Lua em Gêmeos

Com a Lua em Gêmeos você é emocionalmente agitado e ansioso, com uma forte propensão a não permitir que as emoções fluam naturalmente. De natureza extremamente racional, você tem imperiosa necessidade de compreender as emoções, saber por que está sentindo o que sente, e resumindo, tenta racionalizar o que é essencialmente irracional. Você pára de sofrer quando ignora o sentido daquilo que está sentindo e simplesmente se permite sentir.

Sua companhia é extremamente agradável, você é uma pessoa doce, companheira, e extremamente bem humorada. Tem um lado malicioso e perverso, como uma criança arteira que está o tempo inteiro brincando e experimentando. Aprecia relacionamentos leves, não gosta da intimidade quando ela dura muito tempo ou quando se torna intensa demais, mas você é uma pessoa que gosta de falar do universo emocional, falar racionalmente do que sente, ou do que as pessoas estão sentindo e normalmente se mostra útil pra mostrar as pessoas uma perspectiva mais isenta e intelectual dos fatos que elas insistem em viver em uma perspectiva demasiadamente subjetiva.  

Jogam com as pessoas como se usassem os outros pra testar suas ideias, as vezes experimentando com uma história verdadeira, mas frequentemente mentindo, passando informações verdadeiras ou falsas sobre eles ou suas vidas, apenas pra testar a reação das pessoas. Na realidade tem uma necessidade forte de obter o feedback dos outros, e ao invés de pedir, demonstrando carência, usam da sua inteligência e esperteza para experimentos sociais/intelectuais, e usam das suas relações mais superficiais como um laboratório para aquilo que elas pretendem viver pra valer com outros e em outros momentos. A depender dos resultados que vão obtendo vão  mudando os seus planos, de tal sorte que correm o risco de passar tempo demais simplesmente testando teorias, sem viver nada em profundidade. O signo de gêmeos simboliza precisamente esse princípio empírico da tentativa e erro, e como descobrem nos seus testes o quão fácil é perder o controle intelectual das coisas quando as emoções entram em jogo pra valer, vão se intimidando e são capazes de passar uma vida inteira fugindo do contato emocional mais profundo porque não querem lidar com o caos e a vulnerabilidade associados. Mentem, mas em geral não são maliciosos, sendo mais contadores de causos fictícios do que necessariamente desonestos.

As vezes divulgam algo que estão apenas planejando em sua vida como se já fosse verdade, e assim testam a reação das pessoas pra saber como seria se a coisa já estivesse rolando. É porque o impacto causado no ambiente circundante preocupa profundamente as pessoas que nascem com essa lua  e dessa forma elas tentam controlar o seu entorno, como se pra elas a convivência harmoniosa com o vizinho fosse mais importante do que o equilíbrio e harmonia interna dela mesma. Possuem uma inteligência social muito elevada, mas podem carecer de capacidade de auto-gestão ou independência, e compensam isso estabelecendo vínculos estreitos onde os outros cuidam e lhe fornecem a estrutura da qual podem carecer. Em troca divertem as pessoas com sua companhia agradável e sua aguda sagacidade, e agem naturalmente como psicólogos, ouvindo e aconselhando o outro, se valendo da sua racionalidade pra trazer uma perspectiva mais arejada para os problemas alheios.

São profundamente curiosos, pesquisadores natos, sendo bons pra descobrir informações com os outros ou pesquisando em fontes ou em campo. Mas podem ser dispersos e ter preguiça de se aprofundar em suas descobertas e nesse ponto podem precisar ser incentivados. Podem ser facilmente vitimados pelo tédio, especialmente quando sua natureza brincalhona é inibida pelas circunstâncias ou pessoas censuradoras, ou talvez pelo peso de uma posição que eles sustentam. Por conta da inteligência são pessoas também genuinamente divertidas, mas são mais engraçadas de acordo com o nível de intimidade que tem, com o comportamento podendo se aproximar ao de uma criança hiperativa quanto mais à vontade se sentem.        

Sol em Gêmeos

O foco da pessoa é dedicado à troca, a interação, a exploração, a experimentação. O foco não está nela, não está em alguém, o foco não está definido: o foco pode ser qualquer coisa, qualquer pessoa, qualquer objeto, qualquer estímulo, o foco são as redondezas, o caminho e não a chegada. Tudo pode desviar a atenção porque em gêmeos o foco é turvo, dissociado e muda ao sabor da intensidade dos estímulos que assaltam a pessoa. O importante pra quem tem Sol em gêmeos não é ser ou ter, mas se expressar e ter o poder de estar onde quiser quando quiser.
Ela poderá ser uma pessoa estável e confiável, saberá manter a sua palavra e poderá ser inclusive muito pragmática já que os modos de ser e agir serão determinados pelo signo ascendente. Mas ela sempre será difusa em seus objetivos e não será apegada a nenhuma verdade. Será relativista, mudará de idéia, gostará e desgostará dos outros às vezes pelos mesmos motivos. O foco do geminiano parece residir numa tendência proposital a não se ater a nenhum foco. Em si isso não é bom nem ruim, no fundo torna-o livre, com todos os ônus e bônus dessa liberdade.

De modo geral a pessoa tende a ser mais frágil e suscetível, mas sua recuperação de qualquer mal estar é rápida: é uma pessoa que muda muito rapidamente. Os nascidos no hemisfério norte (primavera) são mais alegres, divertidos e românticos. Os nascidos no hemisfério sul (outono) são mais pragmáticos, intelectuais e resolutos. Se a pessoa tem mercúrio em gêmeos ela será típica, livre e terá o bônus da inteligência acima da média, da agilidade e da expressividade. Mercúrio em Touro torna a pessoa mais estável, materialista, apegada ao mundo das formas, fazendo com que ela mude com menos freqüência também. Mercúrio em Câncer torna a pessoa instável e emotiva mas ao mesmo tempo mais humana e confiável.