas o período pode despertar a promiscuidade.

Peixes (Casa 11) – A vida social se intensifica, a relação com os amigos ganha um novo sabor e tendem a surgir novas amizades. Pode acontecer algum tipo de renovação no círculo social. Quem já é comprometido pode sofrer com o aparecimento de alguém que passa a assediar seu parceiro. O período pode ser um teste pra sua capacidade de se desapegar e de confiar na pessoa amada e pra relação em si.

Áries (Casa 10) – A vida profissional entra num período muito fértil especialmente para os que trabalham com artes, mídia ou coisas criativas, ou que lidam diretamente com o pública. A atuação de Vênus na casa 10 beneficia a reputação; É um período excelente para relações formais, que tende a facilitar o casamento.

Touro (Casa 9) – O período pode ser fértil para quem tem sede de aprender; Ficam favoráveis os estudos , principalmente os ligados a alguma arte ou coisas criativas. O amor pode envolver elementos como culturas diversas e a distância geográfica. Os relacionamentos podem se transformar em aventuras, o que é bom pra relações estáveis, que saem um pouco da rotina. Ficam favorecidas as viagens românticas.

Gêmeos (Casa 8) – O período favorece ao trabalho porque tende a expandir os ganhos de forma moderada. Indica intensificação da libido, aumento das necessidades sexuais e vontade de transgredir barreiras psicológicas ou tabus dentro de relacionamentos íntimos. Também representa proteção por favorecer um contato com as forças espirituais/ocultas que atuam no universo.

Câncer (Casa 7) – Indica romantismo e coloca a vida afetiva em evidência. Se estiver num relacionamento, provavelmente vai avaliar seriamente se está havendo equilíbrio, caso contrário, você tende a romper com relacionamentos onde você doa mais do que recebe. Pra quem está sozinho, esse posicionamento indica uma fase em que se conhece muita gente interessante e favorece imensamente o início de novos relacionamentos.

Leão (Casa 6) – Podem surgir problemas de saúde de natureza venusiana, com possibilidade inclusive de você engordar um pouco. Problemas de saúde venusianos afetam o sistema urinário e reprodutor. O diabetes também é uma doença venusiana. De qualquer maneira, haverá necessidade de se prestar uma atenção maior a rotina, eliminando os hábitos que lhe expõe a riscos. É um período favorável pra se adotar novos animais de estimação, que podem ser uma grande fonte de satisfação no período. Relacionamentos afetivos podem ficar desequilibrados: você vai achar difícil estar numa relação onde não tenha controle total sobre o parceiro ou dos rumos que a relação toma.

Virgem (Casa 5) – Um período romântico, passional e hedonista lhe aguarda, Você também estará em uma fase muito fértil, que pode facilitar a gravidez – incluindo a indesejada. Será difícil manter o foco em um só relacionamento porque tendem a surgir estímulos em diversas direções, mas será possível extrair grande prazer mesmo em uma relação antiga e monogâmica. Você estará se mimando mais do que de costume, será mais difícil se negar o prazer agora.

Libra (Casa 4) – Emocionalmente você entra num período estável em que estará mais realista e focando nas suas necessidades mais vitais ao invés de se guiar cegamente pelo romantismo e pelas paixões. É uma fase que favorece as relações formais e ao início de relacionamentos duráveis. Outra questão central será o conforto que você tem no local em que vive, será momento de repensar e modificar algumas coisas pra lhe proporcionar mais qualidade de vida.

Escorpião (Casa 3) – Esta é uma fase fraca no quesito romance, podendo indicar envolvimentos efêmeros com pessoas que vivem próximas de você e com quem você convive no dia a dia. Se ja estiver num relacionamento, ele nem melhora e nem piora, esse trânsito simplesmente não tem um efeito muito forte. Ele dinamiza sua capacidade de lidar com pessoas que não conhece lhe tornando menos tímido. Se gosta de escrever, estará em um momento particularmente fértil.

Sagitário (Casa 2) – Essa fase indica que você estará atraindo dinheiro e conforto mas estará muito dado a excessos podendo perder dinheiro com coisas que não lhe trazem retorno nenhum a não ser a satisfação de um desejo passageiro. Se controlar o desejo pelos prazeres imediatos e empregar o dinheiro que tiver ou conseguir para investir, essa fase pode lhe conceder bons lucros.

Ingresso de Vênus em Capricórnio: 05/11/2013
Vênus deixa Capricórnio pra ingressar em Aquário: 05/03/2014

Serão mais de 120 dias (4 meses) com Vênus em Capricórnio, com ênfase no segundo e terceiro decanato onde ocorre a retrogradação.